Associação Internacional de Lions Clubes – DMLC – Ano Leonístico 2020/2021

GOVERNADORIA DO DISTRITO LC-6

Rua São José, 2261 – Jardim Sumaré – CEP 14025-180 – Ribeirão Preto - SP

CARTA MENSAL DE OUTUBRO da

Coordenadoria Geral do Distrito LC-6

                                                     Ribeirão Preto, 01 de outubro de 2020

                                                    

Destinatários: PRESIDENTES DE CLUBES DO DISTRITO LC-6

Esta carta mensal é um trem cujos vagões transportam notícias e informações de interesse do leonismo, temas do nosso movimento, matérias que visam colaborar com o desenvolvimento dos nossos Clubes, instruções leonísticas e documentos que visam facilitar a vida dos nossos dirigentes no desempenho de suas funções. Sua finalidade é fazer com que o comboio chegue à sua parada final, que são os Clubes e seus associados, com o objetivo atingido. Fazemos votos para que os estimados Companheiros Leão e dulcíssimas Companheiras Leão Presidentes de Clubes não percam esse trem e fiquem perdidos na estação.   PDG MJF Antonio Domingos Andriani.

 

 

MENSAGEM DO GOVERNADOR:

 

Temos recebido vários telefonemas sobre nossa participação na 1.ª reunião do DMLC, realizada virtualmente nos dias 26 e 27 de setembro último, onde fizemos a apresentação do significado do PIN da Governadoria e do trabalho que os Clubes vêm realizando. Por isso, nada melhor do que apresentarmos ao Distrito, através desta carta mensal, um resumo daquilo que ocorreu naquele evento.

Relatamos durante nossa apresentação que, dentre os trabalhos que o Distrito LC-6 vem realizando, procuramos fazer uma retrospectiva de como nossos Clubes vêm atuando para cumprir as metas estabelecidas pela Governadoria, realizando um grande trabalho em suas respectivas Regiões.

Isso foi apresentado no vídeo. Iniciamos falando do PIN da Governadoria do Distrito LC-6. Nele aparece nosso lema “Companheirismo com Simplicidade”. Companheirismo com simplicidade, um modo simples de sermos e de tratarmos com carinho as pessoas, sem precisarmos ser autoritários. No destaque aparecem dois Leões e o emblema do Lions. Duas mãos aparecem amparando-os. Ali, os Leões somos nós, e eles nos representando no PIN. As mãos são o amparo que pedimos a Deus nessa caminhada que estamos enfrentando durante a tempestade da Covid.19. Um modo bem simples de nos colocarmos diante de Deus, rogando por sua ajuda. Esse é o PIN que nos acompanhará nessa caminhada. E que assim seja!

Falo agora do vídeo que foi apresentado, o qual, por si só, mostrou a realização de algumas das metas que nos propusemos realizar neste ano leonístico 2020/2021.

O vídeo mostra também as campanhas dos Clubes e os trabalhos que os mesmos estão realizando. O fundo musical que ilustrou o vídeo foi o “Tema da Vitória”, que é o que desejamos a todos e que certamente teremos no final de tudo isso que estamos passando com esse terrível Covid-19.

O vídeo mostra, por ordem alfabética, o que alguns Clubes do Distrito estão realizando. Por isso, não há necessidade de ficarmos narrando imagem por imagem, pois as mesmas já falam por si só.

Uma das metas a que nos propusemos realizar diz respeito ao aumento de associados, apesar de algumas perdas sentidas que temos registrado. Temos, até agora, um Clube de destaque no Distrito, onde foram admitidos 22 novos associados em apenas duas semanas, e com promessa de outras admissões. Estamos nos referindo ao Lions Clube São Sebastião do Paraíso e não poderíamos deixar passar a oportunidade de fazer esse nosso reconhecimento. Isso também é o “Nós Servimos”.

Como vocês puderam observar, o vídeo apresentou os trabalhos que os Clubes vêm realizando durante a presente pandemia. Temos que valorizar nossos Clubes, pois eles demonstram a força do Distrito. O Governador é um mero coadjuvante nisso tudo!

E assim será, demonstrando que o Distrito tem lideranças dentro dos seus Clubes.

Tem que ser assim em todos os setores da nossa vida. Valorizarmos sempre o trabalho das pessoas que estão ao nosso lado.

Finalizando, e para relembrar, as imagens do vídeo apresentado poderão ser revistas acionando o site oficial do Distrito.

Um grande abraço a todos.

        

DG MJF Antonio Paulo Caliento, Governador do Distrito LC-6

 

EDITORIAL:

 

Estamos nos preparando para o funeral do protocolo leonístico?   Pode parecer um questionamento sem nexo, mas tem tudo a ver com o que passo a relatar.

A literatura ensina que o protocolo é irmão da etiqueta e da boa educação, filho do bom-senso e das boas maneiras. Na teoria isso é lindo, muito lindo! Só que, na prática, alguns membros da família leonística estão tratando esses nossos “parentes” de forma deselegante e, em alguns casos, até mesmo vexatoriamente. E a constatação desse fato depõe contra a excelência que deve envolver e nortear nossas atividades.

Alguns atos que tenho observado, nos últimos tempos, chega às raias do absurdo. Principalmente levando-se em conta que agressões inadmissíveis contra o protocolo leonístico têm sido praticadas por Leões que estão há longos anos no movimento. E estes, pelo menos, têm por obrigação conhecer um mínimo que seja das regras que devem conduzir nossas solenidades. Ou, se não conhecem, devem perguntar e pesquisar. Isso não é desdouro para quem quer que seja, já que ninguém nasce sabendo.

Que absurdos são estes? Exemplificando, e para não saturar a paciência de ninguém, vou comentar três situações que já constatei e presenciei:

Primeira: por mais que o assunto tenha sido discutido e martelado, ainda são cometidos erros lamentáveis quando ao posicionamento das bandeiras nas respectivas bases ou suportes. Presume-se que cada Clube deve ter, sem seus arquivos, dezenas de instruções e orientações sobre a ordem de colocação das bandeiras,basta apenas consultar. Participei de uma importante solenidade distrital. As bandeiras colocadas nos mastros para hasteamento não obedeciam a ordem protocolar. E, pasmem, nesta solenidade convidaram um graduado dirigente leonístico – que por sinal foi o orador oficial do evento – para hastear uma bandeira que estava no lugar errado. Prefiro acreditar que o rubor que se apossou do seu rosto foi originado pelo sol que no momento brilhava sobre o local...

Segunda: Formação de mesa dirigente tem sido outro ponto de desacato ao protocolo leonístico. Especialmente em solenidades de Clubes. O puxa-saquismo natural para com as pessoas da comunidade, que evidentemente merecem as honrarias, só que nos lugares que lhes competem, foi por mim observado em inúmeras oportunidades. Ora são vereadores ou representantes do prefeito que são declinados em detrimento a Ex-Governadores presentes; outras vezes presidentes de Rotarys ou veneráveis de Lojas Maçônicas são convidados antes de dirigentes leonísticos graduados,até mesmo prefeitos são chamados antes do Ex-Governador Imediato ou Vice-Governadores do Distrito presentes. E assim a barca vai, cada vez mais desgovernada, simplesmente por falta de quem a conduza com zelo e competência.

Terceira: e o Mestre de Cerimônia? Em alguns casos sua atuação chega a ser lamentável! Menos por culpa dos Companheiros ou Companheiras Leão convocados ou convocadas para as funções, sem conhece-las, mas por culpa exclusiva dos Presidentes e Diretores Sociais, aos quais cabe a definição do protocolo e a orientação de todos que estejam envolvidos na programação. Existe aquele Mestre de Cerimônia que pega o microfone no início da festiva e larga somente no fim, cometendo, inclusive, o sacrilégio de conceder ou anunciar a palavra de dirigentes, quando isso é prerrogativa exclusiva do Presidente. Tem outro que gosta de imitar o apresentador de telejornal, comentando toda notícia que divulga. Há também aquele que gosta de fazer introduções sobre as qualidades pessoais de Companheiros, quando não das suas próprias, relatando que fez isso ou aquilo. E. se não bastasse, antes de devolver o colar faz uma longa peroração, cheia de citações e salamaleques, para agradecer penhoradamente o privilégio de ter sido designado para as funções. Sinceramente, não há... tempo que não estoure. O Mestre de Cerimônia é peça importante numa assembleia, pois a ele cabe uma parte na direção dos trabalhos. Mas ele deve conhecer as regras e saber aplica-las, pois é somente executor de um ritual. Nada mais que isso!

Como disse, esses são apenas três exemplos, pois se fosse relatar dezenas e dezenas de outras falhas que tenho observado provavelmente este editorial iria longe demais

Existem culpados pela degringolada que está havendo no desprezo e desrespeito ao protocolo leonístico? Claro que sim!   Somos todos culpados!   Eu, você, Presidentes de Clubes, Presidentes de Região e Divisão, Assessores e Assistentes Distritais, Ex-Governadores e o próprio Governador do Distrito. Cada um deve atuar no limite da respectiva competência para tentar salvar um dos mais lindos procedimentos leonístico que é o seu protocolo.

Senão? Bem, senão vamos nos preparar para o funeral do protocolo leonístico. Mas, por gentileza, que nas exéquias, como despedida final, sejam utilizadas flores roxas e amarelas para simbolizar as cores oficiais do Lions, cuja observância será, de certa forma, um meio de nos lembrarmos do protocolo leonístico.

 

            PDG MJF Antonio Domingos Andriani, Coordenador Geral do Distrito LC-6

 

DIA MUNDIAL DO SERVIÇO LEONISTICO:

 

Vivemos em um mundo em que o progresso tecnológico é impressionante. Continentes e oceanos podem ser percorridos em minutos. Em segundos podemos entrar em contato com uma pessoa em qualquer parte do mundo. A lua já foi visitada por humanos.

Entretanto, em todas as partes do planeta milhões de pessoas sofrem os males da pobreza, do desamparo e da fome. Outros milhões vivem em desespero diante da falta de compreensão, compaixão, carinho e proteção.

Foi com esse escopo serviço aos necessitados do mundo que nossa Associação Internacional de Lions Clubes criou o “Dia Mundial do Serviço Leonístico”, com o objetivo de levar a todos os necessitados e abandonados e assistência e o socorro que necessitam para viver com dignidade.

Assim, todos os anos, o dia 08 de outubro brilha como um farol luminoso de esperança humanitária para as pessoas necessitadas.

É nesse dia que Companheiros Leão, Companheiras Leão, Domadoras, Leos e Juventude Leonística de todo mundo se unem em serviço, trabalhando com uma força única para confortar e prestar assistência tanto aos cidadãos de nossas comunidades como aos habitantes menos afortunados em todo mundo.

O “Dia Mundial do Serviço Leonístico” é um dia no qual toda nossa família humanitária se compromete com o serviço ao próximo. É um dia no qual compactuamos com o “Nós Servimos”.

O dia 08 de outubro tem mais do que um propósito. Na verdade, neste dia grandes atos de serviço são inspirados por Leões dedicados.

Este singular dia de serviços também oferece oportunidade para renovação espiritual para homens e mulheres que decidem servir ao próximo através dos Lions Clubes.

Neste dia, as mãos e o coração de cada Leão unem-se em serviço com homens e mulheres de diferentes culturas e nacionalidades,pessoas que falam idiomas diferentes e agem de modo diferente.

O leonísmo é um idioma falado por todos que possuem espírito humanitário. É a voz que sobressai para ser ouvida além dos clamores de dor e pobreza das necessidades mundiais.

 

REPETIR OU NÃO REPETIR, EIS A QUESTÃO:

 

Tornou-se protocolar, no final de uma assembleia leonística, o dirigente da solenidade solicitar que algum Companheiro Leão ou Companheira Leão faça a leitura da “Oração pelo Brasil” ou da “Oração Final”. Ambas têm texto altamente significativo e exalta os ideais do nosso serviço desinteressado. Existe, porém, um fato que vem deslustrando o protocolo leonístico. A “Oração pelo Brasil” deve ser repetida pelos presentes. A “Oração Final” não deve ser repetida pelos presentes. Dessa forma, quando alguém for convidado para proferir a “Oração pelo Brasil”, deve se dirigir aos presentes e dizer: “por favor, repitam comigo”, e ler a mensagem pausadamente para que todos possam acompanhar seus enunciados.   Infelizmente ainda existem muitos membros da nossa família leonística (inclusive altos dirigentes) que, convidados para ler a “Oração Final”, pedem para que os presentes repitam seus enunciados. Vamos corrigir enquanto é tempo!

 

O EMBLEMA DO LIONS:

Quando nós tomamos posse como associados do Lions recebemos, normalmente, orientação para usar o distintivo com orgulho, mostrando a todos que pertencemos a uma Associação que presta serviços desinteressados à comunidade.

Segundo o “Dicionário Enciclopédico Leonístico”, de autoria do saudoso PID Áureo Rodrigues, o “PIN” é uma expressão inglesa traduzida por emblema, broche ou distintivo, usado nas lapelas ou nas golas de camisas e blusas, a fim de que o possuidor seja identificado como associado de um Lions Clube.

Esse emblema, hoje, é o símbolo de serviço mais largamente usado em todo mundo. Ele aparece ostentado por homens e mulheres que se uniram com a finalidade de prestar serviço desinteressado àqueles que necessitam.

Milhares de pessoas desprivilegiadas, em desabrigo ou sofrimento, estão agora gratas pela luz de esperança que este emblema trouxe para suas vidas.

Quem usa o emblema do Lions? Homens e mulheres de inúmeras nacionalidades, raças, crenças religiosas e políticas, pois o emblema é um símbolo de compreensão e cooperação entre as pessoas de boa vontade.

Os Companheiros Leão, Companheiras Leão e Domadoras orgulham-se de usar o seu emblema e pertencer ao Lions. Eles são parte de uma cadeia humana de serviço que se estende por todo o globo, ignorando limites e fronteiras.

O distintivo com o emblema do Lions tem um importante significado. Ele identifica o CL, a CaL ou a DM que o usa como um digno associado de uma organização mundial unida a serviço da humanidade. Significa que você está contribuindo com algo para a vida, ao invés de estar apenas tirando proveito dela.

Use sempre o emblema do Lions com orgulho!

A propósito, na próxima assembleia do seu Clube, se notar que algum Companheiro Leão não está ostentando o emblema do Lions, não se acanhe em perguntar: “Companheiro, onde está o seu Pin?

 

OUTUBRO ROSA:

 

Você sabe o que é “Outubro Rosa”?

Outubro Rosa é uma campanha anual realizada mundialmente em outubro, com a intenção de alertar a sociedade sobre o diagnóstico precoce do câncer de mama.

A mobilização visa também à disseminação de dados preventivos e ressalta a importância de olhar com atenção para a saúde, além de lutar por direitos como o atendimento médico e o suporte emocional, garantindo um tratamento de qualidade.

Durante o mês, diversas instituições abordam o tema para encorajar mulheres a realizarem seus exames e muitas até os disponibilizam. Iniciativas como essa são fundamentais para a prevenção, visto que nos estágios iniciais a doença é assintomática.

Sobre o câncer de mama:

O câncer de mama é uma doença causada pela multiplicação de células anormais da mama, que formam um tumor. Há vários tipos de câncer de mama. Alguns tipos têm desenvolvimento rápido, enquanto outros são mais lentos. É um tumor maligno que afeta o tecido mamário e é um dos tipos mais comuns, segundo o Instituto Nacional do Câncer. Ele se desenvolve quando ocorre uma alteração de apenas alguns trechos das moléculas de DNA, causando uma multiplicação das células anormais que geram o cisto.

A importância da mamografia:

De acordo com o Instituto Oncoguia, diagnosticar o câncer precocemente aumenta significativamente as chances de cura, pois 95% dos casos identificados em estágio inicial têm possibilidade de cura. Por isso, a mamografia é imprescindível, sendo o principal método para o rastreamento da doença.

Conforme dados da Sociedade Brasileira de Mastologia, das 11,5 milhões de mamografias que deveriam ser realizadas no ano passado, apenas 2,7 milhões foram feitas. A diminuição acentuada do exame é um risco para milhares de mulheres e um alerta para a importância da campanha.

Sinais e sintomas do câncer de mama:

- Caroço (nódulo), geralmente indolor.

- Pele da mama avermelhada ou parecida com casca de laranja.

- Surgimento de alterações no bico do peito (mamilo), ou saída espontânea de líquido de um dos mamilos.

-Mamas vermelhas e quentes.

- Mudança no formato ou tamanho.

- Mamilo retraído.

- Veias crescentes.

Aproximadamente 80% dos tumores são descobertos pelas próprias mulheres através do toque.

O homem também pode ter câncer de mama. Porém, o percentual é significativamente menor quando comparado às mulheres: apenas 1% do total de casos.

Breve história:

O movimento “Outubro Rosa” teve início no ano de 1990 em um evento chamado “Corrida pela Cura”, que aconteceu em Nova Iorque, nos Estados Unidos, destinado a arrecadar fundos para a pesquisa realizada pela instituição “Susan G. Komen Breast Cancer Foundation”.

O evento ocorria sem que houvessem instituições públicas ou privadas envolvidas. A medida em que cresceu, outubro foi instituído como o mês de conscientização nacional nos Estados Unidos, até se espalhar para o resto do mundo.

A primeira ação no Brasil aconteceu em 2002, no parque Ibirapuera, em São Paulo, com a iluminação cor-de-rosa do Obelisco Mausoléu ao Soldado Constitucionalista.

A partir de 2008, iniciativas semelhantes se tornaram cada vez mais frequentes. diversas entidades relacionadas ao câncer passaram a iluminar prédios e monumentos transmitindo a mensagem: a prevenção é necessária.

Os Lions Clubes, pela sua própria natureza de entidade voltada às causas humanitárias, podem se envolver na divulgação do “Outubro Rosa”.

 

INVESTIR NA FELICIDADE:

 

Qualquer que seja a trajetória da nossa vida, e para obter aquilo que procuramos, é preciso haver um mínimo sentido de liderança, pois sem isso ninguém conseguirá essa coisa tão procurada e ambicionada chamada êxito.

E êxito somente conseguimos se lutarmos com fé, dedicação, amor, zelo abnegação e muito desprendimento.

A nossa Associação Internacional de Lions Clubes encerra em seu bojo a magnitude que toda nossa imaginação possa alcançar. Parem e pensem! Aqui encontramos uma filosofia de trabalho, comportamento, perseverança, sentimento, consideração, relacionamento, eficiência, reciprocidade, amizade, bem-estar, busca e compreensão.

Podemos passar horas adjetivando o sentido da palavra que encerra nossa Associação, para nos expressarmos e resumi-la numa só palavra: AMOR.

Temos nossa ética e nossos propósitos. Se parássemos um pouco e refletíssemos sobre o que significa nossa Associação, encontraríamos toda uma regra de conduta, de bem viver e de bem pensar.

Nossa entidade pertence a todos nós. Ela não é privilégio de intelectuais, professores, técnicos, políticos, religiosos e muito menos apenas daqueles que dispõem de tempo. Com apenas duas palavras nós formulamos o ingrediente necessário para tornar nossa Associação um sucesso: BOA VONTADE.

Sabemos perfeitamente que o sucesso da nossa Associação depende fundamentalmente dos seus associados. O segredo está em descobrir a fonte preciosa das ideias de êxito, para que fecunde e desabroche o potencial humano que existe em cada um de nós.

As coisas mais importantes da vida não encontramos na opulência do poder, nem tampouco na riqueza. Nós vamos encontra-la na simplicidade da natureza. Aí sim, descobre-se a importância que nos motiva a conseguirmos aquilo que desejamos, atingindo a verdadeira finalidade da vida.

A Associação nos dá a chance de desenvolver as possibilidades ilimitadas que existe em cada um de nós, para emergirmos, elevando o sentido maior dos nossos objetivos e dando o melhor de nós pela união e amizade que deve prevalecer.

Precisamos nos agregar em torno da nossa Associação, participando de todas as suas propostas e ações. O importante é agir. Da ideia à ação, sem temer o erro. Nós somos os semeadores e as sementes: colhemos aquilo que plantamos.

Nunca devemos deixar de agir por medo de errar. Todo mundo erra, e somente não erra quem nada faz ou quem nada diz. O importante é saber usar o bom-senso para tirar proveito dos erros.

Não é o tempo que faz alguém ser maior ou saber mais do que os outros, mas, sim, a atenção nas experiências acumuladas.

A ideia da criação da Associação não foi fazer uma sociedade para nos sentirmos importante com a força do seu sentido, mas unicamente fazer desse movimento uma força de prestígio calcada no seu patrimônio humano.

É a parcela do trabalho de todos nós (às vezes anônima), a nossa inteligência, a nossa disposição, a nossa responsabilidade, o nosso conceito e uma série de outros atributos que, somados, fazem o prestígio da nossa Associação.

Alguém já afirmou que “amar é investir nossa felicidade na felicidade do outro”. É um investimento que não custa nada! Vamos investir?

 

NINGUÉM NA FRENTE DA BANDEIRA DO BRASIL:

 

Hoje em dia, nos eventos leonísticos distritais, talvez por motivos logísticos, quase já não há mais a solenidade de hasteamento das bandeiras. O que se tem feito, atualmente, é a realização da solenidade de homenagem às bandeiras no próprio recinto das plenárias. O suporte com as bandeiras é colocado em posição estratégica e os dirigentes leonísticos convidados se postam à frente dos diversos pavilhões. Durante a solenidade, e normalmente após a execução do Hino Nacional, alguém é destacado para fazer a saudação ao Pavilhão Nacional. É nesse momento que ocorre uma aberração ao protocolo leonístico. Enquanto a saudação é feita, os dirigentes convidados continuam postados à frente das bandeiras, ocultando-as parcialmente ou quase por completo. Quando é feita a saudação à Bandeira do Brasil, ninguém pode ficar colocado à sua frente. Ela deve ficar livre e solta para que possa ser saudada condignamente. Nesse caso, e antecipadamente, o condutor da solenidade deve solicitar aos dirigentes que participaram do ato para que, antes de ser iniciada a saudação à Bandeira do Brasil, eles se desloquem do lugar em que estão e se coloquem ao lado do suporte onde estão as bandeiras, deixando principalmente a do Brasil completamente visível para todos os presentes. Vamos corrigir enquanto é tempo!

 

E OS NÚMEROS CONTINUAM CAINDO VERTIGINOSAMENTE:

Antes eram 6.

Depois passaram para 9.

Mais tarde foram registrados 11.

Não muito tempo depois eram 15.

Mais algum tempo e já eram 19,

Em janeiro de 2019 o número passou para 26.

Um mês depois, em fevereiro, já eram 28.

E agora, no último levantamento feito, em agosto de 2020, já são 33 Clubes do nosso Distrito LC-6 com menos de 20 (vinte) associados, que corresponde a 50% das nossas atuais 66 unidades.

Lions Internacional recomenda que os Clubes deverão se empenhar para manter 20 associados, que é o número mínimo exigido para recebimento da Carta Constitutiva.

Não é da alçada desta Coordenadoria, mas julgo de utilidade fazer um alerta: alguém precisa tomar alguma providência, por mais drástica que seja. Senão...

Com a palavra os estimados Companheiros Leão e dulcíssimas Companheiras Leão Presidentes dos 33 Clubes que estão com o déficit registrado!

 

COMO ORGANIZAR UMA REUNIÃO OU SEMINÁRIO:

 

Quando você for convidado para organizar uma reunião ou seminário, ou mesmo participar da atividade em conjunto com outros Companheiros e Companheiras, poderá se valer do conteúdo educativo abaixo para preparar ou divulgar o evento.

Na coluna da esquerda estão os 13 tópicos possíveis para se preparar e divulgar uma reunião ou seminário. Estão fora de ordem. Coloque nos parênteses a numeração sequencial (de 01 a 13) que você acha correta e correspondente a cada tópico. Por exemplo: se achar que “promover as inscrições” é o primeiro passo para organizar a reunião, coloque o n.º 01 no parêntese correspondente. Na coluna da direita está sequência que você deverá utilizar para registrar sua opinião.

(     )  Marcar data, local e hora.         (01) ________________________
(     )  Selecionar temas. (02) ________________________
(     )  Avaliar o seminário. (03) ________________________
(     )  Escolher os expositores. (04) ________________________
(     )  Preparar o regulamento do evento.    (05) ________________________
(     )  Conclusões. (06) ________________________
(     )  Promover as inscrições. (07) ________________________
(     )  Selecionar o pessoal de apoio. (08) ________________________
(     )  Divulgar resultados. (09) ________________________
(     )  Divulgar o seminário. (10) ________________________
(     )  Debates. (11) ________________________
(     )  Levantar necessidades.             (12) ________________________
(     )  Apresentação dos temas. (13) ________________________

 

Estou divulgando este conteúdo com o único objetivo de avivar a atenção dos interessados para as atividades leonísticas.   Depois de registrar sua opinião, você poderá confrontá-la com o resultado que estamos divulgando no final desta carta mensal.

 

BOLETIM VIRTUAL X BOLETIM IMPRESSO

 

O título que encima deste capítulo, e o artigo que a seguir transcrevemos, é de autoria do PMJF Antonio Douglas Zapolla, Assessor Distrital de Instruções Leonísticas, Revistas BIG e Lion Sudeste, pertencente ao quadro associativo do Lions Clube Brodowski:

“A globalização, a internet, as facilidades dos boletins virtuais vêm dominando a imprensa do leonismo e temos poucos boletins impressos que são distribuídos nas comunidades. As facilidades da tecnologia em contraposição ao custo financeiro da impressão e despesas de correio, colaboram para esse cenário.

Acreditamos nesse novo modo de comunicação que democratiza rapidamente as informações, atingindo praticamente o mundo todo em poucos segundos. Mas será que atinge a sua verdadeira finalidade? A valorização do Lions Clube, do movimento leonístico em nossa comunidade está sendo conseguido com boletim on-line?   Não será esse um meio de pessoas que já são do Lions, Companheiros e Companheiras que tenham internet e que as usam com frequência?

Temos que pensar na nossa necessidade de aparecer perante as autoridades locais, o comércio e a indústria, os profissionais liberais, que de certa forma são o alvo principal para a divulgação leonistica, para que a comunidade local acompanhe, valorize, colabore e entenda o que o Lions Clube faz. É preciso divulgar o quanto o Lions é importante em uma comunidade. Assim, através do conhecimento dessas atividades, podemos conseguir novos associados que venham garantir a continuidade do movimento leonístico.

Afinal de contas, o boletim impresso pode ser lido em um escritório, consultório, num gabinete, numa loja, em um dos momentos para uma leitura “de espera”, de informação rápida e eficaz. E também acreditamos que muitos que recebem uma edição virtual, excluindo aqueles diretamente interessados, seja do clube, editor e de clubes e dirigentes, certamente não os lêem em sua totalidade, se apegando apenas às manchetes.

Por isso, a importância da nossa imprensa leonística continuar a editar os seus boletins, por mais simples que sejam, e que sejam divulgados e distribuídos nas comunidades.

Sabemos também que os Clubes não dispõem sempre de recursos financeiros para imprimir seus boletins e especialmente enviá-los pelo correio, já que a franquia é onerosa. Se enviarmos muitos, certamente o correio ficará mais caro que a gráfica. Por isso os on-line devem continuar sendo elaborados, e se o Clube tem um Companheiro com conhecimento, seja de word, pdf ou corel draw, estes boletins não irão ter custo algum.

Inclusive em nossas comunidades, sendo enviados em nossos grupos de whatsaap e para todos os nossos contatos.

Por isso, temos que nos adequar a esta realidade, acreditando que ambos irão atingir sua finalidade.

A internet já é uma realidade e facilita sobremaneira esta comunicação e envio virtual dos nossos boletins.

Parabenizo todos os Editores de boletim e os convido a continuar o trabalho para não deixar nossos boletins morrerem.

Vida longa à imprensa leonística. Impressa ou virtual.” (sic)

 

A IMPORTÂNCIA DO LIONS QUEST:

 

O título que encima este capítulo, e a mensagem abaixo transcrita, é de autoria do MJF Marcos Giovani Lagassi, Assessor Distrital de Lions Quest, pertencente ao Lions Clube Guaíra:

“O que é Lions Quest?

Lions Quest é um programa de habilidades para a vida, desenvolvendo habilidades nas crianças e jovens para que ao longo da sua vida psicossocial tenham a oportunidade de se tornarem cidadãos que possam proporcionar bons exemplos à sociedade. O programa traz também uma série de ações para prevenção sobre o uso de drogas. Este programa de LCIF está implementado em mais de 50 países ao redor do mundo. Os programas de Lions Quest orientam os jovens para as habilidades necessárias ao sucesso de suas vidas. Essas habilidades são:

    • Aprender a assumir responsabilidades.
    • Comunicar-se eficazmente. 
    • Estabelecer metas. 
    • Tomar decisões responsáveis. 
    • Resistir à pressão para o uso de drogas e álcool. 
    • Oferecer recursos de alta qualidade para as salas de aulas, possibilitando aos professores ter em mãos material didático de acordo com a faixa etária dos alunos. 
    • Oferecer oportunidades aos estudantes para que aprendam habilidades para a vida, travando amizades positivas. 
    • Envolver a família e a comunidade no desenvolvimento de jovens saudáveis. 

Nosso Distrito LC-6 sempre esteve atento a essa necessidade de desenvolvimento das crianças e jovens, e, por isso, não mede esforços para implementação do programa junto aos Clubes.   Só que se faz necessário o envolvimento e o comprometimento de cada Clube para assumir a implementação do programa.

Hoje, em decorrência do cenário da pandemia, o programa Lions Quest também sofreu consequências para sua realização. Precisamos, ao longo desse cenário, desenvolver meios para que possamos dar sequência ao programa. Sabemos que nosso Distrito é repleto de CCLL, CCaLL e DDMM que tem envolvimento com a educação. Caso tenham alguma sugestão de como poderemos contornar essa situação de forma eficaz, saibam que suas sugestões serão sempre muito bem-vindas.

Programa Lions Quest: melhor construir crianças do que reparar adultos! (sic)

 

NOVO COORDENADOR DO GST DO DISTRITO LC-6:

 

O DG MJF Antonio Paulo Caliento, face ao inesperado e sentido falecimento do MJF Valdir Edgard Homem, precisou alterar a composição da sua equipe e nomear um novo titular para o cargo de Coordenador Distrital da Equipe de Serviço Global (GST) do Distrito LC-6.

Depois das consultas julgadas indispensáveis, e considerando a necessidade de se nomear para o cargo um Companheiro Leão de real capacidade e com condições de dar continuidade ao trabalho que deve ser desenvolvido na importante função, o Governador nomeou para o cargo o PMJF Carlos Roberto Ramos Rodrigues, do Lions Clube Mirassol, que responderá pelo mesmo cumulativamente com suas funções de Assessor Distrital da Mútua Leonística.

Através da resolução n.º 21-2020/2021, editada em 28 de setembro de 2020, o DG Caliento sacramentou a nomeação e desejou sucesso ao ilustre Companheiro Leão no desempenho das funções.

 

CALENDÁRIO LEONÍSTICO DE OUTUBRO:

 

Mês do aumento de associados

Mês da Cooperação e Compreensão Internacional

08 - Dia Mundial do Serviço Leonístico

10 – 1.ª Convenção Internacional – Dallas – Texas – USA (10/10/1917)

           

           

CALENDÁRIO CÍVICO DE OUTUBRO:

 

04 – 1.º domingo – Dia do Município

04 - Dia dos Animais

12 - Dia da Criança

12 - Descobrimento da América

15 - Dia do Professor e da Professora

24 - Dia das Nações Unidas

 

DIA DO MUNICÍPIO – 1.º DOMINGO DE OUTUBRO:

 

Tudo é constituído por unidades. Os indivíduos constituem a família. As famílias constituem os bairros. Os bairros, os municípios. E estes, os Estados. E os Estados formam o país.

O município representa uma célula importante na estrutura nacional, pois tem a organização político-administrativa, características próprias, produções e assim vai. Dentro dos Estados, um dos municípios representa a capital, onde está sediado o governo estadual.

As origens dos municípios são muitos diversificadas. Os mais antigos começaram a se formar a partir de núcleos estabelecidos por colonizadores e bandeirantes. Outros, mais modernos, tiveram origens em fazendas ou foram instituídos por planejamento, como é o caso de Belo Horizonte/MG. Alguns desses municípios, por diversas razões, progrediram bastante, enquanto outros não tiveram a mesma sorte.

De modo geral, os municípios têm suas qualificações: econômica, industrial ou agrícola, registrando-se, também, os históricos, como Ouro Preto, a antiga Vila Rica, no
Estado de Minas Gerais. Ouro Preto é uma importante amostra do Brasil antigo, com suas igrejas, ruas íngremes e estreitas e as celebres esculturas do Aleijadinho. Foi ali que se desenvolveu o drama da Inconfidência, da qual Tiradentes viria ser o símbolo imortal.

Todos os habitantes devem se interessar pelo seu município e por tudo que ali acontece. O interesse pelo progresso do seu próprio município irá, de forma decisiva, refletir no progresso do país;

 

04 DE OUTUBRO – DIA DOS ANIMAIS:

 

Qual será o resultado da dívida que a humanidade tem para com os animais? Um cálculo dessa dívida, naturalmente, seria impossível, pois não há momento em que ela não se multiplique, em todo mundo, mais rápida do que os nossos processos de cálculo.

Os animais estiveram lado a lado com o homem através da caminhada que ele empreendeu em sua evolução. Foram os animais que, com o seu trabalho, com sua carne, com seu valioso couro, com seus ossos, permitissem ao homem que sobrevivesse pelos milênios e construísse as diversas civilizações, que foram como que degraus por ele caminhou até a época atual.

Desde que o homem descobriu que podia fazer amizade com certos animais, ele entrou em outra fase da sua história, pois passou de ser errante que era, sempre atrás de caça mais fácil, a criador fixo da sua região. Contribuindo para a formação de núcleos populacionais,

De um modo ou de outro todos os animais são úteis ao homem. Os domésticos, de forma direta,os selvagens, indiretamente, pois propiciam o equilíbrio ecológico, imprescindível à nossa existência.

Devemos, portanto, conscientemente, proteger os animais, dando-lhes condições para que se reproduzam. Não devemos maltratá-los, pois eles também sofrem e têm medo. E também não devemos matá-los se não houver necessidade. Para isso, somos providos de inteligência e de sentimentos.

 

12 DE OUTUBRO – DIA DA CRIANÇA:

 

A “Semana da Criança” começa no dia 05 de outubro e termina no dia 12, “Dia da Criança”. Na semana, são executados diversos programas com o objetivo de se propiciar às crianças os melhores momentos recreativos e culturais. Há concursos de redação e de desenhos, muito importantes para despertar as vocações infantis. A infância pode ser considerada como base onde se desenvolverão a adolescência e a maturidade.

Os adultos devem se esforçar para que as crianças cresçam no melhor ambiente possível, tanto em casa como na escola. Hoje, as escolas orientam os princípios de comportamento em família, na sociedade e seus deveres para com a Pátria. Os país devem colaborar com os professores no sentido de que casa e escola se integrem na importante missão de preparar as nossas crianças para que ocupem lugar construtivo na família, na sociedade e na Pátria.

Agindo nesse sentido, teremos no futuro um povo constituído apenas de indivíduos conscientes, que jamais oporão a violência, a vingança, a incompreensão aos princípios de amor ao semelhante, com o consequente respeito à Justiça.

Portanto, a criança é merecedora de todo cuidado por parte dos adultos. Estes devem se conscientizar da responsabilidade que tem para com o mundo infantil, que inapelavelmente será o mundo de amanhã.

 

12 DE OUTUBRO – DESCOBRIMENTO DA AMÉRICA:

 

Vamos recordar os bancos escolares, onde demos os primeiros passos para nos trazer ao que somos no dia de hoje? Dia 12 de outubro de 1492! Dia em que, segundo diz a literatura, a América foi descoberta por Cristovão Colombo!

O primeiro ponto avistado do novo continente foi a ilha de Guanaani. Porém, Colombo estava certo de que a ilha descoberta pertencesse às Índias, para as quais procurava encontrar um caminho mais curto pelo Ocidente. Tomou posse da ilha, a que denominou São Salvador, em nome dos reis da Espanha, Fernando e Isabel.

Foram muitas as lutas de Colombo para conseguir meios que lhe permitissem a viagem, pois os nobres não acreditavam na possibilidade de um novo caminho para a Ásia Oriental, bem como na descoberta de novas terras, de acordo com as constantes afirmações de Colombo. Os únicos interessados foram os reis Fernando e Isabel. Forneceram três navios ao futuro descobridor da América: “Santa Maria”, “Pinta” e “Nina”. Estas embarcações suficientemente equipadas para a missão.

A 03 de agosto de 1492, o navegador iniciou a viagem partindo de Palos. Fundeou nas Ilhas Canárias para abastecer-se de água fresca. Depois, navegou para o oeste e mais tarde para o sudoeste, penetrando em mares desconhecidos.

Às duas horas da manhã de 12 de outubro, o marinheiro Rodrigo de Triana anunciava terra à vista. Era a ilha de Guanaani.

Colombo nasceu em Gênova,, Itália, em 1451. Morreu em Valadolid, Espanha, em 1506. Após a descoberta, realizou ainda três viagens à nova região.

 

15 DE OUTUBRO – DIA DO PROFESSOR E DA PROFESSORA:

 

Repartir o que temos seria a forma mais avançada de fraternidade.

O professor e a professora são exemplos de altruísmo intelectual. Sua finalidade é absorver conhecimentos e reparti-los com os discípulos. Ensinar é uma tarefa que exige altruísmo e responsabilidade, e, em consequência, o(a) professor(a) tem um trabalho constante para atualizar-se e preparar suas aulas.

Em tempo que não vai muito longe, quando a criança inicia seus estudos é num ambiente de compreensão e carinho. Sentindo-se como se estivesse em casa. O ensino nos primeiros anos geralmente é ministrado por professora. Ela precisa ter muita capacidade, muito amor, para tratar todas as crianças como se fossem seus filhos. Isso é muito importante, pois os primeiros anos de estudo vão constituir para as crianças a base para os estudos posteriores. Portanto, ensinar é uma tarefa quase que sagrada.

O progresso de um país depende da cultura do povo. Ao professor e à professora não cabe apenas dar instrução, mas sim preparar o aluno para absorver cultura. Por tudo isso, os discípulos devem sempre agradecer aos mestres,colaborar com eles em seu trabalho inigualável, compreender a importância do significado que ele representa.

No “Dia do Professor e da Professora” os alunos têm por dever dedicar-se a um pouco de reflexão para saber se estão correspondendo ao sacrifício dos mestres,se estão entendendo o significado da sua missão.

Quando terminei este breve comentário, acordei e vi que estava em pleno ano de 2020. E aquele meu rascunho era dos anos de 1950 do século passado, quando eu frequentava os bancos escolares. Hoje, lamentavelmente, como nossos mestres são desvalorizados e desprotegidos em todos os sentidos!

 

24 DE OUTUBRO – DIA DAS NAÇÕES UNIDAS:

 

Após a segunda grande guerra, o mundo precisava compreender que havia necessidade da criação de um órgão internacional com capacidade para resolver os grandes problemas mundiais, evitando, assim, a disputa bélica.

E assim foi criada a ONU-Organização das Nações Unidas. A atual sede do organismo está localizada em um terreno com cerca de 70.000 m2, localizado ao longo do East River, ilha de Manhattan, nos Estados Unidos. Graças a um empréstimo de 65 milhões de dólares feito pelos americanos, a construção da sede da entidade foi iniciada em 1948. O terreno onde está localizada a sede da ONU é considerado território internacional

A ONU possui diversos órgãos que são encarregados de manter a ordem e o progresso mundiais. As sedes desses órgãos estão situados em várias partes do globo, como Londres, Genebra e Viena.

Com a criação da ONU o mundo passou a ter uma entidade a quem recorrer para solução dos seus problemas.   Os principais órgãos da ONU são: Assembleia Geral, Conselho de Segurança, Conselho Econômico e Social, Conselho de Administração Fiduciária, Tribunal Internacional de Justiça, Secretaria Geral, Agência Internacional de Energia Atômica, Associação Internacional de Desenvolvimento, Organização Mundial da Saúde e Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO).

A principal finalidade da Organização das Nações Unidas é garantir a segurança e a integridade das nações.

 

QUESTIONAMENTOS DO GOVERNADOR PARA CADA PRESIDENTE DE CLUBE:

 

- Como está seu Clube na parte administrativa? As assembleias, apesar da pandemia da Covid-19, têm sido realizadas? Presenciais ou virtuais?

- Como está a situação financeira do seu Clube?   As taxas e cotas têm sido pagas? Os pagamentos dos associados estão em ordem? Vocês estão com alguma dificuldade ou problema financeiro?   (Não esqueçam de incluir os novos associados na Mutua Leonística, com o pagamento das cotas devidas).

- A Secretaria está relatando as atividades de serviço do Clube para o site MyLion? Tem havido alguma dificuldade para se conectar com Lions Internacional? O Secretário sabe que, se tiver alguma dificuldade com relação a MyLion, pode contatar diretamente com o Assessor Distrital do Concurso de Eficiência? A Secretaria tem ciência que as atividades para MyLion devem ser reportadas no mesmo dia da realização, ou o mais breve possível, para que haja possibilidade de registrar essas atividades por dia da realização e, também, para valorizar as horas de voluntariado comprometidas?

- A Tesouraria está relatando a movimentação de associados (ingresso, desligamento ou transferência) para o site MyLCI? Tem havido alguma dificuldade para conexão com o site?

O Tesoureiro sabe que, se tiver alguma dificuldade com relação com MyLCI, pode contatar diretamente com o Assessor do Banco de Dados e Tecnologia da Informação? E que as informações sobre movimentação de associados devem ser igualmente enviadas para o site oficial do Distrito LC-6, para garantia do perfeito funcionamento da Mútua Leonística?

- Você tomou conhecimento e está ciente das metas da Governadoria para o presente ano leonístico? Verificou que essas metas foram especificadas na ata da 1.ª Reunião do Comitê do Gabinete Distrital? Existe algum planejamento do Clube para cumprimento das metas estabelecidas? Existe preferência pelo menos por algumas delas? Como pretende desenvolver essas metas?

- Como está o planejamento do Clube para admissão de novos associados?

- Você está ciente que faz parte da comissão nomeada pela Governadoria para fundação de pelo menos um Lions Clube na sua Região durante este ano leonístico? Que seu Presidente da Região é o presidente da comissão? E que seu Presidente de Divisão também é membro efetivo da comissão? O seu Presidente de Região já sinalizou com alguma reunião preparatória para tratativa do assunto?

- Você está precisando da ajuda da Governadoria para solução de algum problema? Ou para desenvolvimento de alguma ação ou atividade?

- Você tem recebido a carta mensal que vem sendo editada pela Coordenadoria Geral do Distrito? Ela tem sido útil para o Clube e seus dirigentes? Tem sido divulgada entre seus associados.

 

47.º CONCURSO NACIONAL DE PUBLICAÇÕES LEONÍSTICAS:

 

Está em pleno andamento o “Concurso Nacional de Publicações Leonísticas”, este ano em sua 47.ª edição.

Hoje, apesar da pandemia que estamos vivenciando, não é difícil para o Clube editar seu boletim informativo, especialmente se for utilizado o recurso do meio virtual, que poderá não ocasionar qualquer ônus para a unidade distrital. Basta apenas boa vontade por parte das Diretorias dos Clubes.

A administração do 47.º Concurso Nacional está a cargo do insigne e nacionalmente conhecido Companheiro Leão Epifânio Menezes de Oliveira, de Fortaleza/CE, editor do boletim “O Dentre do Leão”, vencedor do 46.º Concurso.

PCC PMJF EPIFÂNIO MENEZES DE OLIVEIRA

Rua Santos Dumont, 2386 – Apto. 304-B

CEP 60150-151 – FORTALEZA – CE

E-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

Na próxima carta mensal vamos divulgar uma matéria sobre a importância da participação dos Clubes no concurso.

 

CONCURSO DE FOTOGRAFIAS DO MEIO AMBIENTE:

 

Através da resolução n.º 20-2020/2021, editada em 25 de setembro de 2020, e depois de comentar sobre a importância da arte de fotografar, o DG MJF Antonio Paulo Caliento instituiu o “Concurso de Fotografias do Meio Ambiente” no Distrito LC-6.

Na carta mensal do próximo mês divulgaremos e detalharemos as normas estabelecidas para o concurso.

 

DATAS JÁ RESERVADAS NA AGENDA DO GOVERNADOR, ATÉ HOJE:

 

25/09/2020 (sex) - Reunião do DMLC - Virtual

26/09/2020 (sab) – Reunião do DMLC – Virtual

27/09/2020 (dom) – Reunião do DMLC – Virtual

24/10/2020 (sab) - Lions Clube Matão

29/10/2020 (qui) - Lions Clube de São Sebastião do Paraíso.

20/11/2020 (sex) – Lions Clube de São Joaquim da Barra

21/11/2020 (sab) – Reunião do Conselho de Ex-Governadores do Distrito LC-6

22/11/2020 (dom) – 2.ª Reunião do Comitê do Gabinete Distrital do LC-6

23/11/2020 (seg) - Reservado

28/11/2020 (sab) – Lions Clube Guariba

09/02/2021 (ter) – Lions Clube Brodowski

20/02/2021 (sab) – Reunião do CEG e 3.ª Reunião do Comitê do Gabinete Distrital

21/02/2021 (dom) – 3.ª Reunião do Comitê do Gabinete Distrital do LC-6

23/02/2021 (ter) – Lions Clubes Sertãozinho (2 Clubes)

26/02/2021 (sex) - Lions Clube Miguelópolis

02/03/2021 (ter) – Lions Clube Passos

03/03/2021 (qua) – Reservado

04/03/2021 (qui) – 2.ª RCG do Distrito Múltiplo LC – Ribeirão Preto/SP

05/03/2021 (sex) – 2.ª RCG do Distrito Múltiplo LC – Ribeirão Preto/SP

06/03/2021 (sab) – 2.ª RCG do Distrito Múltiplo LC – Ribeirão Preto/SP

07/03/2021 (dom) – 2.ª RCG do Distrito Múltiplo LC – Ribeirão Pteto/SP

12/03/2021 (sex) – Lions Clubes Ribeirão Preto (4 Clubes)

13/03/2021 (sab) – Reservado

18/03/2021 (qui) – Lions Clube Auriflama

19/03/2021 (sex) – Lions Clube Palmeira D’Oeste

20/03/2021 (sab) – Lions Clubes Guaíra (2 Clubes)

26/03/2021 (sex) – Lions Clube Cravinhos

03/04/2021 (sab) - Lions Clube Orlândia

09/04/2021 (sex) - Lions Clube Jaboticabal

10/04/2021 (sab) - Lions Clube Taquaritinga

14/04/2021 (qua) – Lions Clubes Fernandópolis (2 Clubes)

15/04/2021 (qui) – Lions Clube Nhandeara

20/04/2021 (ter) – Lions Clube Ituverava

22/04/2021 (qui) – Lions Clube Igarapava

23/04/2021 (sex) - Reservado

24/04/2021 (sab) – Reunião do CEG e 22.ª Convenção Distrital do LC-6

25/04/2021 (dom) – 22.ª Convenção Distrital do LC-6

Observação da Coordenadoria Geral: após a Convenção Distrital, fica vedado ao Governador do Distrito participar de visitas oficiais aos Clubes.   

Reiteramos os constantes apelos que temos feito aos prezados Companheiros Leão e dulcíssimas Companheiras Leão Presidentes de Clubes. Apesar da situação que estamos vivenciando com a pandemia da Covid-19, não podemos deixar de procurar manter nossas atividades. E a visita do casal Governador aos Clubes é uma delas! Procurando minimizar a situação, temos encaminhado algumas sugestões aos Clubes: reuniões conjuntas com Clubes de uma mesma cidade; reuniões conjuntas com Clubes de cidades circunvizinhas, por exemplo. Solicitamos que cada Presidente que ainda não o fez, agende a visita em consenso com os associados do seu Clube e, depois, informe duas datas para esta Coordenadoria: uma preferencial e outra alternativa. Confirmaremos a data que for estabelecida. Agradecemos pela cooperação e participação.

 

QUAL O SEU QI EM LEONISMO?

1 - Simbolicamente, os dois Leões em nosso emblema têm a face voltada tanto para o _________________ como para o ___________________.

2 - A Associação Internacional de Lions Clubes possui diversos programas de serviço. Tais programas são organizados em diversas categorias. Cite três delas:

    1. ________________________________________
    2. ________________________________________
    3. ______________________________________________


3 - A sede da Associação está localizada em ______________, Illinois, Estados Unidos, e foi oficialmente instalada em: a) 18/04/1969; b) 25/10/1956; c) 01/06/1971.

4 -Nosso atual Presidente Internacional é _________________________________

5 - A Diretoria Internacional da nossa Associação é composta por: a) 14 Diretores; b) 34 Diretores; c) 27 Diretores;

 

(Respostas no final desta Carta Mensal).

 

ALGUNS “PITACOS” LEONÍSTICOS:

 

  1. As mulheres passaram a ser admitidas como associadas dos Lions Clubes a partir de 1987, por decisão da Diretoria Internacional aprovada durante a 70.ª Convenção Internacional, realizada em Taipei, Taiwan, China.
  2. Lions Quest, o programa educacional de combate às drogas promovido pela Associação Internacional, foi estabelecido a partir de 1985.
  3. O programa Lioness Clubs foi oficialmente organizado pela Associação em 1975.
  4. A Associação Internacional envolveu-se com a ONU-Organização das Nações Unidas em 1945, quando foi convidada e ajudou a estabelecer seções de Organizações Governamentais daquele organismo mundial.

LUTO OFICIAL NO DISTRITO:

Registramos, com profundo pesar, os seguintes falecimentos durante o mês de setembro:

Dia 16 – MJF Bolivar Leal Fonseca, do Lions Clube Igarapava

Dia 18 – MJF José Tarcício “Sadala” Sfair, do Lions Clube Tanabi

Dia 18 - MJF Valdir Edgard Homem, do Lions Clube Jaboticabal.

Dia 21 - MJF Arnaldo dos Santos, do Lions Clube Palmeira D’Oeste.

O DG MJF Antonio Paulo Caliento, em respeito a esses infaustos acontecimentos, editou as resoluções n.ºs 16, 17, 18 e 19-2020/2021, decretando luto oficial de 3 dias em todo território do Distrito LC-6.

 

REPORTE DAS ATIVIDADES DE SERVIÇO DOS CLUBES:

Em que pese as diversas tentativas de esclarecimentos já formalizadas, algumas dúvidas ainda existem em alguns Clubes do Distrito a respeito do encaminhamento de suas atividades, observando a metodologia atual. Vamos procurar esclarecer o assunto de forma definitiva:

Lions Internacional possui 3 (três) sites para receber as informações de atividades de serviço dos Lions Clubes: MYLCI, MyLion e o Distrito LC-6.

 1- As taxas recolhidas e devidas a Lions Internacional, bem como a movimentação de associados (admissões, desligamentos e transferências), devem ser reportadas para MyLCI no mesmo mês da ocorrência. E devem ser informadas ao Distrito, imediatamente após serem registradas, através do site , para controle da Mútua Leonística e a fim de evitar cobranças indevidas.

 2- As atividades de serviço dos Clubes devem ser reportadas para MyLion, preferencialmente no mesmo dia, ou o mais breve possível, para que haja possibilidade de separar as atividades por dia da realização , a fim de valorizar as horas de voluntariado comprometidas. Essas informações para MyLion servem para alimentar o Concurso Distrital de Eficiência. Quanto mais atividades reportadas, horas de voluntariado e doações registradas, melhor para o Clube envolvido.

 3- As informações para MyLion são abertas a todos os Leões e, na realidade, não precisam ser enviadas a quem quer que seja. Para obter detalhes, basta entrar no site de MyLion!   Porém, para que a Governadoria e a Secretaria do Distrito fiquem a par dessas atividades em tempo real, o(a) Secretário(a) do Clube poderá lhes enviar cópia da relação, para conhecimento, no mesmo dia em que elas forem encaminhadas para MyLion. O Assessor Distrital do Concurso de Eficiência acessará o site para ir coletando dados para a pontuação. E, a exemplo do que for feito para a Governadoria, a Secretaria do Clube poderá igualmente mandar cópia para o Assessor no mesmo dia em que o encaminhamento das atividades for reportado para o MyLion.

 4- As informações enviadas para MyLCI igualmente são abertas a todos os Leões e, na realidade, não precisam ser fornecidas ou enviadas a quem quer que seja. Para obter detalhes, basta acessar o site! Porém, para que a Governadoria e a Tesouraria do Distrito fiquem a par dessas informações em tempo real, o(a) Tesoureiro(a) do Clube poderá lhes enviar cópia dos pagamentos ou da movimentação de associados, no mesmo dia do encaminhamento para MyLCI.

 5- O envio de informações para o site do Distrito LC-6 é obrigatório, devendo ser enviadas para o mesmo todas as informações referentes à movimentação de associados (entradas, desligamentos e transferências), para garantia do funcionamento da Mútua Leonística. Cada Clube deve providenciar a verificação das datas de nascimento dos associados, e complementar ou corrigir o que estiver em desacordo, encaminhando tudo para o e-mail O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. endereçado ao Assessor Distrital do Banco de Dados e Tecnologia da Informação.

 6- Quem cuida do site do Distrito LC-6 é o 1VGD MJF Glauber Gomes da Silva, Assessor do Banco de Dados e Tecnologia da Informação, que está à disposição dos Clubes para qualquer informação a respeito do site (e-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. – telefone (17) 98142-9961.

 7- Quem cuida do Concurso de Eficiência para Clubes do Distrito LC-6, com base no site MyLion, é o MJF José Antonio de Souza Rossato, Assessor Distrital do Concurso de Eficiência para Clubes, que está à disposição das nossas unidades para qualquer informação da respeito do concurso (e-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. – telefones (16) 99709-3719 e 3202-2561).

Com as informações acima, esta Coordenadoria Geral espera ter esclarecido o assunto.

 

CLUBES DO DISTRITO LC-6 FUNDADOS EM OUTUBRO:

 

Dia 04 – Votuporanga-Abílio Calile

Dia 07 – Franca-Imperador

Dia 08 – Barretos

Dia 12 – Ipuã

Dia 15 – São José do Rio Preto-Sul

Dia 16 – Franca-Cidade Nova

Dia 20 – Miguelópolis

Dia 26 – Ribeirão Preto-Ipiranga

 

CUMPRIMENTOS AOS ANIVERSARIANTES DE OUTUBRO:

 

Aos aniversariantes de outubro feliz aniversário! Que Jesus abençoe cada um de vocês e seja Guia de todos. Muita paz, amor, saúde, sucesso e sabedoria para tomarem as decisões certas. Saibam que sua amizade é muito importante para todos nós, e que Deus permita que essa amizade dure por muitos anos.

Um ano inteiro se passa e, quando damos conta, estamos ficando mais velhos. O mais comum e esperado é se comemorar com a família e com os amigos. Se o ano que passou foi bom, comemore todas as conquistas,se não foi muito favorável, comemore pelo próximo ano de vida que está começando.

O aniversário é mais um estágio no desenvolvimento e ocasião propícia para uma introspecção. Precisamos sempre perguntar a nós mesmos qual a distância dos atos que praticamos ou daqueles que ainda podemos praticar e adicionar.

Fazer aniversário é olhar para trás com gratidão e para frente com fé! A todos vocês, aniversariantes de outubro, que relacionamos abaixo, os cumprimentos e o carinho do Governador Caliento e toda sua equipe.

 

NASCIMENTO NOME CLUBE
1/10 BEATRIZ FRUJUELLO CORREA LEITE GUARIBA
1/10 DAIANI REGIS MONTELI DE LOLLO FERNANDOPOLIS CIDADE PROGRESSO
2/10 JORGE LUIZ DONEGA SALOMAO DUMONT
2/10 LEONICE RODRIGUES A. MARCHIORI FERNANDOPOLIS CIDADE PROGRESSO
2/10 MARCIA REGINA FERREIRA CURADO SAO JOSE DO RIO PRETO SUL
2/10 MARCIO LUIZ VESCHI AURIFLAMA
2/10 MAURO LEANDRO PONTES FERNANDOPOLIS
2/10 VANDERLEI BATISTA GIMENES DE MATOS ITUVERAVA
2/10 VERA ALEIXO CEVALLOS DOMINGUES VOTUPORANGA
3/10 AUGUSTO CAMPANERI JALES
3/10 CARLOS ROBERTO DIAS ITUVERAVA
3/10 JACOB MODOLO ZANONI JUNIOR AURIFLAMA
3/10 JACQUELINE LOUISE MADEIRA RABELLO JABOTICABAL
3/10 MARILEI APARECIDA DA SILVA POLONI
3/10 MIGUEL VICTOR MAIA AGUIAR GENEROSO SÃO SEBASTIÃO DO PARAISO
3/10 NÉRIA RACHEL MAIA AGUIAR GENEROSO SÃO SEBASTIÃO DO PARAISO
4/10 FATIMA GRANZOTTO JABOTICABAL
4/10 FRANCISCO DE ASSIS LEONE RIBEIRAO PRETO
4/10 FRANCISCO RICARDO MONTES RIBEIRAO PRETO
4/10 GISELLE DE ALMEIDA COSTA GARCIA JABOTICABAL
5/10 JAQUELINE APARECIDA TEIXEIRA FREIRI NHANDEARA ALIANCA
5/10 JUSCELINO RODRIGUES CARDOSO RIBEIRAO PRETO
5/10 MARIA MARLENE LEAL FRANCA DO IMPERADOR
5/10 ROSEANE S BARBOSA ORLANDIA
6/10 JACILMARA M A A FERNANDES CRAVINHOS
6/10 MARIA ESTHER PRESOTTO PEREIRA FRANCA
6/10 SIMONE DOS SANTOS DONADON JABOTICABAL
6/10 VERA LUCIA RODRIGUES ITUVERAVA
7/10 MARIANGELA BATISTUCCI GUIMARAES SAO JOAQUIM DA BARRA
7/10 SILVONI GASQUES CANDIL PALMEIRA D'OESTE
8/10 FÁBIOLA ROSANA BOLONHEZ DE GODOY SAO JOSE DO RIO PRETO SUL
8/10 JOSE ANTONIO DE OLIVEIRA CRAVINHOS
8/10 JOSÉ LUCIO ROMERO VOTUPORANGA
8/10 MARCOS ANTONIO PEREIRA DO AMARAL FRANCA SOBRAL
8/10 POLIANA DE LIMA DANTONIO PINTO GUAIRA AGUAS CORRENTES
9/10 CYONÉIA WILMA M SOARES BARRETOS
9/10 ELIAS PEREIRA DA MOTA VOTUPORANGA BRISAS SUAVES
9/10 ERIKA BISPO VISONA AURIFLAMA
9/10 MARCOS PAULO DA SILVA ARAUJO INDIAPORA
9/10 REGIS MANZINI VOTUPORANGA BRISAS SUAVES
9/10 RICARDO SOARES ANDRADE PASSOS
9/10 VALDIR ZAMONER SERTAOZINHO
10/10 ALVARO ANTONIO PINTO ITUVERAVA
10/10 MARIA SIDNEY PEREIRA PONES VOTUPORANGA
10/10 SUSANA SOARES BELO VOTUPORANGA ABILIO CALILLE
10/10 TABATA MURA GARE BRODOWSKI
10/10 TANIA CRISTINA COSTA MASCIOLI RIBEIRAO PRETO CAMPOS ELISEOS
11/10 SANTA MAXIMO RIVA POTIRENDABA
12/10 DENISE CARVALHO RINALDI FRANCA
12/10 HIROKO SANO ARGENTINA JALES
12/10 JORGE PEGOLO JALES
12/10 JOSÉ CARLOS CEZARIO AURIFLAMA
12/10 MARILENA F RODRIGUES LOPES MATAO
12/10 NILSON PEREIRA MAIA PONTAL
12/10 ROSA MARIA DE BRITO FABRI MAZZA TANABI
13/10 CIBELE FERREIRA DE OLIVEIRA NHANDEARA
13/10 CLOVIS FERNANDES PARRA FRANCA SOBRAL
13/10 IVETE SUELI DE SOUSA ROSA SAO JOSE DO RIO PRETO SUL
13/10 MARIA DE FATIMA SOUZA LEMOS MIRASSOL
13/10 MARIA DO CARMO BELIZARIO RODRIGUES ORLANDIA
13/10 MAURA MAGDA CUCOLICCHIO GUEDES BARRETO TAQUARITINGA
14/10 ERICA BARRENHA CHIQUETTO MOTA VOTUPORANGA BRISAS SUAVES
14/10 JOSE MARIO JORGE BRODOWSKI
14/10 RENATA NAHAS CARDILI RIBEIRAO PRETO
14/10 SHIRLEY DE SOUZA ITUVERAVA
15/10 GILSON MANOEL DO COUTO SAO JOSE DO RIO PRETO SUL
15/10 GLEDSON PEREIRA DE ANDRADE BRODOWSKI
15/10 LAUANE ESTEVES DOS SANTOS AUDICHO GUAIRA AGUAS CORRENTES
15/10 MARIA APARECIDA ORTOLAN BELLINI SERTAOZINHO
15/10 NEUSA LEAL CHAVES MIGUELOPOLIS
15/10 PEDRO SEMPRINI RIBEIRAO PRETO IPIRANGA
16/10 SOLANGE ADRIANA REA JACHETTO JABOTICABAL
16/10 WILSON JOSE DA SILVA ICEM
17/10 ADEMAR QUEIROZ FERNANDOPOLIS CIDADE PROGRESSO
17/10 AÉLITON AUGUSTO GRANZOTO TAQUARITINGA
17/10 ENIO DE SOUZA GUIMARÃES SAO JOSE DO RIO PRETO SUL
17/10 JANAINA LOFEGO AGUIAR AURIFLAMA
17/10 JOÃO GERALDO ESCOBAR BRUSSI CATANDUVA
17/10 MARCOS ANTONIO BENTO DA CRUZ ITUVERAVA
17/10 MARIA LÚCIA SILVA E SILVA PEDREGULHO USINA DE ESTREITO
18/10 JAQUELINE BENTO PEREIRA ITUVERAVA
18/10 LEIDA DA PENHA E G COSTA FRANCA DO IMPERADOR
18/10 MARIA SILVEIRA RIBEIRO BORGES ICEM
18/10 RODRIGO ALAN DE OLIVEIRA SERTAOZINHO CENTENARIO
18/10 ROSEMEIRE CRISTINA ESPINOSA FRANCO CATANDUVA
19/10 ADELINO BELINI JALES
19/10 CHRISTINA SEGANTINI LEMOS MIRASSOL
19/10 FERNANDA BOMBIG BOMFIM SAO JOAQUIM DA BARRA
19/10 JOAO ANISIO FERREIRA JUNIOR VOTUPORANGA BRISAS SUAVES
19/10 JOSE MAURO ANTUNES PIMENTA RIBEIRAO PRETO
19/10 OTTO LUIS DE AZEVEDO BARRETTO MATAO
20/10 ANTONIO C GIROTTO SERTAOZINHO
20/10 DIRCE DA FREIRIA MIGUEL CAJURU
20/10 ELY VITORIANO GOMES FRANCA INOVACAO
20/10 FATIMA TERESINHA E LAZARI MATAO
20/10 IVONI LICIOTI AGOSTINHO BRODOWSKI
20/10 LEILA LORENTI BRANDAO VASCO ORLANDIA
20/10 MARIA TEREZA BETIOL FERNANDOPOLIS
20/10 MARIA THEREZINHA DA CRUZ COLETO OLIMPIA ENERGIA
20/10 SELMA DE ALMEIDA SOUZA BATATAIS
21/10 LAUDIR ANTONIO FOSTER FRANCA DO IMPERADOR
21/10 SILVIA REGINA DA MOTA GONDIN TAQUARITINGA
22/10 ANA PAULA FIRMINO OLIMPIA ENERGIA
22/10 ANTENOR LUIZ BORGES MONTE AZUL PAULISTA
22/10 CINTHIA BRITO MOREIRA PITON OLIMPIA
22/10 DANILO FERNANDO ALIZÃO OLIMPIA ENERGIA
22/10 FABIO SPECHOTTO JABOTICABAL
22/10 HELENA GARCIA L.LOPES GUAIRA
22/10 JOSE FRANCISCO PENARIOL JABOTICABAL
22/10 MIGUEL PEREIRA GOULART PALMEIRA D'OESTE
22/10 MILZA DE SIQUEIRA GRIECO GUARIBA
22/10 PAULO CESAR DA SILVA SAO JOSE DO RIO PRETO
22/10 SILVANA BASAN TOBIAS FRANCA
23/10 FABIOLA CARLA DA ROCHA GOSS AURIFLAMA
23/10 JOANA D'ARC DE LUZ FIGUEIREDO TEIXEIRA MONTE AZUL PAULISTA
23/10 LUIZ ANTONIO CHIQUETTO VOTUPORANGA BRISAS SUAVES
24/10 CARLOS EDUARDO SAMPAIO GUAIRA
24/10 CASSIO CLEY CRISTINO OLIVEIRA ITUVERAVA
24/10 EMARIDES BIZARRO DAMIAO CRAVINHOS
24/10 HELOISA DONIZETTI CATTELAN SANTIAGO JOSE BONIFACIO
24/10 LUIZ BAPTISTA PEREIRA FRANCA
24/10 NEUSA MARIA SIMÕES SPADOTO MONTE AZUL PAULISTA
24/10 PATRICIA VACARI FRACAROLLI DA SILVA ALTINOPOLIS
24/10 RAPHAEL LUIZ CANDIA RIBEIRAO PRETO
24/10 ROSANA M. TREVISANELLI MARTINS MATAO
25/10 ANDRÉA PATRÍCIA AFONSO DA SILVA PONTAL
25/10 CRISTIANE BEATRIZ CHIBINI SALES ITUVERAVA
25/10 ELAINE CRISTINA OLIVEIRA MENDES ORLANDIA
25/10 ELIAS JOSE CAVALLIERI SAO JOAQUIM DA BARRA
25/10 JAQUELINE CANDIDO DA SILVA OUROESTE
25/10 JOSE FERRARI JABOTICABAL
25/10 LUIZ ANTONIO MOREIRA SALATA OLIMPIA ENERGIA
25/10 MARIA DELURDES CATANANTE BIAGI DUMONT
25/10 OSVALDO SILVA ALTINOPOLIS
26/10 JOSE ANTONIO SALTARELI BATATAIS
27/10 IVANA ROSELI MONTEIRO GUERRA TAQUARITINGA
27/10 MARIA CLEIDE BAVIERA FIORE ALTINOPOLIS
27/10 MARIO MOTOI UTSUNOMIYA VOTUPORANGA ABILIO CALILLE
27/10 REGINA CELIA PITON DE CARVALHO OLIMPIA
28/10 ANTONIO CELSO BOMBONATTI SERTAOZINHO
28/10 DULCE MARQUES NOGUEIRA CRAVINHOS
28/10 ELIANA P PIMENTA BAPTISTUCCI SAO JOAQUIM DA BARRA
28/10 LUIZ CARLOS DOMINGUES VOTUPORANGA
28/10 MANOEL DA ROCHA FREITAS SERTAOZINHO
28/10 MARCELO LUIS DE SOUZA RIBEIRAO PRETO CAMPOS ELISEOS
28/10 SYLVIO JORGE MENEZES ITUVERAVA
29/10 ALCINO RUYS PEDREGULHO USINA DE ESTREITO
29/10 ANGELA MARIA ARAUJO ICEM
29/10 GISELE APARECIDA PINHEL GUIMARAES OUROESTE
29/10 JOSE GUEIA MAS NHANDEARA
29/10 RICARDO DOS SANTOS DA SILVA GUAIRA AGUAS CORRENTES
29/10 ROSELENE MARÇAL VIEIRA DO NASCIMENTO NHANDEARA
30/10 CELINA MOSCARDINI BORGES INDIAPORA
30/10 JOAO ANISIO FERREIRA VOTUPORANGA BRISAS SUAVES
30/10 JULIANA MARTINS PERES SILVA GUAIRA AGUAS CORRENTES
30/10 MARCELO RODRIGUES SCOTTE ITUVERAVA
30/10 VIRGINA PITON SIQUEIRA OLIMPIA
31/10 ALMIR SOARES RAMOS BRODOWSKI
31/10 FABIANA APARECIDA FINOTTI PALMA MIRASSOL
31/10 FABIO TREVISOLI JABOTICABAL
31/10 GUSTAVO BRITO MOREIRA OLIMPIA
31/10 LUIZA CANDIDA SOUZA SANTANA INDIAPORA
31/10 MARCIA CRISTINA SULINO BALDAN GUARIBA
31/10 MIRIAN APARECIDA BRAçAL DO SIM SAO JOSE DO RIO PRETO SUL

RESULTADO DO COMO ORGANIZAR UMA REUNIÃO OU SEMINÁRIO:

 

Sequência que deve ser observada:

  1. Selecionar temas.
  2. Preparar regulamento.
  3. Escolher os expositores.
  4. Selecionar pessoal de apoio.
  5. Levantar necessidades.
  6. Marcar data.
  7. Divulgar o seminário.
  8. Promover inscrições.
  9. Apresentação dos temas.
  10. Conclusões.
  11. Avaliar o seminário.
  12. Divulgar os resultados.

           

RESPOSTAS PARA QUAL O SEU QI EM LEONISMO:

  1. Passado – Futuro.

  2. Escolha: combate à fome, visão, câncer pediátrico, meio ambiente, diabetes, logopedia, audição e trabalho com os surdos, serviços comunitários, e outros.

  3. Oak Brook – 01/06/1971.

  4. Jung-Yul Choi.

  5. 34 Diretores.

    Um fraterno abraço leonístico a todos e até o próximo mês, se Deus assim o permitir.

PDG MJF ANTONIO DOMINGOS ANDRIANI

Coordenador Geral do Distrito LC-6

                

Cc:       Ex-Governadores do Distrito LC-6

            1.º e 2.º Vice-Governadores do Distrito LC-6

            Presidentes de Região e Divisão do Distrito LC-6

            Assessores e Assistentes Distritais do LC-6

            Outros CCLL, CCaLL e DDMM interessados

 

 

Associação Internacional de Lions Clubes – DMLC – Ano Leonístico 2020/2021

GOVERNADORIA DO DISTRITO LC-6

Rua São José, 2261 – Jardim Sumaré – CEP 14025-180 – Ribeirão Preto - SP

 

CARTA MENSAL DE SETEMBRO da

Coordenadoria Geral do Distrito LC-6

 

 

 

                                                  Ribeirão Preto, 01 de setembro de 2020

                                                    

 

Destinatários: PRESIDENTES DE CLUBES DO DISTRITO LC-6

 

 

MENSAGEM DO GOVERNADOR:

Um ótimo setembro a todos e a todas. Já iniciando o terceiro mês da Governadoria nesse ano leonístico 2020/2021, nossa esperança ainda é a de realizarmos nossas visitas administrativas por Região e presencial, em que pese todos os problemas que já enfrentamos e que ainda iremos enfrentar. Tomando sempre os cuidados que nos são recomendados pelos profissionais da saúde, para não nos expormos aos perigos que a pandemia é causadora, pedimos a todos e a todas que tenhamos tranquilidade e os cuidados necessários para e a enfrentarmos esse turbilhão de situações advindas e oriundas dessa Covid-19.

Tudo vai passar e a fé já nos diz que ainda nesse mês de setembro teremos a possibilidade de iniciarmos os nossos trabalhos presenciais, inclusive marcando nossas visitas administrativas nas Regiões A, B, C, D e E.

Para que isso se realize, e ainda neste mês de setembro, estaremos solicitando aos Presidentes de Região e Presidentes de Divisão que estudem a possibilidade de realizarmos essa atividade – reuniões administrativas – em suas áreas, não sem antes verificarem a agenda do Governador, para que não haja coincidência de datas com aquelas já comprometidas na agenda. Essas datas devem acontecer nas segundas e terças-feiras de cada semana. Vamos entrar em contato com os Presidentes de Região para que eles se articulem com os seus Presidentes de Divisão visando a realização dessas visitas.

Enquanto tudo isso não acontece, vamos mantendo nosso foco nos trabalhos contidos nas cartas mensais que são editadas pela nossa Coordenadoria Geral do Distrito, e que são enviadas aos interessados todo dia 1.º de cada mês.   São trabalhos que, mesmo virtuais, são capaz de serem executados com ótimos percentuais de aproveitamento e, se preciso for, temos ainda as redes de informações, do WhatsApp, do e-mail, dos celulares, do site do Distrito e de tantas outras opções para que possamos manter nossos trabalhos ativos;

Contamos com todos e todas vocês para que, juntos, possamos superar esse período tão difícil que vivemos.

Carinhosamente,

DG MJF Antonio Paulo Caliento, Governador do Distrito

 

EDITORIAL:

Vou aproveitar a onda de civismo que nos envolve neste mês de setembro para, nesta carta, abordar um assunto que, por incrível que possa parecer, ainda ocasiona dúvidas entre alguns Companheiros Leão, Companheiras Leão, Domadoras e Leos, e que, dentro dos meus modestos conhecimentos, vou procurar esclarecer: a questão da salva de palmas ao Pavilhão Nacional no encerramento das nossas assembleias.

É praxe que, em todas as assembleias dos Lions Clubes do Brasil há, ao final, solicitação do dirigente que comanda os trabalhos para que seja dada uma salva de palmas ao nosso glorioso Pavilhão Nacional.

Ocorre que, na década de 1980, começaram a ser inseridos em revistas e informativos de Lions artigos citando a proibição da “salva de palmas ao Pavilhão Nacional”, tendo por base o que diz o parágrafo único do artigo 30 da Lei n.º 5700, de 01 de setembro de 1971, assim especificado:

“É vedada qualquer outra forma de saudação”.

De se notar que o artigo 30 do mencionado diploma legal refere-se, exclusivamente, às “cerimônias de hasteamento ou arreamento, nas ocasiões que a Bandeira se apresentar em marcha cortejo”, o que não é o caso das assembleias do Lions, assim como na “execução do Hino Nacional” – o que também não é o caso em tela – “todos devem tomar atitude de respeito, em silêncio, os civis do sexo masculino com a cabeça descoberta e os militares em continência, segundo os Regulamentos das respectivas corporações”.  Note-se que não há referências às reuniões fechadas, que é o nosso caso. Ademais, registre-se, tanto o hasteamento como o arreamento da Bandeira ocorrem em recintos abertos ao público.

Considere-se, também, que o artigo 31 da já referida Lei apresenta um rol de manifestações de desrespeito à Bandeira Nacional, e portanto proibidas, sem que no mencionado leque de proibições esteja contida a “salva de palmas ao Pavilhão Nacional”.

Este assunto, inclusive, pela relevância, foi analisado pelo Colegiado 1988/1989 do CNG-Conselho Nacional de Governadores em reunião realizada no mês de junho de 1989, na cidade de Belo Horizonte/MG.

O CNG 88/89 analisou se era defeso ou não, nas assembleias dos Lions Clubes do Brasil, cujo civismo é mundialmente reconhecido, prestar-se uma homenagem ao Pavilhão Nacional ao termino dos seus trabalhos, com uma salva de palmas à Bandeira do Brasil, síntese da nossa nacionalidade. A Comissão Técnica Nacional de Estatuto e Regulamentos daquele Conselho emitiu parecer informando que, em pesquisas que haviam sido feitas no então Distrito L-17 (hoje nosso LC-6), nossa organização foi elogiada por autoridades do Exército Nacional pelo civismo que observamos na abertura e no encerramento das nossas reuniões, aprovando o que era observado pelos Lions Clubes.

Depois dessas análises e considerações, a plenária da assembleia do CNG 88/90 aprovou por unanimidade o parecer da sua Comissão Técnica Nacional de Estatuto e Regulamentos, que, para nosso orgulho, teve como relator o Companheiro Leão Nilson Pereira Maia, Governador 88/89 do então Distrito L-17.

Fato consumado, e assinada pelo seu Presidente CL Carmine Campagnone em 03 de junho de 1989, o Conselho Nacional de Governadores editou, aprovou e publicou a Resolução n.º 815-1988/1989, que estabeleceu:

“Os Lions Clubes do Brasil deverão continuar prestando justo e patriótica homenagem ao Pavilhão Nacional, com uma salva de palmas, no final das assembleias e demais eventos leonísticos realizados em recintos fechados.”

Esta Resolução do antigo CNG está em pleno vigor! E por que dessa afirmação? Explico: com o redistritamento do leonismo brasileiro, a partir do ano leonístico 2000/2001, quando foram criados os atuais 4 Distritos Múltiplos (LA, LB, LC e LD), e extinto o Conselho Nacional de Governadores, o acervo documental do CNG foi colocado à disposição dos quatro novos Presidentes dos Distritos Múltiplos 2000/2001. O que foi feito com aquela preciosa documentação do CNG, para seu aproveitamento ou reedição, até hoje ninguém deu qualquer explicação! E quer me parecer, salvo melhor juízo, que ninguém revogou a Resolução CNG 815-1988/1989. Por isso, ela está em pleno vigor!

Espero ter contribuído para esclarecer a questão junto àqueles que possuíam alguma dúvida. E ainda sobre o tema, e à guisa de orientação leonística, quero destacar: nada de pedir uma “calorosa”, ou uma “retumbante”, ou uma “vibrante” salva de palmas ao Pavilhão Nacional; a salva de palmas, pelo seu próprio sentimento cívico, por si só já é calorosa, retumbante ou vibrante. É isso aí!

PDG MJF Antonio Domingos Andriani, Coordenador Geral do Distrito

 

 SETEMBRO, MÊS DA DOMADORA E DA MULHER NO LEONISMO:

Setembro, mês histórico para todo povo brasileiro, foi reservado pelo calendário leonístico para marcar, também, o “Mês da Domadora e da Mulher no Leonismo”.

Cabe a nós, Companheiros Leão, pela afinidade que nos une, preparar a justa homenagem tecendo loas e louvores àquelas que, com o açoite da amizade verdadeira, fazem da jaula o primor da nossa existência.

Nos primeiros anos de funcionamento do Lions a mulher não participava das suas atividades. Deve-se ao CL Humberto Valenzuela, do Chile, Presidente Internacional 1955/1956, o ingresso da mulher em Lions Clubes; seu ponto de vista foi vitorioso em indicação que fez à Diretoria Internacional e, a partir daquele ano leonístico, as esposas dos Leões passaram a integrar nossa Associação. No Brasil elas recebem o título de “Domadora”, por indicação do CL Armando Fajardo, nosso Leão número um, para substituir a expressão “Leona” em uso em Clubes de idioma espanhol. A designação de “Companheira Leão” surgiu durante a 36.ª Convenção Nacional de Lions Clubes realizada em Belo Horizonte/MG, em maio de 1989; houve um plebiscito para a escola do nome da associada do Lions, ganhando a designação “Companheira Leão”; na 38.ª Convenção, realizada em Porto Alegre/RS, em 1991, foi ratificada a escolha que passou a vigorar desde então. Durante a 8.ª Convenção, também realizada em Porto Alegre, através de moção proposta pelo LC de São Paulo-Indianópolis, foi aprovado o mês de setembro para comemorar o “Mês da Domadora”. Posteriormente, por resolução do Conselho Nacional de Governadores do ano leonístico 1997/1998, quando este Coordenador Geral orgulhosamente fazia parte do Colegiado, a efeméride passou a ser denominada de “Setembro, Mês da Domadora e da Mulher no Leonismo”.

As mulheres, hoje, são o coração do movimento leonístico. Não apenas pela graça e encantamento da sua presença, mas também pelo dinamismo e dedicação que demonstram à vanguarda das atividades e das promoções que realizam em benefício dos menos favorecidos. E nós, Leões, nos orgulhamos disso! O chicote, em suas mãos, é o símbolo do império da ternura. Elas domam com amor, com carinho, com a amizade verdadeira, com renúncias e sacrifícios maravilhosos.

Alguém que já perdeu a sua Companheira escreveu uma crônica intitulada “Asa partida”, expressando a falta que sentia dela.   A Companheira que temos é a outra asa que permite nosso voo equilibrado e seguro, e por ela damos graças a Deus. Sem nossas Domadoras e Companheiras Leão seríamos pássaros de asa partida e, seguramente, se conseguíssemos algum voo este seria incerto e sofrido.

O Lions é um Clube privilegiado. Em todas as suas atividades o sucesso é marcante e marcado pela presença feminina, dando aquele toque de mão, de participação, de alegria, culminando com o amor que deve ser a base de todos os nossos propósitos.

Não podemos prescindir do trabalho das nossas estimadas Domadoras e Companheiras Leão, ornamento precioso das nossas reuniões e atividades. Se nos atirarmos a grandes empreitadas é por termos certeza de que elas estarão sempre ao nosso lado.

À nossa frente temos Deus, e à nossa retaguarda vocês estimadas Domadoras e Companheiras Leão! Como é bom vocês existirem! Sejam felizes hoje e sempre!

MÊS DA REVISTA LION:

Setembro registra no calendário leonístico a comemoração do “Mês da Revista Lion”. É a publicação oficial da nossa Associação Internacional de Lions Clubes, levando conhecimento a respeito das atividades realizadas pelos Clubes e pelos Distritos, trazendo a palavra de dirigentes e transmitindo mensagens do nosso movimento.

Aqui no Brasil a revista é editada em suas edições:

A “Revista Lion”, que tem como Editor e jornalista responsável o PID PMJF Zander Campos da Silva, foi fundada em 1963, e tem abrangência sobre os Distritos Múltiplos LA, LB e LD. O endereço do Editor é: Rua 17-A n.º 375, Setor Aeroporto, CEP 74070-100 – Goiânia – GO – E-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. .

A “Revista Lion Brasil Sudeste”, que tem como Editora e jornalista responsável a CaL Denise Rodrigues, foi fundada em 1999, e tem como abrangência o nosso Distrito Múltiplo LC. O endereço da Editora é: Avenida Bernardino de Campos, 571 – Apto. 214 = CEP 11065-003 – Santos – SP – E-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

A revista LION é editada por autorização da Diretoria Internacional, em 18 idiomas: alemão, chinês, coreano, dinamarquês, espanhol, finlandês, francês, grego, hindi, holandês, inglês, italiano, japonês, norueguês, português, sueco, tailandês e turco. As nossas duas edições nacionais estão classificadas entre as melhores do mundo.

Considerando essa feliz comemoração, estamos sugerindo aos nossos prezados Companheiros Leão e dulcíssimas Companheiras Leão Presidentes de Clubes do Distrito LC-6 que coloquem para apreciação e aprovação em suas próximas assembleias ordinárias um voto de louvor pela significativa efeméride, e que, se aprovado, se dê ciência da deliberação aos dois editores nacionais da revista.

Independentemente da sugestão que apresentamos no item anterior, seria elegante se os Presidentes e as Presidentes de Clubes enviassem uma mensagem pessoal aos dois editores, cumprimentando-os pela data e pelo muito que vêm fazendo pelo aprimoramente sempre constante das referidas publicações. Permitimo-nos sugerir que nessa mensagem pessoal sejam destacadas: a) os cumprimentos pela comemoração de mais um “Mês da Revista Lion”; b) que o dinamismo de cada edição coloca a revista entre as melhores que são editadas em todo mundo, o que representa a atuação do Editor(a) durante todos esses anos de absoluto empenho e dedicação; c) que o Clube, em nome de todos os seus associados, apresenta seus cumprimentos por tudo aquilo que tem sido feito pelo aprimoramento e engrandecimento daquele notável órgão informativo oficial, com votos extensivos à comissão editorial e auxiliares.

 

CALENDÁRIO LEONÍSTICO DE SETEMBRO:

- Mês da Domadora e da Mulher no Leonismo

- Mês da Revista “The Lion”

- Mês da 1.ª Reunião do Conselho Consultivo do Governador (antigo Comitê Assessor)

 

CALENDÁRIO CÍVICO DE SETEMBRO:

07 – Independência do Brasil

08 – Dia Mundial da Alfabetização

10 – Dia da Imprensa

18 – Dia dos Símbolos Nacionais

18 – Promulgação da Constituição de 1946

21 – Dia da Árvore

21 – Dia do Rádio

22 – Início da Primavera

27 – Dia do Ancião

28 – Lei do Ventre Livre (1871)

 

2.ª RCG DO DMLC SERÁ REALIZADA EM RIBEIRÃO PRETO:

Temos o prazer de informar nossa família leonística que a 2.ª Reunião do Conselho de Governadores do Distrito Múltiplo LC será realizada aqui em Ribeirão Preto, no período de 04 a 07 de março de 2021.

A notícia foi confirmada pelo CC PMJF Eduardo Jacob, Presidente do DMLC, ao DG MJF Antonio Paulo Caliento, Governador do Distrito LC-6, em 17/08/2021.

Acreditamos que um dos fatores que contribuíram para que o importante conclave ocorra em Ribeirão Preto deve-se, em grande parte, ao relacionamento de amizade que une o CC Eduardo Jacob ao DG Caliento. Foi um verdadeiro gol de placa para o Distrito LC-6.

Todos os detalhes do evento serão divulgados pelo DMLC na ocasião oportuna.

Será um acontecimento grandioso e de cunho nacional! Estamos todos de parabéns! Divulguem à vontade

 

A INCLUSÃO DO SUBSTANTIVO “CENTRO” NA DENOMINAÇÃO DO CLUBE:

Já se tornou praticamente “usos e costumes” na esfera leonística a adição do substantivo “Centro” na denominação de um Clube. Alguns exemplos são notórios: Lions Clube de Franca-Centro ou Lions Clube de Ribeirão Preto-Centro. Embora menos usuais, às vezes notamos Lions Clube de Votuporanga-Centro ou Lions Clube de São José do Rio Preto-Centro.

“Centro” faz referência a ponto central, bairro central, centro comercial, centro da cidade, e por aí vai. Nada, absolutamente nada, nos conduz a um Lions-Centro.

Não existe, em qualquer Carta Constitutiva de Clube, a inclusão da expressão “Centro” ao seu nome. Aliás, Lions Internacional não reconhece essa designação no que diz respeito à nomenclatura de um Clube de Lions.

Todo primeiro Clube fundado no município deve ser considerado “Mater”. Sabemos que esta expressão é um substantivo feminino designativo daquela que é ou desempenha a função de mãe, da mulher que gerou. Mas sabemos também que, no sentido figurado, significa “o que está na origem”, “a razão ou causa de ser”, “a questão mater”,

Com o surgimento de novas unidades leonísticas nas cidades, e para evitar inclusive conflitos legais, Lions Internacional determina que, logo após o nome do município, seja adicionado um novo designativo para distinguir o novo Clube. O Estatuto do Distrito LC-6, inclusive, já estabelece isso no § único do seu artigo 10: “Havendo mais de um Clube no município, as identificações deverão ser acrescidas de um complemento que os diferenciem.”

Tempos atrás, sempre que novos Clubes surgiam nos municípios que já contavam com Clubes de Lions, convencionou-se adicionar a estes, não se sabe porque cargas d’água, o substantivo “Centro”, para dizer que naquela cidade já existia um Clube de Lions. E essa prática virou moda, sem ser oficial. Tanto é que, hoje, como dissemos no primeiro parágrafo acima, aqui no LC-6 virou moda e já nos acostumamos com Lions Clube de Franca-Centro, Lions Clube de Ribeirão Preto-Centro ou Lions Clube de Votuporanga-Centro. Isso não existe! O que temos é Lions Clube de Franca, Lions Clube de Ribeirão Preto ou Lions Clube de Votuporanga. E devem ser considerados Clubes “Mater”. Os que vieram depois tem um complemento que os identificam.

Assim, em nossa unidade distrital, e em cidades que contam com mais de um Clube, temos as seguintes configurações oficiais (classificados por data de fundação):

Lions Clube de Ribeirão Preto (09/03/1959)

Lions Clube de Ribeirão Preto-Campos Elíseos (10/04/1969)

Lions Clube de Ribeirão Preto-Jardim Paulista (21/12/1976)

Lions Clube de Ribeirão Preto-Ipiranga (26/10/1978)

Lions Clube de Franca (20/09/1958)

Lions Clube de Franca-Sobral (26/05/1977)

Lions Clube de Franca-Cidade Nova (16/10/1985)

Lions Clube de Franca-Imperador (07/10/1986)

Lions Clube de Franca-Inovação (03/12/1998)

Lions Clube de Votuporanga (22/06/1965)

Lions Clube de Votuporanga-Brisas Suaves )19/03/1991)

Lions Clube de Votuporanga-Grandes Lagos (28/08/2010)

Lions Clube de Votuporanga-Abílio Calile (04/10/2011)

Lions Clube de Fernandópolis (17/06/1964)

Lions Clube de Fernandópolis-Cidade Progresso (23/06/1990)

Lions Clube de Guaíra (12/06/1973)

Lions Clube de Guaíra-Águas Correntes (04/02/2009)

Lions Clube de Nhandeara (20/04/1978)

Lions Clube de Nhandeara-Aliança (22/11/2019)

Lions Clube de Olímpia (28/05/1964)

Lions Clube de Olímpia-Energia (12/02/2020)

Lions Clube de São José do Rio Preto (07/09/1953)

Lions Clube de São José do Rio Preto-Sul (15/10/1968)

Lions Clube de São José do Rio Preto-Letícia Arroyo (04/05/2018)

Lions Clube de Sertãozinho (14/02/1967)

Lions Clube de Sertãozinho-Centenário (29/05/1995)

Está na hora de absorvermos os fatos e a realidade! Lions Centro não existe!

A QUESTÃO DO NÍVEL DE COMPETÊNCIA:

Você sabe por que o Governador do Distrito nomeia dezenas de Assessores e Coordenadores em sua gestão? É para que, com ele, esses auxiliares dividam as inúmeras responsabilidades na administração de um ano leonístico! Todos, cada um na sua área específica, são indispensáveis para que a gestão leonística no Distrito flua na mais absolua normalidade.

Alguns Presidentes de Clubes, seja pela amizade ou mesmo pela inegável capacidade de quem é procurado, têm por hábito canalizar seus pedidos, por exemplo, para um único dirigente. Este, por elegância ou sem querer melindrar quem quer que seja, aceita as solicitações e vai acumulando a condição de “consultor”, muitas vezes em prejuízo da execução das suas funções específicas. É elogiável, mas não é legal!

Meu avô já dizia: “cada macaco em seu galho”. Guardadas as devidas proporções, é o que deve ocorrer entre nós aqui no Distrito LC-6. Vamos, para exemplificar, mencionar algumas situações que podem ocorrer:

 

    1. Falece um componente do Clube. Um dos seus Diretores, no mesmo dia, comunica o fato para esta Coordenadoria Geral ou para o Governador, “mas apenas para decretação do luto oficial”. No dia seguinte ao sepultamento, deve entrar em contato direto com o Assessor Distrital da Mútua Leonística para as providências práticas cabíveis (encaminhamento da certidão de óbito, identificação dos beneficiários legais, dados bancários para depósito do pecúlio ou esclarecendo que o cheque correspondente poderá ser encaminhado para a Diretoria que esta se encarregará do pagamento entre outras). O Assessor Distrital da Mútua Leonística determinará todas as providências e encerrará o caso. Se surgir alguma situação não rotineira, aí sim o Assessor entrará em contato com a Governadoria.
    2. Surge no Clube uma situação ou algum problema mais sério com seu Leo Clube. A Diretoria entrará em contato direto com a Assessora Distrital de Leo Clube. Esta tomará pé da situação e determinará as providências para solucionar o problema. Caso eventualmente não consiga, aí sim ela entrará em contato com a Governadoria para mediação da questão.
    3. O Clube está encontrando dificuldades para desenvolver e implementar uma atividade de serviço que está desejando realizar. Entre em contato direto com o Coordenador do GST do Distrito e peça a ajuda que se fizer necessária.
    4. Problemas de treinamento e preparo de liderança com associados do Clube? Entre em contato direto com o Coordenador do GLT do Distrito e solicite a ajuda necessária.
    5. Surgiram dúvidas a respeito de questões relacionadas com o protocolo leonístico? Acionem, em primeiro lugar, os Assistentes Distritais de Protocolo Leonístico da respectiva Região. Eles possuam condições e capacidade para solucionar e resolver qualquer questão. Ou, em qualquer circunstância, eles recorrerão ao Assessor Distrital de Protocolo Leonístico.
    6. Desejam reformar ou atualizar o Estatuto ou o Regimento Interno do Clube? Procurar o Assessor Distrital de Estatuto e Regulamentos. Ele está altamente qualificado para fornecer orientação segura.
    7. Seu Clube deseja fundar outro Lions Clube? Procurem o Presidente da respectiva Região, com intermediação do seu Presidente de Divisão. Aquele é Presidente de uma comissão técnica especializada para essa finalidade, que, este ano leonístico, já foi oficialmente constituída pelo Governador do Distrito. Aliás, e só para relembrar, o Presidente do Clube é membro efetivo da referida comissão.
    8. Vocês estão pretendendo obter subsídios para desenvolver e gerenciar um programa de LCIF? Nosso Coordenador de Lions Clubs International Foundation tem uma capacidade extraordinária para fornecer uma orientação segura.
    9. Surgiu algum problema sério de finanças em sua unidade? Reporte-se diretamente a algum dos Diretores titulares ou suplentes da Comissão de Finanças. Ele certamente orientará a forma correta de solucionar o problema.
    10. E assim sucessivamente com todas as Assessorias da equipe de colaboradores da Governadoria: meio ambiente e combate à fome; concurso de eficiência; Cartaz sobre a Paz; Lions Quest; intercâmbio juvenil; diabetes; visão; câncer pediátrico e dezenas de outros.

Agora, se vocês quiserem um canal ainda mais direto para suas tratativas, e mais condizente com o nível de competência, e sem passar diretamente pelas Assessorias, reportem seus problemas para seu respectivo Presidente de Divisão, que está apto para resolver ou encaminhar situações. Se eventualmente não conseguir, ele se reporta ao seu Presidente de Região. Se os dois persistirem com alguma dúvida, aí sim recorrerão às Assessorias competentes.

Administrar é simples! Às vezes somos nós que complicamos as coisas! E a observância dos níveis de competência é o que dá vida a uma administração de sucesso!

 

ORDEM DE PRECEDÊNCIA PARA ASSEMBLÉIA DE VISITA DO GOVERNADOR:

Alguns estimados Companheiros Leão que exercem a função de Diretor Social em seus respectivos Clubes, embora poucos, ainda encontram certa dificuldade na composição da mesa dirigente quando da realização de solenidades festivas de visita do casal Governador. São eles os responsáveis pela formação da mesa nessas ocasiões.

De se notar que a execução de um protocolo correto tem início com a formação da mesa dirigente. Se esta for conduzida com a observância das normas vigentes, tudo o mais fluirá em consonância com o que o protocolo leonístico exige.

Para colaborar com aqueles Diretores Sociais que ainda precisam de alguma orientação, e apenas imbuídos de um sentimento de companheirismo, fornecemos abaixo a ordem de precedência para composição da mesa dirigente em uma assembleia festiva de visita do casal Governador.

DIRIGENTES LEONÍSTICOS

Presidente do Clube

Governador do Distrito

Presidente do Conselho de Governadores do Distrito Múltiplo LC

Ex-Presidentes do Conselho de Governadores do Distrito Múltiplo KC

Ex-Governador do Distrito Imediato

1.º Vice-Governador do Distrito

2.º Vice-Governador do Distrito

Ex-Governadores do Distrito (por ordem decrescente)

Coordenador Geral do Distrito

Secretário da Governadoria do Distrito

Tesoureiro da Governadoria do Distrito

Diretor da Escola de Dirigentes do Distrito

Presidentes de Região (precedência para o da região do Clube)

Presidentes de Divisão (precedência para o da divisão do Clube)

Presidente do Distrito LEO

Coordenadores da Equipe de Ação Global

Assessores Distritais

Assistentes Distritais

Presidentes de Clubes (por ordem alfabética do município)

Ex-Presidentes de Clubes imediatos (por ordem alfabética do município)

Secretários de Clubes (por ordem alfabética do município)

Tesoureiros de Clubes (por ordem alfabética do município)

Demais Diretores de Clubes do ano leonístico

Ex-Presidentes de Clubes (por ordem alfabética do município)

AUTORIDADES CÍVIS, MILITARES E ECLESIÁSTICAS

Prefeito Municipal

Juíz de Direito da Comarca ou Diretor do Fórum

Presidente da Câmara Municipal

Promotor Público da Comarca ou Diretor do Ministério Público

Vice-Prefeito Municipal

Delegado de Polícia

Autoridades militares (por ordem: Marinha, Exército, Aeronáutica e Polícia Militar)

Vereadores

Dirigentes religiosos

Presidente de Rotary clube

Venerável de Loja Maçônica

Presidente do Clube onde se realiza a reunião (se for o caso)

Presidente da Associação Comercial e Industrial

Registros importantes:

Quando o Secretário do Distrito, o Tesoureiro do Distrito ou o Diretor da Escola de Dirigentes for um Ex-Governador de Distrito, será chamado quando da convocação dos Ex-Governadores, dentro da hierarquia do seu ano leonístico.

Muitos Clubes tem por tradição convidar autoridades civis, militares e eclesiásticas para participar de suas assembleias. É uma honra e nos sentimos recompensados por isso. Só que protocolo é protocolo, e o leonístico deverá ser rigorosamente observado quando do chamamento para composição da mesa dirigente. A prioridade de uma reunião leonística é para os dirigentes leonísticos e isso não é demérito para ninguém. Aliás, autoridades sabem avaliar esse posicionamento, pois, em suas áreas, eles também têm o seu protocolo. No caso da precedência acima, as autoridades deverão começar a ser nomeadas após o chamamento do Ex-Governador do Distrito Imediato, intercalando-se um dirigente leonístico e uma autoridade (observando-se sempre a ordem de precedência estabelecida). Um outro aspecto importante: representante não deve ocupar o lugar do representado. Por exemplo: se um Vereador estiver representando o Prefeito, ele deve ser chamado para a mesa dirigente na qualidade de Vereador e não na vaga que competir ao Prefeito. Agindo assim, o Clube, o Clube não estará fazendo nada mais do que respeitar o protocolo leonístico, que vem sendo denegrido e agredido de forma inconcebível.

SUGESTÃO DE PROTOCOLO PARA VISITA DO CASAL GOVERNADOR:

Estamos fornecendo abaixo, para colaborar com suas gestões, uma sugestão de protocolo para a assembleia de visita do casal Governador aos Clubes.

Queremos afirmar, para não deixar qualquer dúvida, que, com esse encaminhamento, não estamos atropelando as atribuições da Assessoria Distrital de Protocolo Leonístico. O PDG MJF Manoel da Rocha Freitas, titular daquela Assessoria, foi previamente consultado e aprovou o encaminhamento dessa nossa proposta. Agradecemos a compreensão daquele nosso ilustre Ex-Governador.

PROTOCOLO SUGERIDO:

1.ª PARTE – FORMAÇÃO DA MESA DIRIGENTE

O Diretor Social, exatamente no horário estabelecido no convite, e observando rigorosamente a ordem de precedência, dirige-se ao microfone e anuncia os nomes para formação da mesa dirigente, bem como sua extensão, declinando os nomes dos demais dirigentes e convidados. Depois, comunica o fato: “Companheiro Presidente (ou Companheira Presidente, a mesa está constituída”. Apenas isso!

2.ª PARTE – ABERTURA, INVOCAÇÃO A DEUS E HINO À BANDEIRA

Presidente bate o sino.

Presidente: “Invocando a Deus, pela grandeza da Pátria e pela paz entre as pessoas, damos por iniciada esta assembleia festiva do Lions Clube de ........................................, onde temos a satisfação de receber a visita do casal Governador do Distrito LC-6, MJF Daisy e DG MJF Antonio Paulo Caliento.

“Solicitamos que todos permaneçam em pé, cada um dentro da sua fé, guardando um minuto de silêncio, enquanto ouviremos a Invocação a Deus na palavra do Companheiro Leão ............................................. (ou da Companheira Leão ...................................................).”

(logo após o término da leitura da Invocação a Deus)

"Ainda em pé, convidamos os presentes para me acompanharem na entoação da primeira estrofe e coro do Hino à Bandeira.”

(logo após o Hino)

“Convidamos que todos ocupem seus lugares.”

 3.ª PARTE – NOMEAÇÃO DO MESTRE DE CERIMÔNIA

Presidente bate o sino.

Presidente: “Convidamos o Companheiro Leão .................. ............ (ou a Companheira Leão ................................) para exercer as funções de Mestre de Cerimônia desta noite, e o(a) convidamos para que venha até a mesa dirigente para receber o colar alusivo a essas funções.”

Observação: o(a) Mestre de Cerimônia vai até a frente do(a) Presidente, recebe o colar (sem tocá-lo, pois o Presidente o coloca em seu pescoço), dirige-se ao microfone e faz seu agradecimento pela indicação. Sugestão: “Agradeço o(a) Companheiro(a) Presidente por ter me concedido o privilégio de atuar como Mestre de Cerimônia desta importante solenidade. Espero cumprir minha missão a contento.”

(logo após a manifestação do Mestre de Cerimônia)

4.ª PARTE – SAUDAÇÃO AO CASAL GOVERNADOR

Presidente bate o sino.

Mestre de Cerimônia: “Convidamos nosso(a) Diretor(a) Social, CL .......................(ou CaL .................................) para que, em nome do Clube, faça a saudação ao casal Governador.”

(um minuto depois da saudação)

5.ª PARTE – TROCA DE MIMOS

 Presidente bate o sino.

 Mestre de Cerimônia: “Convidamos o casal Presidente para que, em nome dos associados do nosso Clube, entregue um mimo ao casal Governador.”

 (depois da troca de presentes)

 6.ª PARTE – TÉRMINO DO PROGRAMA DO MESTRE DE CERIMÔNIA

 Presidente bate o sino.

(o Mestre de Cerimônia ocupa o microfone e faz seus agradecimentos. Sugestão: “Agradeço ao CL (ou a CaL) Presidente por ter me concedido a honra de atuar como Mestre de Cerimônia desta assembleia festiva, e lhe devolvo o colar alusivo a essas funções.” (vai até a frente do(a) Presidente e devolve o colar, sem tocar. (O(a) Presidente é quem retira o colar do seu pescoço).

7.ª PARTE – SAUDAÇÃO EM NOME DOS DIRIGENTES E CLUBES VISITANTES

Presidente bate o sino.

Presidente: “Convido o PDG MJF ............................................................., do Lions Clube de ..................................................., para uma saudação em nome dos dirigentes leonísticos e Clubes visitantes presentes.”

(depois da saudação)

8.º PARTE – MENSAGEM DO GOVERNADOR

Presidente bate o sino.

Presidente: “Companheiros, Companheiras, Domadores, Leos e visitantes. Chegou o momento maior da festiva desta noite. É o momento de ouvirmos a mensagem do Governador do Distrito LC-6, DG MJF Antonio Paulo Caliento, a quem dispensaremos nossa melhor atenção.”

(depois da mensagem do Governador)

9.ª PARTE – LEITURA DA ORAÇÃO PELO BRASIL E ENCERRAMENTO

Presidente bate o sino.

Presidente: Convidamos o CL ............................................................................ (ou a CaL ..................................................) para proferir a Oração pelo Brasil.”

(depois da leitura da Oração pelo Brasil)

“Desejamos consignar um agradecimento especial aos Companheiros, Companheiras e Domadoras do nosso Clube que colaboraram para realização da festiva desta noite.”

“Agradecemos igualmente a visita dos queridos Companheiros, Companheiras e Domadoras dos Clubes irmãos, que aqui compareceram para enriquecer ainda mais esta solenidade de visita do casal Governador.”

“Agradecemos, também, os prezados e diletos dirigentes leonísticos que registraram suas presenças, o que muito nos honrou.”

“Queremos, em nome dos Companheiros, Companheiras e Domadoras do nosso Clube manifestar ao casal Governador e honra que sentimos em recebe-los como visitante oficial. A mensagem e incentivo que nos trouxeram servirão para engradecer ainda mais as nossas atividades, o nosso movimento e o nosso Distrito LC-6.!

“Informando que o jantar será seguido a servir, damos por encerrada esta assmbléia festiva e convidamos todos para uma saudação ao Pavilhão Nacional.”

Observações deste Coordenador Geral:

    1. Este é um roteiro enxuto. Não há necessidade de se prolongar em demasia uma festiva de visita do casal Governador. Isso, salvo raríssimas exceções, não agrada ninguém. Com o roteiro acima sugerido, a “fatura” poderá ser liquidada em pouco mais de uma hora.
    2. A escolha de apenas um dirigente para falar em nome dos dirigentes e dos Clubes visitantes servirá para agilizar a reunião. Não existe a mínima necessidade de muita gente ficar falando.
    3. Um cuidado especial deverá ser observado pelo(a) Diretor(a) Social na formação da mesa dirigente e sua extensão. É imprescindível observar a ordem de precedência. Outra observação: dirigentes da mesma categoria não devem, sempre que possível, ser colocados em mesas separadas. Exemplo: Ex-Governador na mesma mesa com outro Ex-Governador.
    4. Alertar o(a) Mestre de Cerimônia. Ele não toca no colar em nenhuma hipótese. É o(a) Presidente que coloca e retira o colar do seu pescoço.
    5. O(a) Presidente não deve ter receito de usar o sino e o martelo como alerta, principalmente se houver muito zum-zum-zum na plateia.
    6. Horário foi feito para ser cumprido. Se a assembleia estiver marcada para as 21:00 horas, o(a) Diretor(a) Social deverá começar a formação da mesa dirigente exatamente neste horário. Nada de justificar que “vai atrasar um pouco porque estamos aguardando a chegada de determinada autoridade”. Além do mais, autoridade que se presa sabe cumprir horário.
    7. O(a) Presidente deve evitar “abrir a palavra” aos visitantes (uma exceção poderá ser feita ao Prefeito Municipal, se estiver presente), pois, se fizer isso, “a coisa vai longe!.
    8. O PDG que for convidado para falar em nome dos dirigentes e Clubes visitantes deverá ser alertado, com diplomacia, sobre o tempo que lhe será concedido, e para que não se exceda do mesmo. E deve ser comunicado, se possível com alguns dias de antecedência, que será convidado para transmitir sua mensagem, a fim de evitar aquela famosa afirmativa de “ter sido pego de surpresa”.
    9. Uma assembleia rápida possibilita um tempo maior para o companheirismo durante o almoço ou jantar de confraternização.
    10. Esta Coordenadoria Geral continua à disposição dos Clubes para colaborar em tudo que for necessário, assim como nosso estimado Assessor Distrital de Instrução Leonística.

 

O LIONS E A POLÍTICA:

Além da terrível situação que estamos atravessando diante da pandemia da Covid-19, alguns Clubes do Distrito (que esperamos sejam poucos) muito provavelmente se defrontarão com outra delicada questão no transcorrer deste ano leonístico e que poderá abalar suas estruturas, a exemplo do que já ocorreu aqui mesmo do LC-6 em época não muito distante: estou me referindo às próximas eleições municipais que serão realizadas no dia 15 de novembro de 2020.

É muito natural, e faz parte do estado democrático de direito em que ainda estamos vivendo, que alguns prezados Companheiros Leão e dulcíssimas Companheiras Leão, no próximo pleito, venham se lançar como candidatos a uma vaga nos Legislativos Municipais.

É um direito líquido e certo! O que se precisa para o bem da harmonia que existe em nossa família leonística é separar o joio do trigo, ou seja, observar onde começa e termina o direito de cada um.

Existe necessidade, em primeiro lugar, de se ater àquilo que é determinado pelos Propósitos do Lions Clube estabelecidos por Lions Internacional. Esse nosso diploma legal proíbe, em seu texto, que assuntos de ordem política e religiosa não devem ser discutidos pelos associados no Clube. Atentem para o detalhe: não devem ser discutidos pelos associados NO Clube. Fora do Clube cada um pode discutir política onde bem entender.

Dessa forma, a sede de um Lions Clube é local inviolável para práticas políticas e religiosas. Mesmo as preferências dos associados, favoráveis ou contrários a candidatos, sejam eles quais forem, não devem ser manifestadas NO Clube.

Quanto aos Companheiros Leão ou Companheiras Leão candidatos nada impede que eles usem o distintivo do Lions nas suas campanhas ou manifestações políticas (pois, afinal de contas, “é uma honra ser Leão”). O que lhes é vedado, nessas ocasiões, é dizer que fizeram essa ou aquela campanha ou atividade social para o Lions. Quem realiza ações leonísticas É O CLUBE e não o LEÃO CANDIDATO. É aqui que digo ser necessário separar o joio do trigo. Que cada Leão candidato faça sua manifestação política, publicitária, ou seja lá o que for, sem envolver atividades realizadas pelo Clube. Isso não é legal nem permitido!

Outro fato que ocorre costumeiramente às vésperas de eleição municipal: candidato ao cargo de Prefeito Municipal solicitar para comparecer a alguma assembleia do Clube para expor suas metas e ambições. Diz o bom-senso que os dirigentes do Clube, de forma diplomática, devem rechaçar pedido dessa natureza, explicando gentilmente que, tanto a filosofia como a alta direção do leonísmo, não aprovam a cessão dos seus próprios para agendamento político. Além do mais, se aceitar um pedido dessa natureza o Clube poderá dar entender à comunidade, de forma clara e objetiva, que é simpático a alguma causa partidária. Mesmo que “todos” os candidatos do município façam o pedido, a cessão da dependência do Clube não deve ser autorizada.

Cada Companheiro, Companheira ou Domadora pode ter simpatia por este ou aquele candidato, mas a prudência recomenda que isso seja pura convicção pessoal e não vá para as dependências do Clube.

O Lions, como entidade de direito privado, e sem qualquer finalidade lucrativa, tem como missão trabalhar junto à comunidade para suprir ou amenizar suas necessidades, e que não pode e nem deve se envolver com atividade política.

Quero afiançar que esta é uma manifestação extritamente pessoal deste Coordenador Geral, que certamente poderá ocasionar alguma contestação. Mas é o meu ponto de vista!

CONCURSO DISTRITAL DE INSTRUÇÃO LEONÍSTICA DO AL 2020/2021

O DG MJF Antonio Paulo Caliento editou a resolução nº 12-2020/2021, de 07 de agoato de 2020, instituindo e regulamentando o “Concurso Anual de Instrução Leonística” no Distrito LC-6 durante o ano leonístico 2020/2021.

O Governador considerou, em seu documento, que a instrução leonística serve para manter Companheiros Leão, Companheiras Leão, Domadoras e Leos de um Lions Clube, independentemente do tempo de afiliação de cada um, atentos e conscientes a respeito da filosofia do movimento leonístico, das leis que o regem, da sua organização e, acima de tudo, da importância do nosso envolvimento com o legado que nos foi deixado por Melvin Jones.

Disse, também, que uma das formas de manter viva a chama dos nossos ideais é incentivar e incrementar a realização da instrução leonística, no seu mais amplo sentido, durante todas as assembleias realizadas pelos Lions Clubes.

No regulamento que acompanhou a resolução, foram estabelecidos os seguintes critérios:

- O concurso instituído é destinado a todos os Companheiros Leão, Companheiras Leão, Domadoras e Leos associados dos Lions Clubes do Distrito LC-6.

- Cada instrução leonística produzida deverá ser lida durante uma das assembleias ordinárias dos próprios Clubes, ser registrada em ata, e ter como objetivo: manter os associados atuantes e motivados, através da expressão da sua criatividade; oportunizar a qualificação acerca do leonismo, buscando informações e conhecimentos; reduzir a evasão de associados, resgatando-lhes a autoestima e mantendo-os participantes; oportunizar o intercâmbio cultural entre os Clubes do Distrito LC-6.

- Cada instrução leonística deverá ser inédita, ter cunho positivo, e ser criada pelo próprio autor participante, não sendo aceita cópia de texto já produzido ou até já ter sido publicado pelo próprio autor.

- O tema para criação da instrução leonística é livre, mas exclusivamente leonístico, podendo ser apresentado em forma de texto ou poema.

- Para efeito do concurso será aceita apenas uma instrução leonística por participante.

- Poderão participar do concurso todos os associados dos Clubes do Distrito LC-6 que estejam em dia com suas obrigações junto ao Distrito e Lions Internacional e cujas Diretorias devem incentivar a participação de todos.

- Fica vedada a participação no concurso dos dirigentes ligados diretamente ao “staff” da Governadoria.

- O período de vigência será de setembro de 2020 a maio de 2021.

- O concorrente deverá apresentar a instrução leonística com um mínimo de 1.500 (um mil e quinhentos) caracteres e o máximo de caracteres fica a critério do bom-senso do autor, com sua identificação e o Clube ao qual pertence. Contam-se os caracteres desde o título até o ponto final, excluindo-se o nome do autor e Clube ao qual pertence. Caracteres são letras, números e sinais de pontuação. Espaços entre as palavras não são caracteres. Se a instrução leonística for impressa em computador, este faz a contagem automaticamente.

- No período de setembro/2020 a maio/2021 as Diretorias dos Clubes devem encaminhar as instruções leonísticas divulgadas em suas reuniões, acompanhadas das atas que registrarem sua realização, ao Assessor Distrital de Instrução Leonística, PMJF Antonio Douglas Zapolla, por correspondência registrada (rua General Carneiro n.º 664 – CEP 14340-000 – Brodowski – SP), ou por e-mail ( O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. ).

- As instruções leonísticas participantes serão julgadas na Governadoria durante o mês de junho de 2021.

- A análise e classificação das instruções leonísticas serão feitas pelo
Assessor Distrital de Instrução Leonística, juntamente com uma comissão especial que por ele será designada, esta com conhecimento e autorização prévia do Governador do Distrito, que levará em conta a correção gramatical, desenvolvimento e conclusão. A classificação será de 1.º ao 10.º colocado.

- O participante que tiver sua instrução leonística classificada em 1.º lugar receberá um troféu especial da Governadoria e um certificado de apreciação. Aos demais classificados até o 10.º lugar será conferido um certificado de mérito.

- A instrução leonística classificada em 1.º lugar será publicada no BIG-Boletim Informativo da Governadoria.

- A entrega da premiação ocorrerá durante a realização da 1.ª Reunião do Comitê do Gabinete Distrital do ano leonístico 2021/2022 (encerramento do ano leonístico 2020/2021), em local e data que serão definidas pelo futuro Governador 2021/2022.

 

DATAS JÁ RESERVADAS NA AGENDA DO GOVERNADOR, ATÉ HOJE:

19/09/2020 (sab) – Lions Clube de Mirassol

26/09/2020 (sab) – Reunião do DMLC – Campinas/SP

27/09/2020 (dom) – Reunião do DMLC – Campinas/SP

29/10/2020 (qui) - Lions Clube de São Sebastião do Paraíso.

20/11/2020 (sex) – Lions Clube de São Joaquim da Barra

21/11/2020 (sab) – Reunião do Conselho de Ex-Governadores do Distrito LC-6

22/11/2020 (dom) – 2.ª Reunião do Comitê do Gabinete Distrital do LC-6

23/11/2020 (seg) - Reservado

28/11/2020 (sab) – Lions Clube de Guariba

09/02/2021 (ter) – Lions Clube de Brodowski

20/02/2021 (sab) – Reunião do CEG e 3.ª Reunião do Comitê do Gabinete Distrital

21/02/2021 (dom) – 3.ª Reunião do Comitê do Gabinete Distrital do LC-6

23/02/2021 (ter) – Lions Clubes de Sertãozinho (2 Clubes)

26/02/2021 (sex) - Lions Clube de Miguelópolis

02/03/2021 (ter) – Lions Clube de Passos

03/03/2021 (qua) – Reservado

04/03/2021 (qui) – 2.ª RCG do Distrito Múltiplo LC – Ribeirão Preto/SP

05/03/2021 (sex) – 2.ª RCG do Distrito Múltiplo LC – Ribeirão Preto/SP

06/03/2021 (sab) – 2.ª RCG do Distrito Múltiplo LC – Ribeirão Preto/SP

07/03/2021 (dom) – 2.ª RCG do Distrito Múltiplo LC – Ribeirão Pteto/SP

12/03/2021 (sex) – Lions Clubes de Ribeirão Preto (4 Clubes)

13/03/2021 (sab) – Reservado

18/03/2021 (qui) – Lions Clube de Auriflama

19/03/2021 (sex) – Lions Clube de Palmeira D’Oeste

20/03/2021 (sab) – Lions Clubes de Guaíra (2 Clubes)

26/03/2021 (sex) – Lions Clube de Cravinhos

14/04/2021 (qua) – Lions Clubes de Fernandópolis (2 Clubes)

15/04/2021 (qui) – Lions Clube de Nhandeara

20/04/2021 (ter) – Lions Clube de Ituverava

22/04/2021 (qui) – Lions Clube de Igarapava

23/04/2021 (sex) - Reservado

24/04/2021 (sab) – Reunião do CEG e 22.ª Convenção Distrital do LC-6

25/04/2021 (dom) – 22.ª Convenção Distrital do LC-6

Observação da Coordenadoria Geral: após a Convenção Distrital, fica vedado ao Governador do Distrito participar de visitas oficiais aos Clubes.          

Reiteramos os constantes apelos que temos feito aos prezados Companheiros Leão e dulcíssimas Companheiras Leão Presidentes de Clubes. Apesar da situação que estamos vivenciando com a pandemia da Covid-19, não podemos deixar de procurar manter nossas atividades. E a visita do casal Governador aos Clubes é uma delas! Procurando minimizar a situação, temos encaminhado algumas sugestões aos Clubes: reuniões conjuntas com Clubes de uma mesma cidade; reuniões conjuntas com Clubes de cidades circunvizinhas, por exemplo. Solicitamos que cada Presidente que ainda não o fez, agende a visita em consenso com os associados do seu Clube e, depois, informe duas datas para esta Coordenadoria: uma preferencial e outra alternativa. Confirmaremos a data que for estabelecida. Agradecemos pela cooperação e participação.

 

1.ª REUNIÃO DO CONSELHO CONSULTIVO DO GOVERNADOR:

Setembro traz uma atividade de grande responsabilidade para cada Presidente de Divisão. É o mês que ele precisa planejar e realizar sua 1.ª reunião do Conselho Consultivo do Governador (antigo Comitê Assessor) com os Lions Clubes da sua área.

Depois da Convenção Distrital e do Comitê do Gabinete Distrital, é a mais importante reunião na esfera técnica/administrativa do Distrito.

E à frente de tudo isso está o Presidente de Divisão!

Muitas vezes considerada a mais importante reunião de dirigentes dos Clubes, o Conselho Consultivo do Governador oferece aos Presidentes e Diretores de Clubes a oportunidade de aprenderem sobre os programas e iniciativas do Distrito, do Distrito Múltiplo e de Lions Internacional. No entanto, o elemento indubitavelmente mais valioso da reunião é a oportunidade que esses líderes têm de trocar ideias e desafios com os dirigentes dos outros Clubes da Divisão,

O Presidente da Divisão deve diligenciar para que a reunião seja produtiva.

A reunião geralmente se concentra na implementação de projetos de serviço, gestão do Clube, aumento de associados e desenvolvimento da liderança. Embora o objetivo principal seja oferecer aos dirigentes de Clubes um fórum de discussão, a reunião também oferece ao Presidente da Divisão a oportunidade de compilar recomendações que possam ser compartilhadas com a equipe do Governador do Distrito.

O Presidente da Divisão, nos artigos 49 a 53, e seus parágrafos, do Estatuto do Distrito LC-6, tem todas as dicas para planejar e sediar o evento.

As responsabilidades do Conselho Consultivo do Governador são:

    1. Certificar-se de que cada Clube está funcionando de forma eficaz, de acordo com as normas dos Estatutos e Regulamentos do Distrito e de Lions Internacional, atendendo as necessidades doa associados.
    2. Garantir que os Clubes ofereçam serviço significativo, inspirem o crescimento do quadro associativo e o desenvolvimento das liderança.
    3. Promover os programas oferecidos pelo Distrito, pelo Distrito Múltiplo e por Lions Internacional.
    4. Garantir que cada Clube esteja instalando os seus dirigentes e empossando os novos associados, reconhecendo as realizações de uma maneira significativa.
    5. Incentivar os Clubes a participarem das Convenções do Distrito, do Distrito Múltiplo e de Lions Internacional.
    6. Promover reuniões inter-Clubes, incentivando a participação nas reuniões de companheirismo, de visitas do Governador e outros eventos.

           Além de realçar essas responsabilidades, o Presidente de Divisão deve incluir na agenda da reunião, para apreciação e discussão, os assuntos que fazem parte do dia-a-dia da administração distrital, tais como:

    1. Metas do Governador do Distrito para o ano leonístico 2020;2021 (essas metas foram especificadas na ata da 1,ª reunião do Comitê do Gabinete Distrital, que já foi enviada para todos os interessados.
    2. Debate sobre as diretrizes da Equipe de Ação Global do Distrito (LCIF, GLT, GMT e GST). Essa equipe é de fundamental importância para implementação de ações no âmbito distrital. Seus titulares estão aptos a orientar sobre como os Clubes podem lidar com os desafios que enfrentam e/ou compartilhar sucessos.
    3. Questionamento ao Presidente da Região quanto às providências que já estão sendo tomadas para fundação de pelo menos um Lions Clube na área, conforme comissão já formada através de resolução editada pelo Governador do Distrito.
    4. Necessidade dos Presidentes de Clube divulgarem aos seus associados o texto das cartas mensais que estão sendo expedidas regularmente pela Coordenadoria Geral do Distrito, pois tal documento traz notícias e informações de interesse leonístico, temas do nosso movimento, matérias que visam colaborar dom o desenvolvimento dos Clubes, instruções leonísticas e documentos que visam facilitar o desempenho dos dirigentes na execução de suas funções.
    5. A necessidade que os Clubes têm em informar a correta movimentação de associados a Lions Internacional.
    6. A importância dos Clubes informarem a realização de suas atividades para Mylion.
    7. Falar sobre a necessidade que os Clubes tem em manter em dia suas obrigações financeiras. O caso da Mútua Leonística é bastante significativo, pois, na fatalidade de um infortúnio, poderá ser vedado o pagamento do pecúlio ao beneficiário.
    8. Apesar da pandemia que assola o país, e muitos ainda se mostram excessivamente arredios, pedir aos Clubes que ainda não o fizeram que agendem as visitas do casal Governador.

É evidente que, antes das tratativas acima mencionadas, o Presidente da Divisão deve tomar algumas medidas preliminares:

    1. Abrir a reunião protocolarmente e ressaltar a importância do serviço, que é a função mais importante de qualquer Lions Clube. Explicar que o objetivo da reunião é compartilhar ideias e ferramentas que os Clubes poderão usar para garantir que os serviços prestados efetivamente atendam as necessidades das comunidades e expectativas dos associados. Mencionar que, ao final da reunião, haverá um debate aberto sobre os desafios e sucessos de cada Clube.
    2. Pedir que os participantes façam uma rápida apresentação, dando seu nome, título e nome do Clube.
    3. Dependendo do número de participantes, permita que cada Clube (2-3 minutos) comente suas atividades para o ano. O relato deve incluir ações de projeção do Clube, bem como quaisquer outros projetos planejados e os desafios.

Essas são, de forma geral, algumas considerações que a Coordenadoria Geral do Distrito tem a fazer sobre a importância da 1.ª reunião do Conselho Consultivo do Governador.

Observação final ao Presidente da Divisão: na convocação que for enviada aos Clubes para participação na reunião, lembrar que a presença dos membros deliberativos do Conselho na reunião (Presidente, Secretário, Tesoureiro, Diretor Social, Diretor de Associados, Diretor de LCIF, Diretor do GLT, Diretor do GMT, Diretor do GST e Diretor de Comunicação e Marketing) quando convocados, é obrigatória, podendo, porém, em caso justificado, os referidos titulares se fazerem representar por substitutos previamente informados ao Presidente da Divisao (artigo 52 do Estatuto do Distrito LC-6).

LIONS CLUBE DE SÃO SEBASTIÃO DO PARAÍSO DÁ POSSE A 19 ASSOCIADOS:

A CaL Cláudia Angela Amaral Lauria, Presidente do Lions Clube de São Sebastião do Paraíso, com apoio do seu CL Cláudio Henrique Lauria, que é Diretor de Associados do Clube, começaran o ano leonístico de forma incomum e extraordinária. Durante duas assembleias realizadas no mês de agosto de 2020, nos dias 02 e 27, deu posse a 19 novos associados: 10 no dia 02 e 09 no dia 27. E já agendaram a visita do casal Governador para 29/10/2020.

Cumprimentamos o jovem casal pelo avassalador início de gestão, augurando que, juntamente com os demais membros da sua Diretoria, mantenham acesa essa chama de espírito leonístico que é um orgulho para todos nós.

Belíssima participação do Lions Clube de São Sebastião do Paraíso para engrandecimento do nosso Distrito LC-6!

           

QUAL O SEU QI EM LEONISMO?

  1. A justa homenagem aos fundadores do leonismo é prestada durante o mês de __________________.
  2. Os membros da Diretoria Internacional recebem repasse financeiro pelos serviços prestados: a) verdadeiro; b) falso.
  3. Os Propósitos dos Lions Clubes, que anteriormente eram denominados de Objetivos, foram adotados no ano de: a) 1917; b) 1919; c) 1925; d) 1935.
  4. Preencham os espaços com as palavras que estão faltando em nosso slogan: Liberdade, ____________, Ordem, ____________ e Serviço.
  5. O lema de Lions é “_______________________________” e foi adotado em: a) 1917; b) 1919; c) 1920; d) 1945.

(Respostas no final desta Carta Mensal).

 

ALGUNS “PITACOS” LEONÍSTICOS:

  1. A homenagem aos fundadores do leonismo é prestada no mês de janeiro.
  2. A Associação assumiu seriamente o compromisso de servir os deficientes visuais após o memorável discurso de Helen Keller, pronunciado em 02/07/1925 no encerramento da IX Convenção Internacional, realizada em Cedar Point, Ohio, Estados Unidos, quando ela concitou os Leões a se tornarem “paladinos dos cegos na cruzada contra a escuridão”.
  3. A organização leonística que acumula e distribui contribuições de Leões e benemerentes para fins humanitários, no mundo todo, é a Lions Clubs International Foundation. Foi fundada em 1968 e é o braço humanitário da Associação Internacional de Lions Clubes.
  4. A Diretoria Internacional da nossa Associação é composta por 34 Diretores, que não recebem qualquer compensação financeira pelos seus serviços.

 

CURIOSIDADES DA HISTÓRIA DO HINO NACIONAL:

Nosso Hino Nacional faz parte integrante do protocolo leonístico, especialmente durante nossas Reuniões e Convenções Distritais, bem como em eventos oficiais dos Distritos Múltiplos.

Levado pela curiosidade, e dentro daquela que julgo ser minha missão de garimpeiro do leonismo, procurei vasculhar os arquivos na busca de dados que revelassem um pouco da bonita história deste que é um dos símbolos do Brasil. Descobri curiosidades interessantes.

Muito brasileiros, infelizmente, desconhecem os nomes dos autores da melodia e da letra do Hino Nacional: Francisco Manuel da Silva (música) e Joaquim Osório Duque Estrada (letra). Quanto aos autores, aliás, NEM ELES MESMO SE CONHECIAM. Surpreso? O fato é este: o autor da melodia, Francisco Manuel da Silva, jamais conheceu o autor da letra, Joaquim Osório Duque Estrada, pela simples razão que quando o primeiro morreu (1865), o segundo ainda nem tinha nascido (1870).

O registro acima também chamou minha atenção! E, dentro da minha garimpagem, encontrei explicação para o fato em uma coletânea que foi publicada pelo Distrito LC-10 no ano leonístico 2003/2004, de cujos registros estou me valendo, resumindo e repassando aos eventuais interessados.

O conhecimento do Hino Nacional talvez fosse mais abrangente se houvesse divulgação dos momentos históricos em que surgiram sua melodia e sua letra.

 De acordo com a coletânea já referida, a história do nosso hino começa num cenário parecido com um certo momento da vida de um dos maiores gênios da música universal, o austríaco Wolfgang Amadeus Mozart (1756-1791), que foi perseguido (e invejado) pelo italiano Antonio Salieri (1750-1825), o músico mais influente na corte vienense da época. Aqui, o papel equivalente do de Salieri era desempenhado pelo maestro Marcos Portugal, mestre lusitano da Capela Imperial ao tempo de D, Pedro I, enquanto o padre José Mauricio Nunes Garcia (1767-1830) e seus discípulos seriam entre nós o equivalente a Mozart.

Nos anos seguintes à Independência proclamada em 07 de setembro de 1822, o Imperador D. Pedro I alternou acertos e erros que, com o passar dos anos, criaram um clima de animosidade entre ele e os brasileiros. O primeiro passo teria ocorrido na noite da Independência, no Teatro Ópera de São Paulo, quando fez entoar, como hino da nova pátria, aquele que tem letra de Evaristo Ferreira da Veiga (“Já podeis da pátria filhos / Ver contente a mãe gentil / Já raiou a liberdade / No horizonte do Brasil”). A melodia é atribuída ao próprio D. Pedro I, mas na época havia forte suspeita de que o autor verdadeiro fosse o antipatizado maestro Marcos Portugal.

Entre os músicos brasileiros, especialmente o brilhante e impetuoso Francisco Noel da Silva, discípulo do padre José Maurício, existia indisfarçada rejeição àquele hino que só os portugueses cantavam. Os sentimentos contra o Imperador chegaram ao ponto máximo no dia 07 de abril de 1831, quando ele finalmente resolveu abdicar em favor do seu filho ainda criança, o futuro D. Pedro II. Alguns dias depois, em 13 de abril, quando D. Pedro I e seus seguidores mais fiéis (inclusive Marcos Portugal) embarcaram rumo a Lisboa, diante do cais músicos brasileiros tocaram pela primeira vez a melodia de Francisco Manuel da Silva que se tornaria eterna como a do nosso Hino Nacional. Só que a letra daquele dia louvava o 07 de abril da abdicação e, em dado momento, referia-se aos portugueses como monstros.

Além dessa, insultuosa aos portugueses, a melodia de Francisco Manuel da Silva recebeu várias outras letras, adequadas a diferentes ocasiões, como a coroação de D. Pedro II (em 1841), mas eram versos pobres, pouco inspirados. Era, de todo modo, a melodia que o brasileiro solfejava, quando perguntado sobre o Hino Nacional.

Na Proclamação da República (15 de novembro de 1889), os novos dirigentes do Brasil encomendaram ao maestro Carlos Gomes um Hino Nacional que ficasse como definitivo. Admirador e amigo do Imperador deposto, que o sustentara em sua evolução musical na Itália, o grande Carlos Gomes declarou-se impedido de atender a solicitação. Os novos republicanos decidiram então promover concurso em que os candidatos criariam melodia para os versos de Medeiros e Albuquerque, publicados no Diário do Comércio do Rio de Janeiro em 26 de novembro de 1889.

Em primeiro lugar ficou a melodia do farmacêutico Ernesto Fernandes de Souza, mas a mais aplaudida foi a do maestro Leopoldo Miguez.   Presente à sessão, no Teatro Santana, presidente Deodoro da Fonseca declarou sua preferência pela melodia de Francisco Manuel da Costa, que nem entrara no concurso – mas acabou sendo oficialmente escolhida, conforme decreto lido ali mesmo pelo Ministro do Interior, Aristides Lobo. A composição de Leopoldo Migez e Medeiros e Albuquerque ficaria então como o Hino da Proclamação da República.

Faltava, de todo modo, a letra para a melodia de Francisco Manuel da Silva, como lembrou o romancista Coelho Neto em 1906, ao propor à Câmara dos Deputados a escolha de um novo poema. A proposta foi aprovada e se escolheu, em 1909, a letra do poeta, escritor e ensaísta Joaquim Osório Duque Estrada. A oficialização do casamento entre os versos de Duque Estrada com a melodia de Francisco Manuel da Silva somente ocorreria mais de dez anos depois, em 1922, no solene Centenário da Independência, por decreto assinado pelo presidente Epitácio Pessoa.

Passaram-se quase cem anos, portanto, entre a primeira execução da melodia (1831) e sua forma final como Hino Nacional (1922). Foi, sem a maior sombra de dúvidas, um caso raro de resistência ao tempo.

Fiz essa pesquisa em homenagem àqueles Companheiros Leão, Companheiras Leão, Domadoras e Leos que, eventualmente, tenham interesse em se alongar no conhecimento do nosso glorioso Hino Nacional.

 

POR QUE OLHAR PARA A BANDEIRA QUANDO SE CANTA O HINO NACIONAL?:

Vou exarar, aqui, um ponto de vista que poderá causar polêmica e, quiçá, muita pancadaria para cima de mim. Só que tenho opinião formada a respeito.

Lei é lei, respeito é respeito, protocolo é protocolo.

O Brasil possui quatro símbolos oficiais: o Brasão, o Selo, o Hino e a Bandeira.

É comum e protocolar, nos eventos leonísticos, cantar-se o Hino Nacional e a primeira estrofe e coro do Hino à Bandeira.

Quando se canta o Hino à Bandeira (estrofe e coro), é dever cívico dos presentes (participantes da mesa dirigente e da plenária) voltar-se respeitosamente para o Pavilhão Nacional, pois o canto está sendo entoado em sua homenagem.

Agora, o que não consigo entender até hoje, após dezenas e dezenas de anos de vida leonística, é porque quando se canta o Hino Nacional, em qualquer solenidade, todos se voltam para a Bandeira do Brasil. Ora, o que está se cantando é o Hino Nacional e não o Hino à Bandeira. Poderá algum contestador argumentar que isso é sinal de respeito ao Pavilhão Nacional. Assim não entendo! Uma coisa é uma coisa, outra coisa é outra coisa! Respeito é uma coisa e falta de respeito é outra coisa!

Tome-se, por exemplo, quando o Hino Nacional é executado antes de uma partida de futebol nos dias de hoje. Os jogadores, muitos sem qualquer respeito, ficam perfilados olhando para a Bandeira do Brasil. Uns não cantam, outros ficam mascando chicletes, cuspindo, olhando para os lados, saltitando para se aquecer e até mesmo coçando partes íntimas do corpo. Sem falar nos torcedores, que ficam pulando e fazendo algazarra durante todo o tempo em que o hino está sendo executado. Onde está o respeito? E não venham me dizer que futebol é cultura brasileira e diferente de uma solenidade leonística. O hino não está sendo executado? Então o respeito deve ser geral e em todos os lugares. Ademais, em campo de futebol executa-se o Hino Nacional. Então, por que olhar para a Bandeira?

No meu modesto ponto de vista o Hino Nacional não tem nada a ver com o Hino à Bandeira!

Quando se canta o Hino à Bandeira, todos devem voltar-se para o Pavilhão Nacional. Quando se canta o Hino Nacional, cada um deve se manter em posição de respeito e olhando para frente: os componentes da mesa dirigente para a plateia, e esta para a mesa dirigente.

Este é o ponto de vista deste Coordenador Geral do Distrito LC-6.

 

INDEPENDÊNCIA DO BRASIL – 07 DE SETEMBRO:

Sete de setembro é a grande data cívica da nossa Pátria. Marca o dia em que nos tornamos independentes, em que ficamos senhores do nosso destino.

Dom Pedro I, ao chegar de Santos, encontrou, nas proximidades do riacho Ipiranga, emissários do Rio de Janeiro, que lhe traziam mensagens de Lisboa prejudiciais ao Brasil, uma vez que exigiam o retorno de D. Pedro à corte portuguesa. Com as mensagens, vinham as cartas de José Bonifácio e Dona Leopoldina, além de um comentário do deputado Antonio Carlos, onde pediam a reação do príncipe para evitar que o Brasil fosse submetido ainda mais a Portugal.

Dom Pedro comoveu-se com aquele encontro. Sentiu que era chegada a hora tão esperada pelos brasileiros. E no mesmo local, a 07 de setembro de 1822, às margens daquele tranquilo riacho, com o grito imorredouro de “Independência ou Morte”, determinou o rompimento dos laços que nos prendiam aos antigos colonizadores.

A proclamação da Independência foi o ponto culminante de uma reação que há muito se manifestava através de movimentos nativistas. Os brasileiros sentiam-se diminuídos em seus direitos legítimos quano às responsabilidades de administrar o País. Já era um povo verdadeiramente constituído, com seus costumes e aspirações. Não era mais possível aceitar as imposições que vinham de Lisboa. O povo queria o Brasil para os brasileiros. E isso foi conseguido!

 

08 DE SETEMBRO – DIA NACIONAL DA ALFABETIZAÇÃO:

 

Vocês se lembram do decreto federal n.º 63.326, de 30 de setembro de 1968, que chegou instituir o 08 de setembro como “Dia Nacional da Alfabetização”? Vocês se lembram do Mobral-Movimento Brasileiro de Alfabetização? Os Companheiros e Companheiras Leão mais antigos devem se lembrar! Eram legislação e movimento que se comprometiam em erradicar o terrível analfabetismo em nosso País. De lá para cá, como estamos hoje?

A palavra escrita foi uma das relevantes invenções do ser humano. Graças a ela, podemos tomar conhecimento de fatos que de outro modo seria impossível.

Mesmo nos atuais e modernos meios de comunicação a palavra escrita é imprescindível. Os textos divulgados são escritos previamente. A palavra escrita é o maior veículo de cultura. É através dos livros e da literatura que aprendemos e formamos nossa filosofia.

Quem sabe ler e escrever muitas vezes não calculam o valor do tesouro que possui.

A escrita é uma invenção muito antiga. Porém, antes da invenção da imprensa, era reservada apenas para uma minoria. Naquela época, a maior parte das pessoas era analfabeta. Com a providência da divulgação do ensino e a industrialização dos veículos de leitura, esse índice diminuiu em todo mundo e, hoje, já há países onde não existem analfabetos.

O Brasil procurou desenvolver grande esforço no sentido de alfabetizar os que não tiveram oportunidade de frequentar escola. A criação do Mobral foi um exemplo disso. Tal movimento, infelizmente, não prosperou e foi extinto face às mazelas dos próprios órgãos públicos. A alfabetização, hoje, quando existe, principalmente para adultos, fica a cargo dos municípios. Houve o decreto acima referido. Nós, da Coordenadoria Geral do Disrito LC-6, fazemos questão de rememora-lo, pois, quer nos parecer, não foi revogado (se para muitos caducou, é outra coisa).

Com a evolução do ensino, esperamos que dentro de mais alguns anos (sabe-se lá quantos!) não haja mais analfabetos no Brasil. Um povo alfabetizado e culto tem consciência do seu direito e do direito dos outros. E esse é o elemento básico da civilidade. Alfabetizar é fazer com que os cidadãos se integrem conscientemente na estrutura social.

 

DIA DA IMPRENSA – 10 DE SETEMBRO:

A 10 de setembro de 1808 começava a circular a “Gazeta do Rio de Janeiro”, o primeiro jornal editado no Brasil. Era dirigido pelo frade Tibúrcio Rocha e publicado pela imprensa Régia, criada por D. João VI. Anteriormente a esse jornal tinha sido lançado o “Correio Brasiliense”, em junho de 1808, por Hipólito da Costa. Porém, não se considera como primeiro jornal brasileiro porque era editado na Inglaterra. Por isso, o dia 10 de setembro foi escolhido para comemoração do “Dia da Imprensa Nacional”.

O jornal é um meio importante de comunicação. Foi devido a Gutemberg, o inventor dos tipos móveis, que se tornou possível a popularização do jornal.

As artes gráficas evoluíram muito com o passar dos anos. Antigamente, as impressoras eram manuais, e exigiam um trabalho sacrificado de seus operadores. As quantidades eram bastante reduzidas e difícil a circulação em decorrência da precariedade dos maios de transporte. Os grandes jornais de hoje são impressos em maquinas super modernas e de alta velocidade, que permitem tiragens rápidas e impressionantes. Os modernos sistemas de transporte propiciam ampla e rápida circulação, levando os jornais aos mais diversificados pontos do país de forma rápida e segura.

Apesar do surgimento de novos meios de comunicação, a imprensa continua a representar um papel importante entre os povos civilizados.

 

21 DE SETEMBRO – DIA DO RÁDIO:

O aparelho de rádio, ou seja, o rádio receptor, representa grande importância no mundo das comunicações, principalmente para as populações afastadas dos grandes centros, ou seja, o interiorzão do Brasil. Embora a televisão tenha dominado o mundo, o rádio continua insubstituível em virtude da sua praticidade, preço e oportunidade, ou seja, permite ser utilizado sem exigir a atenção visual das pessoas. Isso permite que o rádio seja ouvido por motoristas, transeuntes e também durante a execução de diversos tipos de trabalho. Esses fatores concedem ao rádio um lugar de destaque como veículo de comunicação.

O transístor, inventado por Guilherme Shockley, em colaboração com Walter Brattain e John Bardeen, nos Estados Unidos, permitiu a fabricação de aparelhos reduzidos e a preços acessíveis, funcionando geralmente pilha. Para tornar possível a recepção das transmissões radiofônicas há estações difusoras, que operam através de ondas hertzianas, pesquisadas pelo físico alemão Hertz, nascido em Hamburgo em 22/02/1858 e falecido em Bonn em 01/01/1894.

A radiodifusão exige o trabalho de grande número de profissionais, que são os radialistas. É devido à participação desses profissionais que podemos ouvir notícias, representações e outras.

O rádio é um meio ideal para popularização da cultura. Há, ainda, os aparelhos que operam em frequências especiais e servem para intercomunicações, entre outros com aviões, navios, veículos policiais e radioamadoras.

DIA DA ÁRVORE – 21 DE SETEMBRO:

A árvore é o maior exemplo de magnanimidade. Derrubada, ela reverte-se em bens. Dá a generosa madeira que se transforma em inúmeros produtos para a humanidade. Mas uma árvore viva é algo inigualável. Deve-se a ela o oxigênio, o frescor da atmosfera, a tranquilidade do verde, o conforto da sombra. Nossa vida depende essencialmente do reino vegetal. Mesmo a carne que ingerimos procede, indiretamente, dos vegetais.

Entretanto, principalmente nas grandes cidades, há uma constante indiferença pelas plantas, como se elas fossem inúteis, como se pudéssemos desprezá-las. Uma árvore deve ser derrubada unicamente se não tiver outra alternativa. E sempre que isso ocorrer, uma outra árvore deverá ser plantada, mesmo que seja em outro local.

O 21 de setembro é o dia da festa da árvore. No dia seguinte tem início a primavera. É a época que mais embeleza o ano, porque há mais folhas e mais flores.

É cada vez mais necessário que entendamos a necessidade da vegetação para que possamos viver. Além disso, as árvores e todo o reino vegetal tornam a paisagem mais alegre, além de, evidentemente, possibilitar que gozemos de melhor saúde.

As crianças, principalmente, devem habituar-se a ver nas árvores e nos vegetais os seus grandes amigos. O amar às árvores e aos vegetais deve ser um dever de todos os dias.

 

22 DE SETEMBRO – INÍCIO DA PRIMAVERA E DIA DA JUVENTUDE:

No hemisfério sul a primavera principia a 22 de setembro e termina a 21 de dezembro. No hemisfério norte vai de 21 de março a 21 de junho. É a época em que a natureza se renova. É a estação das flores. Passado o sono de inverno, a terra começa novamente a revitalizar-se.

No Brasil vivemos praticamente uma eterna primavera, pois sempre há vegetais florindo. Na época da primavera, porém, sente-se muito mais acentuada essa fertilidade tropical. Em outras regiões, onde o inverno é rigoroso, a primavera oferece realmente um marcante contraste, e pode-se dizer com propriedade que lá, de fato, a terra renasce para a vida.

A primavera simboliza a juventude, a fase mais bela da existência humana. A idade em que tudo é maravilhoso, em que os sonhos se apresentam alegres como as flores. O dia 22 de setembro foi, por isso, escolhido com felicidade para ser o “Dia da Juventude”. Tema de poesias inesquecíveis a juventude é como a primavera. Não que se repete numa única vida, porém através de gerações. Graças a essa renovação, a humanidade é sempre nova. As esperanças da juventude são flores que se transformarão em frutos e em sementes.

Todas as estações são importantes como, também, todas as quadras da vida. Mas a primavera e a juventude têm uma característica inigualável: a alegria.

 

DIA DO ANCIÃO – 27 DE SETEMBRO:

“Quando chegamos ao porto da velhice, após uma rude passagem por um mar tempestuoso, há um sentimento de repouso, de triunfo e de segurança.”

Comemora-se no dia 27 de setembro, em todo território nacional, o “Dia do Ancião”. Esta homenagem é uma comemoração de reconhecimento, estima e amizade àqueles que, após atravessarem fases da vida, encontram-se na velhice, muitos, quem sabe, numa velhice tristonha, sem afeto, sem um teto acolhedor, sem amigos, sem parentes. De modo especial, para esses velhinhos que vivem como isolados, sem aparo e sem um lar, é que os Leões precisam trazer um abraço fraterno, a solidariedade humana e a amizade.

Alguém já disse e escreveu que “o por do sol é tão belo e às vezes mais glorioso do que nascer”. O leonismo, breviário dos mais altos sentimentos humanos em suas múltiplas formas de servir, dedica especial carinho à velhice, amparando-a e generosamente fazendo com que aqueles que, em seus recolhimentos envelhecem, não sintam o avançar dos anos e, ao contrário, tenham sempre alegrias no retiro da velhice, não permitindo que a felicidade seja excluída ou apagada pelo avançar dos anos, fazendo com que o por do sol seja tão belo quanto ao seu nascer.

E esta Coordenadoria Geral do Distrito LC-6, concluímos esta nossa homenagem com essas magníficas palavras já lidas em alguma parte: “Viver sem envelhecer, sentir-se ativo para tudo que representa vigor de espírito e reserva de sentimentos, e, depois, quando vier o fim, achar nas profundezas da alma a confiança dos anos decorridos e adormecer com uma firme esperança, não é, isto, uma sorte invejável?”.

LUTO OFICIAL NO DISTRITO:

Registramos, com profundo pesar, os seguintes falecimentos durante o mês de agosto:

Dia 26 – CaL Maria do Rosário Franco de Almeida, do LC de Franca-Cidade Nova

Dia 28 – CL Messias da Silva, do Lions Clube de Ituverava

Dia 30 – CaL Julieta Kfaure, do Lions Clube de Tanabi

O DG MJF Antonio Paulo Caliento, em respeito a esses infaustos acontecimentos, editou as resoluções n.ºs 13, 14 e 15-2020/2021, decretando luto oficial de 3 dias em todo território do Distrito LC-6.

CLUBES DO DISTRITO LC-6 FUNDADOS EM SETEMBRO:

Dia 07 – São José do Rio Preto

Dia 09 – Jaboticabal

Dia 17 – São Simão

Dia 18 – Batatais

Dia 19 – Mirassol

Dia 20 – Franca

CUMPRIMENTOS AOS ANIVERSARIANTES DE SETEMBRO:

Aos aniversariantes de setembro feliz aniversário! Que Jesus abençoe cada um de vocês e seja Guia de todos. Muita paz, amor, saúde, sucesso e sabedoria para tomarem as decisões certas. Saibam que sua amizade é muito importante para todos nós, e que Deus permita que essa amizade dure por muitos anos.

Um ano inteiro se passa e, quando damos conta, estamos ficando mais velhos. O mais comum e esperado é se comemorar com a família e com os amigos. Se o ano que passou foi bom, comemore todas as conquistas; se não foi muito favorável, comemore pelo próximo ano de vida que está começando.

O aniversário é mais um estágio no desenvolvimento e ocasião propícia para uma introspecção. Precisamos sempre perguntar a nós mesmos qual a distância dos atos que praticamos ou daqueles que ainda podemos praticar e adicionar.

Fazer aniversário é olhar para trás com gratidão e para frente com fé! A todos vocês, aniversariantes de setembro, e que mencionamos abaixo, os cumprimentos e o carinho do Governador Caliento e toda sua equipe.

 

Dia  NOME CLUBE
1/9 DANIEL JOSE PINTO RIBEIRAO PRETO CAMPOS ELISEOS
1/9 IMAR DARME CATANDUVA
1/9 JOÃO CARLOS CAVASSANI AURIFLAMA
1/9 MARILIA MARCHINI SILVA OLIMPIA ENERGIA
1/9 MICHELI FERRAZ FEDOZZI POTIRENDABA
1/9 VALERIA VEDOVELLI F DE MATOS JABOTICABAL
2/9 CLAUDIA M. M. ARIOLI SPINELLI TAQUARITINGA
2/9 FATIMA REGINA G CAVICHIOLLI MATAO
2/9 JOSE FRANCISCO BREVIGLIERI VOTUPORANGA
2/9 LAZARO LAERCIO PINTO TAVARES MIRASSOL
2/9 LUANA EVANGELISTA CHIARELLI FERNANDOPOLIS
2/9 MARIA ELENA Z FERREIRA JABOTICABAL
2/9 MARISA SCARDUELLI ASSELLI JABOTICABAL
2/9 REGINA APARECIDA FONTANELLI TAQUARITINGA
3/9 CELIA TERESINHA BORGES TOSTI BATATAIS
3/9 DONIZETE APARECIDO MORELLI MONTE ALTO
3/9 FLÁVIO JOSÉ RUFINO PEREIRA SAO JOSE DO RIO PRETO
3/9 GUSTAVO DE SOUZA BALDAN ITUVERAVA
3/9 MAIRA CRISTINA DOS ANJOS VOTUPORANGA
3/9 MARCONDES APARECIDO TOTTI PONTAL
3/9 RENATO ANDRE DOS SANTOS SERTAOZINHO CENTENARIO
3/9 VALERIA GEREMIAS OLIVEIRA SAO JOAQUIM DA BARRA
4/9 AGUINALDO ARANTES MARTINS VOTUPORANGA BRISAS SUAVES
4/9 ALICE B DE SOUZA T SANTIAGO PALMEIRA D'OESTE
4/9 APARECIDO FIORAVANTI TODESCO JABOTICABAL
4/9 CLEUSA M B DE FREITAS MIGUELOPOLIS
4/9 JOSÉ APARECIDO PEREIRA SAO JOSE DO RIO PRETO SUL
4/9 VERA LUCIA ROSSI REAL JABOTICABAL
5/9 ANTONIO CLARET UEHARA PEDREGULHO USINA DE ESTREITO
5/9 JACIARA DA SILVA FERNANDES GUAIRA
5/9 JOAO CARLOS BARBIN ORLANDIA
5/9 NABOR SARAVALLI JUNIOR NEVES PAULISTA
5/9 SOLANGE ALVES PEREIRA TAQUARITINGA
6/9 DIRCE CAMAROTO MONTEIRO DUMONT
6/9 GLORIA MARIA CHIUMARELLI BOLONHEZE PALMEIRA D'OESTE
6/9 JULIANA CRISTINA PERES NERY MATAO
6/9 OTAVIO HENRIQUE ORTUNHO WEDEKIN AURIFLAMA
7/9 EVANGELINA MOURA DE OLIVEIRA BRANCO RIBEIRAO PRETO JARDIM PAULISTA
7/9 INACIA MARIA DA SILVA MACHADO OUROESTE
7/9 JANETE H MARQUES BASTOS SERTAOZINHO
7/9 JUNIO MOREIRA MARINHO PONTAL
7/9 MARCO ANTONIO PEREIRA GUAIRA
8/9 GEOVANA RAMOS GUILHERME DA COSTA VOTUPORANGA GRANDES LAGOS
8/9 JOSE DUTRA ITUVERAVA
8/9 MARIA CONCEICAO PULHEIS AFFONSO FRANCA SOBRAL
8/9 OSVALDO BATISTA ROSA POLONI
8/9 SEANDRO DUARTE ESTEVE ITUVERAVA
8/9 SELMMA SILVA ITUVERAVA
8/9 SONIA APARECIDA NAGEN GALETTI OLIMPIA ENERGIA
8/9 THAIS DOS SANTOS GUIMARAES BATATAIS
9/9 LINA NORONHA LEMOS PASSOS
9/9 PAULO HENRIQUE DESTITO PELLIZZON ORLANDIA
10/9 ELIANA CRISTINA GALBIATTI DE MELLO MATAO
10/9 LUANA CRISTINA MODESTO PEDRO PONTAL
10/9 MURILO ESTEVES DA SILVA OLIMPIA
11/9 CLAUDIO FRANCISCO ORLANDO MATAO
11/9 CLAUDIO KUBO MONTE AZUL PAULISTA
11/9 DALMA CRISTINA GOUVEIA PINCER GUARIBA
11/9 EDISON LUIZ VICENTE BRODOWSKI
11/9 GERALDO CANDIDO DA SILVA JUNIOR OUROESTE
11/9 MARTINHO RAMALHO MATTA JR VOTUPORANGA GRANDES LAGOS
11/9 OLGA ISABEL MORALI BEZERRA MONTE AZUL PAULISTA
12/9 EDISOM MACHADO DE SOUZA MIRASSOL
12/9 RODRIGO DA SILVA VOTUPORANGA
12/9 RUBENS PEREZ FRANCA
12/9 VILMA MARIA ROBERTO DA SILVA JALES
13/9 APARECIDO PAZIAN FERNANDOPOLIS
13/9 MARIA APARECIDA ROMANINI DOS SANTOS CRAVINHOS
13/9 MARIZA SANCHES CHIARATTI CRAVINHOS
13/9 NANCI M MARCON JABOTICABAL
14/9 ALINE SOUSA PEREIRA MARTUCCI JABOTICABAL
14/9 ANDREA CRISTINA DA SILVA VOTUPORANGA
14/9 DEJAIR JOSÉ ROSA PONTAL
14/9 JORGE CARLOS OTAVIO SAO JOAQUIM DA BARRA
15/9 DENISE AP BENINE FREITAS ORLANDIA
15/9 HELVETIA VILMA M PESSOA CRAVINHOS
15/9 MARGARIDA DOMINGUES PITON OLIMPIA
15/9 MARIA ELENA LONCARCI BREVIGLIERI VOTUPORANGA
15/9 MARIA HELENA PACIFICO LOUZADA GUARIBA
15/9 MARY CORREA LEITE GUARIBA
15/9 RENATO AUGUSTO NUNES SAO JOSE DO RIO PRETO SUL
16/9 ANA LUCIA GEREMIAS ALVES FILHO SAO JOAQUIM DA BARRA
16/9 ARTHUR EDUARDO POLACHINI JABOTICABAL
16/9 CREUZA MARIA LONGO PêGOLO JALES
16/9 ELAINE LUCAS JABOTICABAL
17/9 AILTON ROCHA SILLOS SÃO SEBASTIÃO DO PARAISO
17/9 LUCILENE CARVALHO SILVA ALBERTONI VOTUPORANGA BRISAS SUAVES
17/9 LUÍS CARLOS GIROTTO DE ALMEIDA TAQUARITINGA
17/9 MARCELO OTTONI AMARAL JABOTICABAL
17/9 NELMA DE O ALMEIDA PRADO FRANCA INOVACAO
17/9 REGINA DONIZETE GALDINO SÃO SEBASTIÃO DO PARAISO
17/9 SONIA MODOLO ARNONI ORLANDIA
17/9 VLADIMIR COLLI DE SOUZA PASSOS
18/9 ALINE APARECIDA DA CRUZ VOTUPORANGA
18/9 DARCY CARRAMONA SAO JOSE DO RIO PRETO
18/9 MARIA BERNADETE OSORIO PALIN MONTE AZUL PAULISTA
18/9 WILIAM PIRES DA SILVA GUAIRA
19/9 ANTONIO BOSCO CICOTE PALMEIRA D'OESTE
19/9 JULIANO PEREIRA GUARIBA
19/9 LUVERCI TOZZI DUMONT
19/9 MARILUCI CABRAL RICOLDI CRAVINHOS
19/9 PAULO CESAR GUERCHE VOTUPORANGA BRISAS SUAVES
19/9 SILMARA BUCHDID AMARANTE TANABI
19/9 TARCICIO CANDIDO DE AGUIAR OLIMPIA ENERGIA
20/9 ALAN GRUPIONI LOURENÇO CRAVINHOS
20/9 CARLOS ALBERTO DAMIÃO PONTAL
20/9 JUSSARA SUELI SANDRIM LONGATO FERNANDOPOLIS CIDADE PROGRESSO
20/9 LARISSA BARBOSA COLANI ITUVERAVA
20/9 MAURA GRILLO MONTE ALTO
20/9 NELMA APARECIDA FOCHI POLONI
20/9 VERA LUCIA MANIEZZO CATANDUVA
21/9 CLAUDIA TEIXEIRA FULGUEIRAL SAO JOAQUIM DA BARRA
21/9 FRANCISCA CANHADA FARES NEVES PAULISTA
21/9 MARIA JOSé FACCIN PALMEIRA D'OESTE
21/9 RITA DE CASSIA LEAL PIANTA MONTE AZUL PAULISTA
22/9 ELIANE DOS SANTOS AURIFLAMA
22/9 JULIA MARGARIDA PRESOTO PEREIRA FRANCA
23/9 ALDO JORGE GOBE IGARAPAVA
23/9 CARLOS EDUARDO MARQUES CHIARELLI FERNANDOPOLIS
23/9 DIVA MA MACIEL SILVA SERTAOZINHO
23/9 FRANCISCO FEITOSA BANTIM RIBEIRAO PRETO CAMPOS ELISEOS
23/9 JOSUE DONIZETE DA SILVA VOTUPORANGA ABILIO CALILLE
23/9 MARIA DA PENHA DORNELAS OLIMPIA
24/9 DALILA MIRHBI CRUVINEL SÃO SEBASTIÃO DO PARAISO
24/9 GIEDRI MOTA POTIRENDABA
24/9 HELOISA DE MARCO NUNES DA SILVA TAQUARITINGA
24/9 MARIA DE LOURDES RODRIGUES PITON OLIMPIA ENERGIA
24/9 NORIVAL RIBEIRO ITUVERAVA
25/9 ALFREDO FADEL DE ALMEIDA ITUVERAVA
25/9 CLOVIS DE SOUZA FREIRI NETO NHANDEARA ALIANCA
25/9 NELY ODETE DE OLIVEIRA VOTUPORANGA GRANDES LAGOS
26/9 MARIA DE LOURDES PERRONI CORTEZ TAQUARITINGA
26/9 MARIA FERREIRA BRIGIDIO MENOIA VOTUPORANGA
26/9 PATRÍCIA PLAZZA BOSCAINI MANFRIM NEVES PAULISTA
26/9 RICELLO FABIANO LUDOVINO GUARIBA
27/9 APARECIDA NAKASHIMA GUARIBA
27/9 BERENICE M DE OLIVEIRA ROCHA FRANCA
27/9 EDIVANDO FERRARI COSTA OUROESTE
27/9 JOSÉ LINO TASCA AURIFLAMA
27/9 MARCIA CRISTINA ISHIKAVA CATANDUVA
27/9 MARIA ANDRESSA ZENARDI AGOSTINI NHANDEARA ALIANCA
27/9 MARIA MARTA MODENESI PEDROSA MATAO
27/9 ROSANGELA MANELICHI OLIVEIRA REBECH TAQUARITINGA
27/9 TERCILIO GABRIEL PINELLI JABOTICABAL
28/9 DORATI MARIA FERREIRA LIMA VOTUPORANGA
28/9 MARIA APARECIDA E DO VAL FRANCA
29/9 ALESSANDRA SILVESTRIN DA SILVA FERNANDOPOLIS CIDADE PROGRESSO
29/9 ANTONIO ALVES ANDRADE MIRASSOL
30/9 EMERSON BELLOTTI MATAO
30/9 KATIA MIRIAM MELO SILVEIRA FRANCA INOVACAO
30/9 MARCUS VINICIUS RODRIGUES DE SOUZA SÃO SEBASTIÃO DO PARAISO
30/9 NILCEA FERREIRA DA COSTA TREVISAN MIRASSOL
30/9 RODRIGO CEZAR DOMINGOS SÃO SEBASTIÃO DO PARAISO

Observações do Coordenador Geral do Distrito: 1) pode ser que algum novo associado tenha sido admitido até o mês de agosto, não havendo tempo hábil para fazer a comunicação; 2) os dados foram reportados pelos próprios Clubes; se houver alguma divergência, favor comunicar ao Assessor do Banco de Dados para ser corrigido.

 

CORREÇÕES NA NOMINATA 2020/2021 DO DISTRITO LC-6:

Apesar do cuidado do DG Antonio Paulo Caliento na coordenação e montagem da Nominata 2020/2021. Sempre existem alguns dados para retiricação, e que relacionamos abaixo:

Página          Onde consta                                  Deve ser considerado:

27                PDG Viotto – 99969-2954                PDG Viotto – 99969-2054   

32                 CaL Luciene Rodrigues Araújo           Cal Luciene Rodrigues Araújo Hyppólito

33                 PDG Ézio – sem e-mail                    PDG Ézio – e-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

47                 O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.                       O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

73                 O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.                     O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

75                 O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.                          O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

88                 O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.              desconsiderar

90                 O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.             desconsiderar

93                 O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.          O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. (S maiúsculo)

128                 O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.                 O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

Observação: o boneco da Nominata 2020/2021 foi enviado à gráfica, para composição e impressão, muito antes da edição da nossa “Carta Mensal de Agosto”. Dessa forma, devem ser desconsideradas as siglas designativas dos dirigentes leonísticos mencionados na Nominata, e consideradas aquelas divulgadas pela carta mensal do mês anterior.

Esta Coordenadoria permanece à disposição para algum outro registro que se fizer necessário.

RESPOSTAS PARA QUAL O SEU QI EM LEONISMO:

  1. Janeiro
  2. Falso.  São voluntários e não recebem qualquer compensação monetária.
  3. 1919. Durante a III Convenção Internacional, realizada em Chicago.
  4. Igualdade – Nacionalismo.
  5. “Nós Servimos” – 1945.

PARA FINALIZAR:

Um antigo e estimado Companheiro Leão, daqueles que tenho no rol das minhas mais gratas amizades (permito-me não revelar o nome por questão de foro íntimo), me mandou um e-mail fazendo referência à “Carta Mensal de Agosto”. Afirmou ele, candidamente, “que gostou muito da carta, e também da de julho, mas considerava que elas estavam longas demais e que dava muito trabalho para ler”. Fiquei pasmo. Preparei a resposta mas deletei não enviei até hoje, porque poderia magoá-lo. Não me lembro exatamente dos termos da resposta que havia preparado, só recordo de um trecho final, onde eu pretendia lhe dizer: “Velho amigo e Companheiro de longas jornadas: se dá trabalho para ler, você já imaginou prepara-la e editá-la”.

Um fraterno abraço leonístico a todos e até o próximo mês, se Deus assim o permitir.

                                                                  

PDG MJF ANTONIO DOMINGOS ANDRIANI

Coordenador Geral do Distrito LC-6

                

 

 

 

 

 

 

 

Cc:

Ex-Governadores do Distrito LC-6

1.º e 2.º Vice-Governadores do Distrito LC-6

Presidentes de Região e Divisão do Distrito LC-6

Assessores e Assistentes Distritais do LC-6

Outros CCLL, CCaLL e DDMM interessados

 

 

 

CARTA MENSAL DE AGOSTO da

Coordenadoria Geral do Distrito LC-6

Ribeirão Preto, 01 de agosto de 2020

 

Destinatários: PRESIDENTES DE CLUBES DO DISTRITO LC-6

 

MENSAGEM DO GOVERNADOR:

É evidente que gostaria que nossa 1.ª Reunião do Comitê do Gabinete Distrital tivesse sido presencial, para que pudéssemos nos abraçar e matarmos um pouco da saudade que toma conta de nós. Saudade que nossas presenças ao vivo já estão fazendo muita falta.

Infelizmente, diante da pandemia que está assolando o mundo, foi preciso que a realizássemos em caráter virtual. É a arma que temos em mãos no momento, através da tecnologia, para dar sequência às nossas atividades no Distrito LC-6.

Quero fazer a apresentação do “PIN” da Governadoria deste ano leonístico 2020/2021, que em breve vocês terão em mãos, assim como a Nominata do Distrito. O “PIN” deste ano leonístico tem como slogan “Companheirismo com Simplicidade”. Os que me conheceram como Governador em 2004/2005 talvez se lembrem que o slogan era “Simplicidade e Companheirismo”. É isso mesmo, no Lions somos Companheiros e Companheiras e é através do “Companheirismo com Simplicidade” que deveremos entender, que será sempre melhor servirmos com carinho e humildade para nos fazer entender como pessoas e seres humanos do bem. A vaidade e a arrogância não devem fazer parte de um Companheiro ou Companheira simples como somos dentro e fora do leonismo. No “PIN” existem dois Leões deitados e o logotipo do Lions. Duas mãos amparando esses Leões e o logotipo. São as mãos que rogamos a Deus para que nos ampare a todos e a todas nessa caminhada que estamos e estaremos enfrentando diante da Covid-19. Um modo de nos colocarmos diante de Deus, pedindo suas bênçãos. Esse é o pin que nos acompanhará nessa caminhada. E que assim seja!

Preciso e quero contar com a participação de todos.

Vou me dirigir diretamente aos nossos Ex-Governadores. A importância dos nossos PDGs tem relacionamento direto com a vida doo nosso movimento. Não desejo apenas me orgulhar dos nossos Ex-Governadores. Quero que eles participem diretamente da administração deste ano leonístico. Quero, sobretudo, usufruir do conhecimento e da experiência que armazenaram, do desejo ardente que, tenho certeza, eles têm em ver o leonismo brilhar cada vez mais no firmamento deste mundo conturbado de hoje. Creiam, meus caríssimos PDGs, que não terei qualquer acanhamento em convocá-los para que caminhem comigo na administração do Distrito LC-6.

Aos membros do Gabinete. Acredito que tenha sido feliz na escolha dos Companheiros Leão e Companheiras Leão que compõem a equipe. Foram todos convidados pelas qualidades e competências inegáveis. Temos muito a realizar e preciso da colaboração de todos. A atuação de cada um vai ser de fundamental importância para atingirmos o objetivo comum. Todos têm meu irrestrito apoio na condução dos importantes cargos.

Aos Presidentes de Região e Divisão. Vocês terão importância decisiva para que o Distrito possa cumprir as metas que serão estabelecidas, especialmente no que concerne à fiscalização administrativa junto aos Clubes das respectivas áreas. Vocês serão imprescindíveis para alavancar os objetivos previstos pela Equipe de Ação Global (GMT, GLT, GST e LCIF).

Aos Presidentes e às Presidentes de Clubes. Desnecessário enfatizar que vocês constituem a mola mestra que impulsiona o movimento leonístico. Vocês já sabem, como ninguém, tudo aquilo que nosso Distrito e a Associação Internacional de Lions Clubes quer e o que deseja de cada um. Façam do “Manual do Presidente” a sua bíblia de cabeceira. Vocês são os novos líderes dos seus Clubes e indispensáveis à nossa causa;

Quero que cada membro do Colegiado se transforme em uma nova e verdadeira liderança. E que cada nova liderança reflita e tire proveito das situações de aprendizagem que ocorre espontaneamente. Cada nova liderança deve desafiar ideias , estruturas, suposições e opiniões.   Todos vocês, como novas lideranças, devem usar o poder da mente, a força de vontade e a convicção pessoal. Estou contando com vocês.

Abraços do Amigo,

DG MJF Antonio Paulo Caliento, Governador do Distrito

 

CARTA ABERTA:

Quero começar este pedido de forma bem atualizada para os dias de hoje, onde a grande maioria de todos nós está voltando suas cabeças e pensamentos para a atual tecnologia avançada, não percebendo que não é apenas de tecnologia que vivemos dentro do nosso movimento leonístico.

Nos últimos tempos, dentro do Lions, só temos ouvido falar em videoconferências, em palestras e reuniões on-line (que são as coqueluches do momento) e um mundo de outras expressões que nos tem levado a uma verdadeira loucura todos os dias, principalmente depois do surgimento da pandemia da Covid-19.

Vamos entender, primeiramente, que a faixa etária dos Companheiros e Companheiras que compõem o corpo associativo dos Clubes ultrapassa os 60 anos. Muitos deles ainda não se adaptaram a essa onda tecnológica e ficam na dependência de uma comunicação mais direta.

Estamos esquecendo do trabalho junto aos Clubes do Distrito que necessitam da nossa ajuda! Estamos esquecendo demais dos nossos Companheiros e Companheiras, que sempre deram tudo de si no seu trabalho junto aos Clubes, e que hoje necessitam do nosso apoio; muitos sentem-se intimidados e não procuram ajuda para desenvolvimento do seu trabalho no serviço desinteressado.

Lions Internacional, através dos seus Diretores, sempre teve como metas a evasão e o aumento de associados e o não fechamento de Clubes. Hoje parece que estão dando outro sentido ao andamento das nossas obrigações, embora vindo ao encontro das metas sugeridas por eles.

A tecnologia é importante? Claro que sim! É por demais importante! Mas Clubes, os Companheiros e Companheiras são mais importantes ainda. Não adianta termos tecnologia se não tivermos Clubes e um quadro associativo condizente! Depois, administrar para quem? Para outros Distritos? Vamos cuidar um pouco mais do nosso Distrito LC-6! Vamos cuidar da casa enquanto ainda temos os alicerces!

Por isso peço a vocês Ex-Governadores, Presidentes de Região e Divisão, Presidentes de Clubes: vejam em suas Regiões e Divisões os Clubes que estão atravessando fase difícil dentro do leonismo! Eles precisam de nós! Vamos nos oferecer para fazer esse trabalho! O Governador está precisando de vocês no Distrito e esta é uma grande oportunidade de nos organizarmos e dar nosso apoio aos Clubes e associados que necessitam da nossa ajuda.

Depois da perda de associados e fechamento de Clubes não vai adiantar nada ficar lamentando.

Falamos muito e mostramos que entendemos de tecnologia. Isso é ótimo e é por aí mesmo! Só que precisamos, também, administrar o que temos em mãos para que os futuros Governadores tenham o que administrar.

Abraços a todos.

            DG MJF Antonio Paulo Caliento, Governador do Distrito

 

EDITORIAL:

Qualquer que seja a direção da trajetória da nossa vida, para obter o que procuramos é preciso haver um sentido de liderança, pois, sem esse sentimento, ninguém obterá essa coisa tão procurada e tão ambiciosamente chamada êxito.

E êxito somente conseguiremos se lutarmos com fé, dedicação, amor, zelo, abnegação e muito desprendimento.

Leonismo encerra em seu bojo a magnitude que toda nossa imaginação possa alcançar. É uma filosofia de trabalho, comportamento, perseverança, sentimento, consideração, relacionamento, eficiência, reciprocidade, amizade, bem-estar, busca e compreensão.

Poderíamos passar horas adjetivando o sentido da palavra leonismo, mas poderemos simplifica-la e resumi-la numa só: AMOR.

Temos um Código de Ética e também os nossos Propósitos. Se pararmos um pouco e refletirmos sobre suas indeléveis e incomensuráveis mensagens, com certeza encontraremos nelas uma rega de conduta, de bem-viver e de bem-proceder.

O leonismo não é privilégio dos portentosos, intelectuais, médicos, advogados, professores, técnicos, industriais, comerciantes, políticos, religiosos, nem tampouco dos que dispõem de tempo. Com apenas duas palavras podemos formular o ingrediente necessário para fazer leonismo: BOA VONTADE.

Sabemos que o sucesso de cada Lions Clube depende dos seus Companheiros Leão, Companheiras Leão e Domadoras. O segredo está em descobrir a fonte preciosa das ideias de êxito, para que fecunde e desabroche o potencial humano que existe em cada um de nós.

As coisas mais importantes da vida não encontramos na opulência do poder e muito menos da riqueza. Nós vamos encontra-las na simplicidade da natureza. Aí sim, descobre-se a inspiração que nos motiva a conseguir aquilo que desejamos, atingindo a verdadeira finalidade da vida.

E o leonismo nos ensina a desenvolver as possibilidades ilimitadas que existem em cada um de nós, para emergirmos, elevando o sentido maior dos nossos objetivos e dando o melhor de nós pelo serviço desinteressado. O importante é pensar e agir. Da ideia à ação, sem temer o erro. Nós somos os semeadores e as sementes. Colhemos aquilo que plantamos. Nunca devemos deixar de agir por medo de errar. Todo mundo erra, e somente não erra quem nada faz ou quem nada diz. O importante é saber usar o bom-senso para tirar proveito dos erros.

Não é o tempo que faz alguém ser maior ou saber mais do que o outro, mas, sim, a atenção nas experiências acumuladas.

A ideia de Melvin Jones, depois que assumiu o controle da Associação Internacional, não foi fazer do leonismo uma sociedade para nos sentirmos importantes com a força do seu prestígio, mas fazer do nosso movimento uma força de prestígio calcada no seu patrimônio humano.

É a nossa parcela de trabalho, muitas vezes anônima, nossa inteligência, nossa disposição, nossa responsabilidade, nosso conceito e uma série de outros atributos que, somados, fazem o prestígio do leonismo.

Estamos nos permitindo trazer para vocês, aqui, um pouco do devaneio mental que nos habituamos pela prática da participação, que nos condiciona a amar cada vez mais esse movimento maravilhoso, e que nos oferece a oportunidade maravilhosa de dirigir esta modesta mensagem.

Alguém já afirmou que “amar é investir nossa felicidade na felicidade de outro”.   Nós estamos investindo! E tudo isso dentro do sentimento de liderança que deve envolver o movimento leonístico.

           

            PDG MJF Antonio Domingos Andriani, Coordenador Geral do Distrito

 

CUMPRIMENTOS AOS ANIVERSARIANTES DE AGOSTO:

O DG Caliento está solicitando um encarecimento especial aos prezados Companheiros Leão e às dulcíssimas Companheiras Leão Presidentes de Clubes: que transmitam uma mensagem especial dele e da sua equipe aos aniversariantes de agosto pertencentes ao quadro associativo dos respectivos Clubes.

Aos aniversariantes de agosto, feliz aniversário! Que Deus abençoe cada um de vocês e seja Guia de todos. Muita paz, amor, saúde, sucesso e sabedoria para tomarem as decisões certas. Saibam que sua amizade é muito importante para todos nós, e que Deus permita que essa amizade dure por muitos anos.

Um ano inteiro se passa e, quando damos conta, estamos ficando mais velhos. O mais comum e esperado é se comemorar com a família e com os amigos. Se o ano que passou foi com, comemore todas as conquistas; se foi ruim, comemore pelo próximo ano na vida que está começando.

O aniversário é mais um estágio no desenvolvimento e ocasião propícia para uma introspecção. Precisamos sempre perguntar a nós mesmos qual a distância dos atos praticamos ou daqueles que ainda podemos praticar e adicionar.

Fazer aniversário é olhar para trás com gratidão e para frente com fé! A todos vocês, aniversariantes de agosto, os cumprimentos e o carinho do DG Caliento e sua equipe.

 

1.ª REUNIÃO DO COMITÊ DO GABINETE DISTRITAL:

 

Foi realizada no último domingo, dia 26 de julho de 2020, a partir das 09:30 horas, observando a convocação expedida em 01/07/3030 pela Secretaria da Governadoria.

A reunião, de acordo com as determinações das autoridades sanitárias e governamentais, em virtude da pandemia da Covid-19, foi realizada em caráter virtual, de acordo com a ordem do dia especificada na convocação, e foi desenvolvida com a observância de algums blocos específicos.

No primeiro bloco, depois da formação da mesa dirigente e da abertura protocolar, o DG Caliento: a) saudou os participantes e destacou a razão pela qual nosso encontro estava sendo realizado em caráter virtual; b) fez a apresentação do “PIN” da Governadoria para este ano leonístico; c) confirmou a posse dos membros do Comitê e da sua assessoria, cujos nomes foram relacionados na Resolução n.º 01-2020/2021, de 01/07/220; d) colocou em discussão e votação os nomes dos membros que indicou para compor Conselho de Ética, sendo a mesma aprovada; e) submeteu à apreciação o seu planejamento financeiro e orçamento para o ano leonístico, que foi aprovado pelos membros deliberativos do Comitê.

O segundo bloco ficou sob a responsabilidade do IPDG Gustavo José Gil de Almeida, que: a) fez um agradecimento especial a todos que participaram e colaboraram em sua gestão; b) apresentou a ata da 4.ª reunião do seu ano leonístico, que foi aprovada; c) apresentou, através da CaL Carolina Machado de Almeida, Tesoureira do Distrito, a prestação de contas relativas da gestão 2019/2020, que foram aprovadas: d) informou ao Distrito, através dos seus Assessores envolvidos, o resultado dos concursos realizados durante sua gestão; e) fez um pormenorizado apanhado à frente do LC-6 durante seu ano leonístico.

No terceiro bloco o comando da reunião retornou ao DG Caliento, que: a) abordou sua expectativa com relação ao que espera da equipe que nomeou para o presente ano leonístico, dirigindo-se diretamente aos Ex-Governadores do Distrito, aos membros do Gabinete, aos Presidentes de Região e Divisão e aos Presidentes de Clubes, enfatizando o que espera de cada um deles; b) falou sobre suas metas básicas para este ano leonístico, dando um destaque especial quanto aos subsídios para LCIF; c) comentou sobre a realização das futuras reuniões administrativas e visitas presencial aos Clubes do Distrito, cujo agendamento, por hora, está mantido; d) disse da sua esperança em realizar, em conjunto com sua equipe, e apesar da epidemia da Covid-19 que estamos atravessando, um ano leonístico com realizações condizentes com a grandeza do nosso LC-6.

No último bloco, o DG Caliento abriu a palavra aos 1.º e 2.º Vices-Governadores do Distrito, a um representante de cada segmento da sua equipe, ao CC PMJF Eduardo Jacob (Presidente do Conselho de Governadores do DMLV), ao ID PMJF Marciano Silvestre da Silva (Diretor Internacional da Área III), e encerrou a reunião observando os procedimentos protocolares.

Este é um esboço resumido do que ocorreu durante a 1.ª reunião do Comitê do Gabinete Distrital realizada em 26/07/2020. A especificação integral de todo evento será explicitada na ata da reunião, que está sendo preparada pela Secretaria da Governadoria e será divulgada aos interessados nos próximos dias.

 

CANCELADO O 30.º ENCONTRO DAS DDMM E CCaLL:

 

As Domadoras e Companheiras Leão de São Joaquim da Barra estavam aguardando com entusiasmo o dia 26 de setembro de 2020. Nesta data elas iriam receber as equipes femininas da Região para comemorar o “30.º Encontro das Domadoras e Companheiras Leão”. A data estava agendada deste o ano passado.

O evento exige muito tempo para planejamento e preparativos.

Contrariando tudo e a todos, o Brasil foi tomado pela terrível pandemia da Covid-19, alterando drasticamente os planos para realização de qualquer atividade. E o amanhã, infelizmente, ainda está incerto e não sabido.

Diante dessa lamentável realidade, as dulcíssimas Domadoras e Companheiras Leão de São Joaquim da Barra se viram forçadas a cancelar o tradicional evento, que elas estão lamentando profundamente. Mais cedo ou mais tarde a situação tende voltar à normalidade. E elas certamente, com entusiasmo e tenacidade, continuarão abraçando o evento e irão se preparar para receber a equipe feminina da Região no mês de setembro de 2021.

 

SIGLAS LEONÍSTICAS:

Como acontece em todos os segmentos das atividades leonísticas, a questão da aplicação das siglas oficiais, vira e mexe, acaba ocasionando discussões que apenas servem para deslustrar nosso movimento. É um assunto que precisa ser padronizado e acatado por todos. Por isso, para sanar dúvidas eventuais, estamos, abaixo, dando destaque às siglas leonísticas que existem em nosso movimento, partindo daquilo que é sugerido pela internacionalização estabelecida pela Associação. Ressaltamos, como sempre, que esta Coordenadoria não é dona da verdade, estando sujeita, portanto, a considerações divergentes.

SIGLA              Tradução/significado

AA Título internacional: sem definição

No Brasil: Acompanhante Adulto

Castor Título internacional: sem definição

No Brasil: Companheiro(a) Castor

Castores Título internacional: sem definição

No Brasil: Companheiros(as) Castor

CLEO Título internacional: Leo

No Brasil: Companheiro(a) Leo

CCLEO Título internacional: Leo

No Brasil: Companheiros(a) Leo

DM Título internacional: Spouse

No Brasil: Domadora

DDMM Título internacional: Spouse(s)

No Brasil: Domadoras

CL Título internacional: Lion

No Brasil: Companheiro Leão

CCLL Título internacional: Lion(s)

No Brasil: Companheiros Leão

CaL Título internacional: Lion

No Brasil: Companheira Leão

CCaLL Título internacional: Lion(s)

No Brasil: Companheiras Leão

Cj Título internacional: sem definição

No Brasil: Cônjuge

CC Título internacional: Council Chairperson

No Brasil: Presidente do Conselho de Governadores

PCC Título internacional: Past Council Chairperson

No Brasil: Ex-Presidente do Conselho de Governadores

1VCC Título internacional: 1st Vice-Council Chairperson.. 

No Brasil: 1.º Vice-Presidente do Conselho de Governadores

2VCC Título Internacional: 2st Vice-Council Chairperson

No Brasil: 2.º Vice-Presidente do Conselho de Governadores

DG Título internacional: District Governor

No Brasil: Governador do Distrito

PDG Título internacional: Past District Governor

No Brasil: Ex-Governador do Distrito

1VGD Título internacional: 1st Vice-District Governor

No Brasil: 1.º Vice-Governador do Distrito

2VGD Título internacional: 2nd Vice-District Governor

No Brasil: 2.º Vice-Governador do Distrito

3VGD Título internacional: 3nd Vice-District Governor

No Brasil: 3.º Vice-Governador do Distrito

EGD Título internacional: Elected District Governor

No Brasil: Governador do Distrito Eleito (raramente usada)

IPDG Título internacional: Immediate Past District Governor

No Brasil: Ex-Governador do Distrito Imediato

ID Título internacional: International Director

No Brasil: Diretor Internacional

PID Título internacional: Past International Director

No Brasil: Ex-Diretor Internacional

1VP Título internacional: 1st International Vice-President

No Brasil: 1.º Vice-Presidente Internacional

2VP Título internacional: 2nd International Vice-President

No Brasil: 2.º Vice-Presidente Internacional

3VP Título internacional: 3nd International Vice-President

No Brasil: 3.º Vice-Presidente Internacional

IP Título internacional: International President

No Brasil: Presidente Internacional

PIP Título internacional: Past Internationall President

No Brasil: Ex-Presidente Internacional

IPIP Título internacional: Immediate Past International President

No Brasil: Ex-Presidente Internacional Imediato

MJF Título internacional: Melvin Jones Fellow

No Brasil: Companheiro(a) de Melvin Jones

PMJF Título Internacional: Progressive Melvin Jones Fellow

No Brasil: Companhero(a) de Melvin Jones Progressivo

     

Observações do Coordenador:

1) A sigla maior sempre se sobrepõe à menor, devendo aquela prevalecer sobre esta;

2) A expressão inglesa “Fellow” significa “Companheiro”);

3) Muitos anotam “CL PDG Fulano de tal”. Se ele é Ex-Governador, é evidentemente um Companheiro Leão. Portanto, escrevam PDG Fulano de Tal;

4) Outros ainda grafam CL PDG MJ Beltrano de tal. Todo Ex-Governador normalmente é Companheiro de Melvin Jones. Então escrevam tão somente PDG MJF Beltrano de tal, ou PDG PMJF Beltrano de tal se ele for progressivo);

5) Muitos usam a sigla CLMJ para indicar que o Leão é Companheiro de Melvin Jones. Está incorreto. A sigla “CLMJ” não existe mais, pois ela significa “Companheiro Leão Melvin Jones”. Era a tratativa que se dava a Melvin Jones. Ele era apenas um e morreu em 1961;

6) Outros escrevem CL MJF para designar um Companheiro. Na tradução literal isso significa “Companheiro Leão Companheiro de Melvin Jones”. É uma repetição inadequada e não está correta. Use MJF Sicrano de tal. Ainda é pouco usual entre nós, mas em nosso modo de ver é a correta e serve tanto para Companheiro Leão como para Companheira Leão (precisamos nos adaptar aos poucos).

Esses são apenas alguns exemplos.

Para registro, exemplificamos abaixo algumas situações atuais e reais da aplicação das siglas leonísticas:

IP PMJF Dr. Jung-Yul Choi

PIP PMJF Gudrun Yngvadottit

ID PMJF Marciano Silvestre da Silva

PID PMJF Zander Campos da Silva

CC PMJF Edu Jacob

PCC PMJF Antonio Carlos Bittar

1VCC PMJF José Gomes Duba das Chagas

DG MJF Antonio Paulo Caliento

IPDG MJF Gustavo José Gil da Almeida

PDG PMJF Sérgio David de Souza

PDG MJF Manoel da Rocha Freitas

1VGD MJF Glauber Gomes da Silva

MJF José Cláudio Branco

MJF Nadir Juliani Andriani

CL Luiz Eduardo Fonseca

CaL Luceli Pupin

DM Gislene Lima Teixeira

           

ABREVIATUDAS INSTITUCIONAIS:

LI ........................................ Lions Internacional

APLIONS ..............................  Apaixonados por Lins

AGDL ..................................   Associação dos Ex-Governadores dos Distritos Múltiplos

AL ......................................   Ano leonístico

CD .....................................    Convenção Distrital

CGD ...................................   Comitê do Gabinete Distrital

CCD ....................................    Conselho Consultivo do Governador

CEG ...................................    Conselho dos Ex-Governadores do Distrito

CNG   ..................................   Conselho Nacional de Governadores (extinto)

DMLA ................................   Distrito Múltiplo LA

DMLB ................................    Distrito Múltiplo LB

DMLC ................................    Distrito Múltiplo LC

DMLD ................................   Distrito Múltiplo LD

LC-6 ...................................   Distrito LC-6

FOLAC ...............................     Forum Leonístico da América Latina e Caribe

FOLBRAS ..........................    Forum Leonístico Brasileiro

LCIF ..................................     Fundação Internacional de Lions Clubes

 

SOLICITAÇÃO ESPECIAL AOS PRESIDENTES DE CLUBES:

O Governador Caliento tem grande interesse que a família leonística do Distrito LC-6 tome conhecimento, sempre que possível, de todos os fatos e notícias que envolvem nossa unidade distrital.

Esta “Carta Mensal” tem o condão de ser o canal de comunicação para intermediar os contatos com CCLL, CCaLL, DDMM e Leos. Isso, normalmente, é feito através de envio de e-mails aos interessados.

Ocorre que, infelizmente, embora poucos, alguns e-mails que temos expedido estão retornando com a observação infalível: “sua mensagem não foi enviada porque o endereço não foi encontrado ou não pode receber a mensagem”.

Na maioria dos casos, a digitação dos e-mails está correta. O que ocorre, nos casos apontados no parágrafo anterior, é que a caixa do correio do destinatário está cheia. E daí ele não pode receber a mensagem.

É nesse sentido que fazemos um apelo aos prezados Companheiros Leão e dulcíssimas Companheiras Leão Presidentes de Clubes: em uma próxima oportunidade, comentem o fato com os associados dos seus Clubes. Peçam que eles verifiquem se as caixas do correio dos respectivos aparelhos estão cheias e tomem as providências necessárias para esvaziá-las.

Agradecemos pela gentileza da atenção que for dispensada a esta solicitação, tudo em prol da eficaz comunicação que deve haver entre a Governadoria e os associados do Distrito.

 

ORÇAMENTO FINANCEIRO SIMPLIFICADO DO AL 2020/2021:

Durante a realização da 1.ª reunião do Comitê do Gabinete Distrital, realizada no último dia 26/07/2020, a Governadoria submeteu à apreciação dos seus membros deliberativos o seu planejamento financeiro e orçamento para o presente ano leonístico, que foi aprovado. Resumidamente, é o seguinte:

Previsão orçamentária de receitas:.................................Totais – R$

- Receitas de cotas distritais ..........................................201.724,00

- Receita de ressarcimento revista Lion Brasil Sudeste ........14.210,00

- Ressarcimento Distrito Múltiplo LC .................................19.894,00

- Saldo da Governadoria 2019/2020 ............................(*)66.876,94

- Total ........................................................................302.704,94

Previsão orçamentária de despesas:

- Despesas com contribuições prioritárias ........................112.104,00

- Despesas com publicações institucionais .........................22.000,00

- Despesas administrativas ..............................................31.600,00

- Despesas do Governador e Vices-Governadores ...............93.000,00

- Despesas de desenvolvimento leonístico .........................33.000,00

- Despesas título de Melvin Jones .....................................10.000,00

- Total ........................................................................301.704.00

- Saldo positivo ...............................................................1.000,94

Caso a diretoria de algum Clube desejar um demonstrativo pormenorizado desse orçamento financeiro do ano leonístico 2020/2021, seu Presidente poderá fazer a solicitação diretamente ao Tesoureiro do Distrito ( O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. ), que este fornecerá uma cópia do mapa geral.   

  

SALDOS FINANCEIROS REPASSADOS PARA A GOVERNADORIA 2020/2021:

O IPDG Gustavo José Gil de Almeida repassou para a Governadoria atual, no final da sua gestão, os seguintes saldos financeiros:

Repasses.....................................................................Saldos-R$

Conta administrativa ............................................(*) 68.071,64

Mútua Leonística .................................... Em conta R$33.220,17

Na poupança – R$20.067,10 ......................................54.187,27

Fundo de Reserva do Distrito ...................................316.365,97

Título de Melvin Jones ..............................................13.183,81

LCIF ......................................................................20.486,79

Lions Quest ............................................................13.203,02

(*) Observação sobre valores mencionados nos dois quadros acima: O saldo repassado pela Gvernadoria 2019/2020 (R$66.876,94) é o resultado apurado em 30/06/2020. O saldo da consta administrativa (R$68.071,64) é o resultado apurado em 25/07/2020 (véspera do 1.º Comitê do Gabinete Distrital), ou seja, já houve movimentação de entrada e saída de numerário no corrente ano leonítico.

 

CONCURSO DISTRITAL DE INSTRUÇÃO LEONÍSTICA DO AL 2019/2020

O IPDG Gustavo José Gil de Almeida instituiu, através da Portaria 045-2019/2020, e para ser desenvolvido durante o seu ano leonístico, o “Concurso Distrital de Instrução Leonística”, designando como seu Coordenador o PMJF Antonio Douglas Zapolla. Todos os associados do Distrito LC-6 estavam habilitados para participar do concurso.

O regulamento do evento estabeleceu, entre outros, os seguintes pontos: 1) a instrução deverá ser inédita e de autoria de CCLL e CCaLL; 2) deveria ser lida em assembleia ordinária do Clube, constada em ata, devendo esta e a instrução serem enviadas para o Coordenador do Concurso; 3) deveria ter cunho positivo, e não seriam aceitas aquelas que contivessem conteúdo negativo ao movimento leonístico; 4) a finalidade do concurso era incentivar, motivar e fortalecer o movimento leonístico no Distrito LC-6.

No final, foram apresentados para participar do concurso 35 trabalhos editados por Companheiros Leão e Companheiras Leão de vários Clubes do Distrito.

O Coordenador do concurso, num gesto de isenção e bom-senso, nomeou para julgar o concurso uma comissão comandada pelo PDG PMJF Manoel Messias de Melo, do Lions Clube de Bauru-Bela Vista (Distrito LC-8), que é um amigo inconteste do Distrito LC-6. Para valorizar o julgamento, o Coordenador do concurso enviou aos julgadores os 35 trabalhos recebidos, sem o nome dos autores.

O Ex-Governador Messias apresentou o seguinte resumo da análise efetuada:

“Fomos convidados a analisar as instruções leonísticas pelo Coordenador do concurso, com a orientação de observar principalmente um item específico do regulamento, ou seja, sob a ótica de ser uma instrução de cunho positivo ao movimento leonístico.

Os trabalhos não apresentavam a identificação do autor, o que possibilitou uma leitura impessoal e baseada no senso crítico do julgador. Foram apresentados 35 trabalhos, todos com qualidade excelente, o que dificultou a escolha dos melhores dentre os melhores.

O julgador utilizou a metodologia de leitura individual de cada uma das instruções leonísticas para criar um parâmetro inicial de enquadramento ao principal item do regulamento, confirme mencionado. Ato seguinte, nova leitura mais atenta para o conteúdo e inspiração da cada autor, separando-se as 10 melhores por essa percepção.

Em outro dia, em ambiente de muito silêncio, nova leitura dos 10 melhores trabalhos, atentando para a ligação do texto com a filosofia leonística, separando-se por comparação os 5 melhores trabalhos sob esses critérios.

Em um último momento, novamente em local de muito silêncio e isolamento, realizamos nova leitura dos trabalhos selecionados e agora, com senso crítico bastante aguçado, parametrizados pelos critérios de positividade, alinhamento filosófico e aplicação prática, ordenamos os trabalhos vencedores com bastante segurança. Nesse último momento finalizamos a escolha com a seguinte pergunta ao julgador: essa instrução leonística me inspira?”

Depois de assinar o resumo da análise, o Ex-Governador Messias a devolveu ao Coordenador do concurso capeada aos trabalhos que foram submetidos ao seu julgamento, com indicação das 3 primeiras colocadas. Recebendo a devoção, o MJF Douglas adicionou às mesmas os nomes dos autores, que resultou na seguinte classificação:

1.º lugar:

Instrução leonística: “O movimento leonístico e o sentido de liderança”

Autor: PDG MJF Antonio Domingos Andriani (do LC de Ribeirão Preto-Jardim Paulista)

2.º lugar:

Instrução leonística: “Leão...”

Autor: CL Juliano Brevigliero Lazaretti (do LC de Jaboticabal)

3.º lugar:

Instrução leonística: “O Leão precisa aprender a ouvir”

Autor: 1VCC MJF José Gomes Duba das Chagas (do LC de Franca-Centro)

Sugerimos aos prezados Companheiros Leão e dulcíssimas Companheiras Leão Presidentes de Clubes que, numa próxima oportunidade, e sendo viável, as matérias sejam divulgadas durante suas assembleias gerais, a título de instrução leonística.

Estamos divulgando as três instruções leonísticas classificadas. A do 1.º lugar é exatamente aquela constante do Editorial desta Carta Mensal. As dos 2.º e 3.º lugar são transcritas a seguir.

 

INSTRUÇÃO LEONÍSTICA: “O LEÃO...”

Classificada em 2.º lugar no Concurso Distrital de Instrução Leonística do AL 2019/2020

Autor: CL Juliano Brevigliero Lazaretti (do Lions Clube de Jaboticabal)

“Assim como na anatomia humana, a anatomia animal possui inúmeras divisões.

Hoje farei um apanhado básico sobre essas divisões.

Ao observar um leão, o que nos chama a atenção de cara é a juba, símbolo de beleza. Maturidade e hierarquia, que junto de sua juba está a cabeça, o crânio que, dotada de um cérebro, tem a capacidade instintiva de elaborar planos de ataque que saciam a fome ou defendem seu território, lhe conferindo poder, no qual resulta o prêmio do acasalamento.

Não menos importante temos os membros inferiores e superiores, pernas, patas, unhas que proporcionam força e agilidade, mas sempre sobre o comando da cabeça.

Todo seu corpo é coberto pela pele, logo com uma sofisticada pelagem que gera proteção básica nas diversidades climáticas, e a calda que para muitos não passa de um ‘espanta mosquito’, mas, no entanto, possui o fundamental papel de equilíbrio físico, dando destreza e agilidade nas curvas, e para os mais atentos revela características do seu comportamento psíquico.

Todas essas divisões estão ligadas pelo tronco que servem de refúgio para os órgãos.

Pronto, o leão está anatomicamente descrito!

Caros companheiros, devem estar perguntando por que essa aula chula de anatomia.

Observem a importância de cada membro descrito acima, uns mais importantes, outros menos, mas todos unidos formam um perfeito leão, assim devemos ser, membros ligados cada qual na sua função para resultar em uma ‘imagem LEÃO’.

Quem nos enxerga de fora não pode ver nem mais nem menos do que um LEÃO, uma garra digna de leão, uma atitude de leão, uma alcateia de leões, ou seja, um clube leões.

O leão desde os primórdios da humanidade tem sido símbolo de tudo que é bom, devido a esse simbolismo o nosso nome foi Quatro qualidades notáveis, tais como CORAGEM, FORÇA, ATITUDE e FIDELIDADE estão relacionadas com a adoção desse nome, e a última delas, fidelidade, tem um significado produto e peculiar para todos os leões.

O leão tem sido símbolo de fidelidade em todas as horas e em todas as nações, antigas e modernas, ele significa lealdade a um amigo, a um princípio, a uma obrigação, a uma comunidade.

Posso dizer que somos leais ao trabalho voluntário desinteressado, somos leais ao próximo e leais a nós mesmos.

A psicóloga Márcia Quintela diz o seguinte: ‘Trabalho voluntário não é coisa de gente santa’. Logo, o trabalho voluntário não é para quem quer mudar o mundo ou ser bem visto, mas é para quem quer mudar a si mesmo e está disposto a aprender por meio do contato com novos mundos.

É uma excelente ferramenta de empatia, onde o aprendiz ensina mais que o professor.

Voluntariar é transbordar de tanto aprendizado e gratidão, é superar dores e desafios inimagináveis, porque vê na história do outro as bênçãos da própria vida.

A nossa maior ligação é humana, feita de respeito e gentileza.

Onde existem voluntários, existe a mistura das cores, das classes, das crenças e de passados.

A curiosidade pelo outro alimenta a nossa alma sedenta por sentimentos reais!

Voluntariar é doar amor para curar a dor do outro e, sem saber, descobre que esse é o remédio para curar a nossa própria dor.

Em todos esses mundos eu encontrei um olhar de gratidão profundo, desses que descontroem quem achávamos que éramos e faz renascer quem realmente queremos ser nesse mundo!” (sic)

 

INSTRUÇÃO LEONÍSTICA: “O LEÃO PRECISA APRENDER A OUVIR”

Classificada em 3.º lugar no Concurso Distrital de Instrução Leonística do AL 2019/2020

Autor: 1VCC MJF José Gomes Duba das Chagas (do LC de Franca-Centro)

“Buscar sempre uma opinião sincera em relação às coisas que você faz. Quando você vê suas forças e fraquezas através dos olhos de outras pessoas, você tem um caminho definido para o aperfeiçoamento. E o contínuo aperfeiçoamento levará ao sucesso.

Todas as pessoas que se encontram agora no topo, começaram de baixo. Todo Lions Clube grande e bem-sucedido foi, no passado, um simples projeto. Todos eles começaram de baixo e subiram ao topo através de contínuo aperfeiçoamento.

O sucesso de um Clube de serviço depende do valor que agregamos às pessoas. Por isso é crucial sabermos exatamente como as pessoas percebem o valor agregado. Todos os dias, você tem a oportunidade de fazer pequenas melhorias no trabalho do seu Clube.

Uma opinião sincera e bem-intencionada, vinda de pessoas que são diretamente tocadas pelo seu trabalho, lhe mostrará como fazer isso. É um recurso valioso que pode colocá-lo à frente;

A comunicação dirige nossos pensamentos e molda nossas ações e, de alguma forma, ela nos ajuda a criar a nossa realidade, evidenciando nossos pontos fortes ou potencializando nossas limitações.

A habilidade de usar a comunicação verbal com precisão é essencial para facilitar o relacionamento entre as pessoas.

Seja sincero quando buscarem sua opinião. Critique, se for preciso, sempre apontando caminhos. E, sim, distribua carinho, mas de forma consciente, por ser a real tradução do que sente.

Aja sempre como gente. Gente de bem. Gente saudável. Gente grande.” (sic)

 

VISITAS VIRTUAIS DO CASAL GOVERNADOR

Diante da pandemia da Covid-19 que está entre nós e deverá permanecer por mais algum tempo, alguns Clubes têm contatado com esta Coordenadoria e sugerido que a visita do casal Governador às suas unidades seja feita em caráter virtual.

Podemos adiantar que o DG Caliento, a princípio, não deseja realizar suas visitas aos Clubes virtualmente. Ele considera que esse processo perde a motivação do companheirismo e da amizade que deve prevalecer nessas ocasiões. Ele vai aguardar mais algum tempo e esperar pelos acontecimentos.

Por enquanto, com relação às visitas do casal Governador, solicitamos que os prezados Companheiros e dulcíssimas Companheiras Presidentes procedam de acordo com as recomendações estabelecidas pela nossa “Carta Mensal de Julho”. Ficamos gratos pela costumeira atenção.

 

DATAS JÁ RESERVADAS PARA VISITAS DO CASAL GOVERNADOR:

19/09/2020 – Lions Clube de Mirassol

28/11/2020 – Lions Clube de Guariba

20/03/2021 - Lions Clube de Guaira 

                                                                               

Estamos aguardando manifestação dos Clubes interessados.

 

TAXA DISTRITAL DO 1.º SEMESTRE AO ANO LEONÍSTICO:

O DG Antonio Paulo Caliento, dentro do seu planejamento financeiro para o ano leonístico 2020/2021, transmitiu as seguintes informações aos Clubes do Distrito LC-6, e que foram corroboradas durante a 1.ª reunião do Comitê do Conselho Distrital, que foi realizada virtualmente no último dia 26 de julho, a respeito do pagamento da taxa distrital relativa ao 1.º semestre deste ano:

“Nesses primeiros dias de trabalho na Governadoria torna-se necessário enfatizar, principalmente nesses momentos da crise ocasionada pela Covid-19, que o planejamento orçamentário é de fundamental importância para o Distrito, e que precisamos ter um cuidado muito especial para traçar as diretrizes, a fim de não nos envolver com algum fato comprometedor. Nessas condições, decidimos que, para este ano leonístico, a taxa distrital ficará definida da seguinte forma: 1) O percentual cobrado no AL 2019/2020 foi de 25% do salário mínimo vigente no Brasil, mais a importância de R$24,00 que é a taxa do Distrito Múltiplo LC (R$14,00 do DMLC mais a taxa de R$10.00 da revista The Lion Brasil Sudeste), dividido em duas parcelas: agosto/2020 e fevereiro/2021. Isso representou R$273,50 dividido em duas parcelas de R$136,75 por semestre; 2) Para este ano leonístico os valores ficaram assim definidos: 18% do salário mínimo, que corresponde a R$188,00, mais R$24,00 do DMLC, que serão divididos em duas parcelas de R$106,00 por semestre, vencendo a primeira em agosto/2020 e a segunda em fevereiro/2021; 3) Houve uma redução de R$61,50 na faixa semestral do associado. Poderá haver uma nova revisão na taxa a ser cobrada em fevereiro, dependendo da situação da pandemia naquele mês. Poderemos mexer para cima ou para baixo, ou manter o mesmo valor. Estaremos dependendo da situação que teremos que atravessar; 4) Estamos contando com a compreensão dos nossos associados e, acima de tudo, pela credibilidade que nos foi confiada para direção dos destinos do Distrto LC-6. Tudo faremos para defesa dos interesses dos nossos associados; 5) Lembramos que, de 01 de julho a 31 de dezembro de 2020, as taxas distritais para admissão de novos associados estão isentas.”

PASTAS PARA NOVOS ASSOCIADOS:

A Governadoria já providenciou uma reserva de pastas destinadas aos novos associados.

As Diretorias dos Clubes que estiverem prestes a efetivar admissões podem fazer a solicitação da remessa junto ao Governador do Distrito ou a esta Coordenadoria. Mas, por gentileza, não peçam por pedir, para manter em reserva. Ao fazer o pedido, por favor, indiquem os nomes dos futuros associados ou associadas.

 

LUTO OFICIAL NO DISTRITO:

Através da Resolução n.º 11-2020/2021, editada na noite de 28 de julho de 2020, o DG Antonio Paulo Caliento decretou luto oficial de três dias no Distrito LC-6 face ao falecimento do MJF Ovídio Breseghello, do Lions Clube de Nhandeara.

Com base nesse infausto acontecimento, estamos reiterando aos prezados Companheiros Leão e dulcíssimas Companheiras Leão Presidentes de Clubes nota que estampamos na Carta Mensal de Julho: sempre que ocorrer o falecimento de algum CL, CCaLL ou DM de um Clube, sua Diretoria deve comunicar o fato ao Governador do Distrito ou a esta Coordenadoria no mesmo dia do desenlace, por telefone ou por e-mail, para providências da decretação de luto oficial no Distrito.

 

ESTATUTO REGISTRADO:

O Estatuto do Distrito LC-6, que entrou em vigor no dia 01/07/2020, e aprovado durante a 21.ª Convenção Distrital do LC-6, realizada na cidade de Icém, em 09/05/2020, está devidamente registrado no Cartório de Registro Civil de Pessoas Jurídicas da Comarca de Taquaritinga. Foi registrado e microfilmado sob n.º 5.648, em 07/07/2020.

Todas as providências para oficialização desse nosso documento maior foram tomadas pelo IPDG Gustavo José Gil de Almeida e sua equipe, a quem agradecemos pela competente e excelente atuação.

 

GOVERNADOR HOMENAGEIA OS MEMBROS DO “COLEGIADO RUBI” DO DMLC:

O DG Caliento listou os seguintes considerandos: a) que os membros do “Colegiado Rubi” do Conselho de Governadores 2020/2021 do Distrito Múltiplo LC tem relacionamento direto com a própria vida e desenvolvimento do nosso movimento; b) que os Govenadores e Governadoras que compõem aquele Colegiado se constituem em verdadeiros livros repletos de conhecimento e experiências extraordinárias, cujas obras estão permanentemente na biblioteca do leonismo sempre prontas a orientar e esclarecer dúvidas; c) que esses notáveis Companheiros Leão e Companheiras Leão, embasados nesse amplo cabedal de conhecimentos, estão sempre ansiosos em servir, ajudar e colaborar, transmitindo o desejo ardente que têm em ver o leonismo brilhar cada vez mais no firmamento do conturbado mundo que hoje trilhamos; d) que os membros do “Colegiado Rubi” honram e dignificam o leonismo que procuramos vivenciar.

Depois desses considerandos, o DG Caliento editou a Resolução n.º 10-2020/2021, de 12/07/2020, concedendo o Título de “Mérito Leonístico” aos membros do “Colegiado Rubi” do Conselho de Governadores do Distrito Múltiplo LC.

Os diplomas relativos à láurea concedida serão entregues pelo Governador Caliento aos homenageados numa ocasião oportuna.

 

RESULTADO DO CONCURSO DE EFICIÊNCIA 2019/2020:

O Assessor do Concurso de Eficiência para Clubes da gestão 2019/2020, que é o mesmo para o presente ano leonístico, divulgou o resultado do certame. Segundo ele, os critérios para pontuação foram definidos através das informações que os Clubes enviaram para o sistema MyLion. Os vencedores foram:

No critério atividades informadas sobre:

- Diabetes (1.188) – LC de Franca-Centro

- Meio Ambiente (900) – LC de Ribeirão Preto-Centro

- Câncer infantil (7.000) – LC de Nhandeara

- Alívio à fome (9.374) – LC de Ribeirão Preto-Ipiranga

- Visão (1.751) – LC de Nhandeara

- Outras atividades (35.834) – LC de Miguelópolis

No critério:

- Pessoas assistidas (55.751) – LC de Guariba

- Horas de voluntariado (23.755) – LC de Matão

- Fundos doados (U$16.065) – LC de Ribeirão Preto-Centro

- Maior quantidade de serviços informados (533) – LC de Santa Fé do Sul

- Maior participação em todos os itens pontuados em MyLion – LC de Brodowski

O Assessor Distrital do Concurso de Eficiência para Clubes está à disposição para qualquer esclarecimento necessário ( O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. ).

           

QUAL O SEU QI EM LEONISMO?

  1. Nossa Associação tornou-se verdadeiramente internacional com a fundação do primeiro Clube no ___________________________, e tal fato ocorreu durante o ano de:
    a) 1918;
    b) 1920;
    c) 1921.

  2. As primeiras expansões do leonismo na Europa, Ásia e África ocorreram durante as décadas de:
    a) 1940/1950;
    b) 1950/1060;
    c) 1960/1970.

  3. Depois de entrar no Canadá, os três países seguintes que receberam o leonismo foram:
    a) ________________;
    b) ________________;
    c) __________________.

  4. As cores oficiais do leonismo (roxo e dourado) representam diversas qualidades. Indique uma para cada uma:
    Roxo _____________________________________;
    Dourado __________________________________.

(Respostas no final desta Carta Mensal).

ALGUNS “PITACOS” LEONÍSTICOS:

  1. Em novembro de 1918 Melvin Jones editou a revista “The Club Magazin”, com 28 páginas e em formato de bolso, que seria a precursora da futura revista “The Lion”.

  2. Depois de entrar no Canadá, os três primeiros países que receberam o movimento leonístico foram: o México (em 1925, com a fundação do Lions Clube de Nuevo Laredo), a China (em 1926, com a fundação do Lions Clube de Tsingtao, em Tienstein) e Cuba (em 1927, com a fundação do Lions Clube de Havana). Após isso houve um hiato de nove anos, e, quando do seu reinicio, o leonismo toma um impulso extraordinário, começando pela América Central, com a criação do clube Cristobal Colon, no Panamá, em 1935. Chegou à América do Sul através da Colombia, em 1936, com a fundação do clube de Barranquilha. Depois foi a vez da Oceania, em 1947, na cidade australiana de Lismora. Na Europa chegou em 1948, com a fundação do clube de Estocolmo, na Suécia. No mesmo ano marcou presença na África, com o clube de Marrakech, no Marrocos. Complementando o ciclo internacional, o leonismo chegou na Ásia em 1956, na cidade de Bombaim, na Índia. Está no Brasil desde 16 de abril de 1952, com a fundação do Lions Clube do Rio de Janeiro.

  3. O lema do leonismo “Nós Servimos”, traduzido do original inglês “We Serve”, foi aprovado pela Diretoria Internacional em 1945, e resultante de um concurso internacional que teve a participação de cerca de 6.000 concorrentes. Oito participantes apresentaram o mesmo lema, sendo escolhido o de autoria do Leão D. A. Stevenson, do Lions Clube de Fonthill (Ontário, Canadá), cuja correspondência foi a primeira, dentre as oito, a ser postada e chegar à sede de Lions Internacional. É a expressão que consagra o objetivo maior do nosso extraordinário movimento.


FUNDAÇÃO DE NOVOS CLUBES:

O Governador Caliento editou as Resoluções n.ºs 04, 05, 06, 07 e 08-2020;2021, datadas de 10 de julho de 2020, criando comissões especiais com o objetivo específico de fundar, durante este ano leonístico, pelo menos um novo Lions Clube no território geográfico de cada uma das cinco Regiões existentes no Distrito LC-6.

Foi uma resolução para cada Região. A comissão tem como Presidente o respectivo Presidente da Região e, como membros, os Presidentes de Divisão e dos Clubes da respectiva área. Terá ainda, como consultores especiais, os Ex-Governadores sediados em cada Região.

Em suas considerações inseridas nas resoluções, o DG Caliento justificou: 1) a necessidade de se promover uma sadia expansão do leonismo no Distrito LC-6, através da criação de novos Clubes em sua base territorial; 2) que em cada área das nossas cinco Regiões existem dezenas de municípios de população variada que ainda não possuem Clubes de Lions nas comunidades; 3) que o número de habitantes de qualquer cidade, para o movimento leonístico, não é fator preponderante e inibidor da fundação de um Clube de Lions; 5) e, finalmente, que em alguns municípios localizados na área geográfica das respectivas Regiões existe a possibilidade de se agilizar a fundação de novos Clubes.

Ao enfatizar a competência dos membros das respectivas comissões, o DG Caliento ressaltou que eles devem observar os seguintes aspectos para conseguir êxito no desenvolvimento do projeto:

    1. Examinar as áreas comunitárias nas quais Clubes possam ser fundados;
    2. Escolher áreas de concentração e planejar a organização de Clubes locais;
    3. Informar CCLL e CCaLL sobre a possibilidade de começar um novo Clube;
    4. Contatar possíveis Lions Clubes patrocinadores para assistência;
    5. Planejar e organizar reuniões com lideranças chaves das comunidades para criação de novos Clubes.

O Governador Caliento deposita grande esperança na atuação de cada Presidente de Região, cada Presidente de Divisão e cada Presidente de Clube para que esta meta de fundar pelo menos um Lions Clube em cada Região do Distrito LC-6 tenha o êxito almejado até o final deste ano leonístico. Esta Coordenadoria também acredita no trabalho desses notáveis Companheiros e Companheiras Leão.

As Resoluções n.ºs 04, 05, 06, 07 e 08-2020/2020 já foram enviadas por esta Coordenadoria a todos os envolvidos e interessados, através de e.mails expedido em 11/07/2020.

CANCELAMENTO DE PRIORIDADES PARA FUNDACÃO DE CLUBES:

Diante da proposta comentada no tópico anterior, o Governador Caliento editou a Resolução n.º 09-2020/2021, de 11/07/2020, regulamentando a concessão de prioridades para fundação de novos Clubes na jurisdição do Distrito LC-6 da Associação Internacional de Lions Clubes.

Referida resolução determinou:

    1. Ficam canceladas, a partir de 11/07/2020, todas as prioridades concedidas para fundação de Clubes de Lions na jurisdição do Distrito LC-6.

    2. Os Clubes que eventualmente possuíam prioridades concedidas pelas gestões anteriores têm preferência na revalidação do pedido, desde que a requeiram oficialmente junto a esta Governadoria no prazo de 30 (trinta) dias, contados a partir da entrada em vigor desta Resolução.

    3. Ficam abertas aos Lions Clubes legalmente constituídos, a partir de 11/07/2020, os pedidos de prioridade para fundação de novos Lions Clubes na jurisdição do Distrito LC-6.

    4. A prioridade mencionada na letra anterior poderá ser obtida pelo Lions Clube interessado mediante pedido oficial formalizado junto à Governadoria.

    5. Toda prioridade concedida pela Governadoria do Distrito LC-6 para fundação de novo Lions Clube terá prazo de validade até 31 de março de 2021.

    6. Decorrido o prazo mencionado na letra anterior e na ausência de providências positivas por parte do Clube solicitante, a prioridade concedida será automaticamente cancelada.

A resolução n.º 09-2020/2021 foi divulgada no Distrito e enviada para todos os interessados através de e-mail que esta Coordenadoria expediu em 15/07/2020.

 

CALENDÁRIO LEONÍSTICO DE AGOSTO:

28 – Dia de fundação do 1.º Leo Clube do Brasil (1969 – Maceió – Alagoas)

CALENDÁRIO CÍVICO DE AGOSTO:

09 – Dia dos País (2.º domingo do mês)

17 – Dia do Patrimônio Histórico

22 – Dia do Folclore

25 – Dia do Soldado

 

DIA DOS PAIS:

Herói, amigo e confidente, o pai verdadeiro transcende o simples entendimento biológico da paternidade e se consagra pelo contínuo apoio aos filhos. Não o apoio de caráter materialista, que busca promover a dependência nos filhos, mantendo-os presos ao genitor. Diz-se, aqui, do exercício do poder que impulsiona, que valoriza e que faz desgarrar do pai o filho, levando a si aglutinando todo o espectro catalisador e positivo dele emanado ao longo dos anos de sadia convivência, de salutares ensinamentos, de amor pródigo, puro, real e insigne.

No contexto do leonismo, o valor que se dá à família e por demais significativo e digno de nota. Conceitual e politicamente, a Associação Internacional – sem ferir a autonomia familiar – busca, da melhor maneira possível, valorizar e, sobretudo, manter, defender e propiciar a felicidade nos lares, seja por ações sócio assistenciais, seja pela clara exposição de que, sendo sólida essa estrutura, reflexo altamente positivo fluirão no desenvolver das atividades se socorro humanitário aos mais carentes. O Companheiro Leão, principalmente aquele que é pai, em sendo reconfortado familiarmente, exercitará melhor a sua atividade. O servir desinteressadamente o mais necessitado,, o nosso lema maior, gratifica o seu trabalho e o fortalece no seio da família, estruturando-o,, outrossim, a cumprir os seus desígnios na encantadora relação com os filhos.

Por isso, renova-se nesse “Dia dos Pais” a necessidade de reverenciarmos a figura sempre presente daquele que conduz seus filhos, preparando-os, quem sabe, para a mesma tarefa a que outrora seus próprios pais se dedicaram, sendo que os filhos vêm dos pais, mas dele não são; Pertencem ao mundo, pertencem a si mesmos, enquanto indivíduos e personalizados.

Que nesta data sejam iluminados os corações de todos os pais e, notadamente, dos pais Companheiros Leão, que vêm perpetuando nossa Associação no mundo inteiro, deste 1917, através de um serviço comunitário e, principalmente, sendo país de família em toda a sua plenitude.

DIA DO SOLDADO:

Comemora-se no dia 25 de agosto o “Dia do Soldado”, uma das mais marcantes para a Instituição Militar registrada em seu calendário cívico.

Esta data está vinculada ao nascimento do Marechal Luiz Alves de Lima e Silva, o Duque de Caxias, personalidade da história pátria, imortalizado como pacificador, que logrou alcançar em vida os mais elevados títulos honoríficos, personificando também as mais altas virtudes e as mais expressivas qualidades como militar e cidadão.

Foi Duque de Caxias um símbolo da lei e da ordem. Sua presença significava a disciplina, a serenidade e a clarividência das soluções políticas, a todos ensinando boas qualidades morais tão preciosas como a nobreza do caráter, a coerência de atitudes, os predicados de bravura, o patriotismo, o amor à legalidade, a desambição pessoal e a honradez.

É induvidosa, portanto, a importância de Duque de Caxias para a corporação Policia Militar, estruturada com fundamento na hierarquia e disciplina, que cultiva, através da educação, da ética e do modo de vida militar, valores da mais alta significação para o atingimento do fim social.

 

RETIRADA DO ÓLEO DE FRITURA DO MEIO AMBIENTE:

O MJF Antonio Mauro Alves, Assessor Distrital do Meio Ambiente e do Combate à Fome, está fornecendo aos Clubes do Distrito a seguinte orientação sobre o projeto para retirada e recolhimento do óleo se fritura:

“Atendendo a dinâmica de Lions Clubes Internacional, esta Assessoria, com o apoio da Governadoria e dos Assistentes Distritais do Meio Ambiente das Regiões A, B, C, D e E, entendem que para melhor atendermos as expectativas fica assim deliberado:

1.Os Assistentes do Meio Ambiente estarão agindo de maneira a estimular e acompanhar os Clubes de Lions da sua Região a evoluírem nas ações ambientais, no sentido de se fortalecerem enquanto construtores de sonhos, levando os Projetos do Leonismo às escolas e comunidades ao entorno do seu Clube ou na área de abrangência de seu Município.

1.1– A retirada do óleo de fritura do Meio Ambiente continua a ser REFERÊNCIA para o Governador Caliento, que estará mobilizando os Presidentes dos Clubes no propósito de um maior engajamento dos mesmos neste Projeto, que contempla dois pilares de Lions Internacional – Proteção do Meio Ambiente e Diminuição da Fome.

1.2– Os Clubes que durante o ano leonístico armazenarem 300 litros de óleo de fritura e realizarem pelo menos outras duas ações ambientais durante este ano, estarão participando do sorteio da Comenda Melvin Jones. A troca deste óleo de fritura será por alimentos (arroz ou óleo vegetal) e sua destinação final correta/BIODIESEL.

 

Obs: o armazenamento de 300 litros mais duas ações ambientais (plantio de mudas e palestras sobre Meio Ambiente em escolas, por exemplo) representa uma cota para participar do sorteio da Comenda Melvin Jones. Caso o Clube consiga reunir 1.200 litros, por exemplo, passará a ter quatro cotas para o sorteio da Comanda Melvin Jones e assim se segue;

 

2. Os Presidentes de Região e Divisão serão envolvidos diretamente no processo de conscientização e incentivo junto aos Clubes de sua abrangência.


2.1 – Os Presidentes de Divisão apresentarão o relatório trimestralmente aos respectivos Presidentes de Região sobre as ações ambientais realizadas pelos Clubes sob sua responsabilidade.


2.2 – Os Presidentes de Região reunirão os diversos relatórios encaminhados pelos Presidentes de Divisão e encaminharão um relatório ao Assessor do Meio Ambiente, que formatará os cinco relatórios, construindo um relatório que será encaminhado a Governadoria e Lions Internacional.


Obs: os Assistentes do Meio Ambiente no âmbito regional serão responsáveis por acompanhar e estimular os Presidentes de Divisão a envolverem os Presidentes de Clubes da sua área de ação a colocarem em prática as ações ambientais, como também cobrarem os Presidentes de Divisão na elaboração dos relatórios e seu encaminhamento aos Presidentes de Região.

3. Quanto à coleta do óleo:

3.1 – Os Assistentes Distritais estarão estimulando e acompanhando a armazenamento desse produto junto aos Clubes da sua Região e informando ao Assessor do Meio Ambiente a quantidade de óleo armazenado, como também por qual alimento será trocado. Na oportunidade, os mesmos informarão ao Assessor do Meio Ambiente as necessidades da cada Clube no que se refere à otimização da coleta, como, por exemplo, encaminhamento de bombas de 50 litros ou caixas de papelão. A partir dessas informações a logística de coleta nos Clubes será construída e encaminhada à empresa Brejeiro. Como, também, acompanhando a troca do óleo de fritura por alimentos na proporção de 6x1, isto é, seis litros de óleo de fritura por um litro de óleo vegetal ou um quilo de arroz.


3.2 – Existe um contrato assinado entre a empresa Brejeiro e o Distrito LC-6, segundo o qual, a cada ano leonísico, é renovado e devidamente assinado, no propósito de proteger os Clubes do Distrito.


4. Quanto ao encaminhamento do relatório do óleo;


4.1 – O Assessor do Meio Ambiente encaminhará ao Assessor do Concurso de Eficiência, ao final de cada mês, a quantidade de óleo de fritura coletados e armazenados pelos respectivos Clubes e encaminhado para a destinação final correta/Biodiesel.

Sendo assim, esperamos um ano leonístico com muitos bons resultados.” (sic)

Para qualquer dúvida surgida com relação a essa campanha, os Clubes deverão contatar diretamente com os Assistentes Distritais da respectiva Região ou com o MJF Antonio Maur Alves, através do e-mail O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

           

AGOSTO É MÊS DE CACHORRO LOUCO?:

Muitos que nasceram nas décadas de 40, 50 e 60 do último século, como este modesto Coordenador, ainda guardam na memória quando eram surpreendidos pelos seus pais e avós com uma frase assustadora: “Cuidado, estamos em agosto, mês do cachorro louco!”

Não se sabe muito bem porque os brasileiros daquela época nostálgica se acostumaram com a associação de que agosto era mês de cachorro louco.

A verdade é que esse fato folclórico, de certa forma, tornou-se bastante útil, já que, depois daquela época romântica, e já no terceiro milênio, tornou-se corriqueira a vacinação de cães em grande escala e um maior cuidado da população com relação à questão.

Hoje, praticamente todas as pessoas tem ciência da hidrofobia e seus problemas.

Ao abordar o tema, visamos unicamente colaborar com nossos prezados amigos dirigentes, especialmente os Presidentes e as Presidentes dos Clubes, e aguçar a imaginação de todos,, pois, quem sabe, dos dados que compilamos e vamos tentar esclarecer a seguir, talvez possa surgir uma ideia ou sugestão para desenvolvimento de alguma atividade que realce a atuação do leonismo em suas respectivas comunidades, como, por exemplo, campanhas de divulgação, campanhas de vacinação conjunta com os setores públicos municipais envolvidos, palestras junto a estabelecimentos de ensino,, e outras de igual importância.

Quem é que nunca teve cães em casa ou, pelo menos, sentiu o desejo de ter um? Aqui no Brasil, segundo pesquisas que apuramos, existe no mínimo um cão para cada grupo de dez habitantes. Onde se concluí que, de forma geral, quase todas as famílias convivem com esse animal doméstico. Trata-se de uma criação bastante apreciada, em especial pelas crianças, graças ao seu caráter afável e brincalhão. Além de excelentes companheiros, os cães são ótimos guardiões do lar, fator que induz as pessoas mantê-los em casa. Todavia, nem todos se lembram que o cão é um ser vivo, sujeito a problemas de saúde, requerendo cuidados constantes.

Um dos problemas a que o cão está sujeito é a hidrofobia, ou rábia, ou raiva (como é popularmente conhecida), que pode ataca-lo em qualquer época, mas que em nosso país, não se sabe porque, se pensa ser uma doença típica do mês de agosto (especialmente entre nós, os mais velhos).

A raiva é uma doença produzida por um vírus, que comumente ataca os animais mamíferos. Nas cidades, o mais atingido é justamente o cão. O vírus ataca o sistema nervoso do animal, e este, se não socorrido a tempo, acaba morrendo. Mas, até isso acontecer, ele pode espalhar a desgraça entre as pessoas que com ele convivem, ou até mesmo entre nossas visitas e vizinhos. Sabe-se que o vírus da raiva pode deslocar-se do organismo do cão para as pessoas :por simples contato com o animal, embora o mais comum seja através da mordedura. O hábito de beijar o animal (muito comum entre as crianças) também facilita o contágio, pois o vírus penetra pela mucosa. Encontrando uma via de penetração, o vírus vai caminhando, podendo atingir o sistema nervoso central. Se isso chegar a acontecer (e pode, se providências urgentes não foram tomadas) o doente morre.

Sabe-se também que o período de incubação, ou seja, até que a raiva se manifeste em uma pessoa atacada por um animal doente, é variável de acordo com o local da mordedura, podendo ocorrer num período entre quinze dias a três meses. O tempo é mais curto quando a mordedura ocorre na cabeça ou no pescoço da pessoa atacada.

Se socorrida a tempo, a vítima poderá ser salva e não terá problemas futuros.

Segundo informações médicas, a hidrofobia apresenta o seguinte quadro clínico

    1. Fase prodrômica: com manifestações como mal estar, febre, cefaleia, náuseas.

    2. Fase de agitação: com nervosismo e irritabilidade.

    3. Fase paralítica: com degeneração dos neurônios motores, onde a paralisia vai progredindo e a consciência vai desaparecendo, culminando com a porte.

Como profilaxia é recomendado o seguinte:

    1. Medida de combate aos transmissores (como cães e gatos errantes).

    2. Medidas de proteção aos animais domésticos. Com vacinação específica atual, a partir do terceiro mês de idade.

    3. Medidas de proteção à pessoa: a) tratamento imediato dos ferimentos (lavando com água e sabão e depois aplicando solução apropriada); b) procurar imediatamente atendimento médico para o tratamento adequado.

A aplicação do tratamento na pessoa atacada depende de uma série de informações, principalmente sobre o animal atacante, o local atingido e em relação à observação do animal. Este nunca deve ser sacrificado, mas preso para que fique em observação pelo menos pordez dias.

Devemos enfatizar, sempre, que se a pessoa atacada deixar passar o período de incubação, aí não existe mais tratamento específico e a doença evoluí de forma inexorável,

Em resumo:

    1. Quem tem um cão em casa deve cuidar dele muito bem, mantendo bons hábitos de higiene, não o deixando na rua e vacinando-o uma vez por ano. Agindo assim, não haverá problemas para a família, que poderá contar com um animal carinhoso por muitos anos.

    2. Se o pior acontecer, não se alarme mas procure agir o mais rapidamente possível. Hoje, graças a Louis Pasteur, dispomos de vacina anti-rábica que, ministrada com a segurança de orientação médica, cura completamente as vítimas de animais hidrófobos.

    3. Divulgue informações sobre o assunto toda vez que puder, pois a raiva, ao contrário do que pensavam nossos pais e avós, é uma doença de ataca o ano todo.

Para finalizar, um recadinho aos meus queridos jovens Companheiros Leão e Companheiras Leão: sei o que vocês devem estar pensando (“o que levou esse nosso Companheiro do século passado estar abordando um assunto que já não é mais atual e está sob controle, quando, hoje, em 2020, temos problemas mais importante como combater a Covid-19?) Eu sei! Mas é exatamente pela minha idade que digo: cautela e caldo de galinha não faz mal a ninguém.

 

LEMBRETE AOS INTERESSADOS:

A Governadoria do Distrito LC-6 tem sede, endereço e telefones: rua São José, 2261 – Alto da Boa Vista – CEP 14025-180 – Ribeirão Preto – SP – Telefones (16) 3623-2756 e 99181-2375 – e-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. .

RESPOSTAS PARA QUAL O SEU QI EM LEONISMO:

  1. Canadá, em 1920. Mais precisamente no dia 12 de março, com a fundação do Lions Clube de Ontário, em Windsor.

  2. 1950/1960.

  3. México, China e Cuba.

  4. Roxo: a) Lealdade para com o país e para consigo mesmo; b) Integridade de pensamentos e sentimentos. Dourado: a) Sinceridade nas intenções; b) Moral e capacidade de julgamento; c) Pureza no viver.

Um fraterno abraço leonístico a todos e até o próximo mês, se Deus assim o permitir.

 

                                                                   PDG MJF ANTONIO DOMINGOS ANDRIANI

                                                                       Coordenador Geral do Distrito LC-6

 

 

CARTA MENSAL DE JULHO da

Coordenadoria Geral do Distrito LC-6

                                       Ribeirão Preto, 01 de julho de 2020

 

Destinatários: PRESIDENTES DE CLUBES DO DISTRITO LC-6

 

OBJETIVO:

 

O objetivo da criação e elaboração desta Carta Mensal é criar um canal de comunicação que visa transmitir notícias e informações do Governador do Distrito e outras de interesse do leonísmo, abordar temas do nosso movimento, apresentar matérias visando colaborar com o desenvolvimento dos nossos Clubes, divulgar instruções e documentos que visem facilitar os Presidentes de Clubes no desempenho das suas funções e divulgar, enfim, tudo que de interesse possa contribuir com a nossa nobre causa.

Temos planos de editar esta carta todo dia 1.º de cada mês. Sabemos não ser tarefa fácil, mas esperamos que o bom Deus nos dê forças para conseguirmos cumprir mais essa missão visando o fortalecimento dos laços da nossa amizade leonística.

 

MENSAGEM DO GOVERNADOR:

 

Durante o ano, muitas esperanças são renovadas na busca do sonho por dias melhores. Muitos fazem planos incluindo novas perspectivas de vida profissional, familiar e social, e nós, Leões, muitas vezes nos esquecemos de incluir o Lions nesses planos e dimensionar sua vida com ele.

O compromisso que assumimos de realmente viver o Lions não é uma atitude isolada, mas envolve dezenas de Companheiros, Companheiras  Domadoras que veem em nossa organização a possibilidade de mudanças na sua própria vida.

Quando assumimos a condição de Leão, incorporamos uma responsabilidade social que transcende nossa vida pessoal mais corriqueira. Como sempre digo: nós não somos Leões por acaso. Nascemos para cumprir a missão de servir, missão essa assumida com plano espiritual. É algo que precisamos fazer por uma sociedade mais justa e igualitária. Não que tenhamos que fazer sacrifícios sobre-humanos, mas precisamos nos superar e nos doarmos com todo coração.

A existência e potencialidade de um Clube de Lions são diretamente proporcionais a esta capacidade de doação de cada um dos Companheiros, Companheiras e Domadoras que o compõe. Em todos os Clubes existem formas para os associados prestarem sua colaboração: é preciso apenas que assumam a responsabilidade e tomem a iniciativa de servir. Se um Clube enfrenta dificuldades é quase certo que, proporcionalmente, seus associados não estão dedicando o seu trabalho dentro das Comissões. Percebam que se o quadro social está pequeno, se cada associado não funciona, se as campanhas comunitárias foram abandonadas, alguma Comissão não está cumprindo bem o seu papel.

Existe um paradigma que diz: todo Leão é uma pessoa ocupada. E tem que ser mesmo, pois Lions não é lugar para desocupados. A experiência tem mostrado que, mesmo com seus afazeres, o Leão sempre consegue tempo quando tem em mente a obstinação pelo ideal de servir. Nos Clubes, em média, nem 50% dos Companheiros, Companheiras e Domadoras liberam o potencial maravilhoso que têm em si e que serviu de base para que fossem convidados a ser Leões. Se, com essa proporcionalidade, o Lions tem mudado o mundo com suas grandiosas campanhas, tanto a nível internacional como local, imaginem se essa proporção atingisse 100% ou chegasse perto disso.

Como se pode notar, Lions tem um pouco de matemática. Não adianta termos só teoria e boas ideias. Ser um profundo conhecedor dos estatutos, regimentos, normas, manuais e não se aliar à prática do servir. É a química leonística que, em doses proporcionalmente equilibradas, alia a teoria à prática na obtenção de um resultado que atenda às necessidades do ser humano como um todo. Precisamos dar nossa parcela de colaboração para mudar essa ridícula proporção. É necessário conseguirmos tempo, sacrificando, inclusive, parte do nosso lazer pessoal.

Lions pode mudar o mundo! Pensem nisso! Cabe a cada um de nós efetuar essa mudança! Vamos tentar?

DG ANTONIO PAULO CALIENTO, Governador do Distrito

 

EDITORIAL:

 

Dificilmente o mundo será o mesmo depois da chegada da Covid-19. Sofremos, e sofreremos, uma dramática transformação social com esse vírus que nos assola de forma tão devastadora. A situação está aí para quem quiser ver. O futuro é incerto e não sabido!

A sociedade foi atingida como um todo. Mortes inesperadas e aos milhares. Famílias isoladas e em desespero. Desemprego generalizado. Muitos ainda morrerão não apenas acometidos pelo vírus mortal e invisível, mas, também, pela fome que poderá alcançar os menos favorecidos. Apenas o serviço desinteressado e a notável ação dos voluntários não servirão para amainar a pandemia. Só nos resta orar e clamar ao bom Deus que nos acolha com Sua luz divina.

O Brasil não difere da maioria dos países do mundo, principalmente os subdesenvolvidos ou em desenvolvimento, entre os quais nos encontramos. Nossa população menos favorecida foi atingida pelo vírus de forma avassaladora. A mídia nos mostra, diariamente, a fila dos desesperados para receber o benefício social emergencial que está sendo pago pelo governo, mas por um período curto e estabelecido. Não será suficiente para aliviar as necessidades de quem muito precisa, pois tem um fim pré-determinado. E nesse curto espaço de tempo o vírus certamente ainda estará entre nós. O tamanho da atual pandemia é improvável, mas está ai.

A Covid-19 representa o maior desafio sanitário do último século, com impactos devastadores na vida dos cidadãos, inclusive dos membros da nossa família leonística. Desde o último mês de março, as autoridades determinaram o distanciamento social como uma estratégia capaz de conter a disseminação da doença. Com a implantação desse distanciamento social, houve significativa retração das pessoas, afastando-as das suas atividades e causando-lhes sérios prejuízos de ordem social e financeira, atingindo inclusive nossos Companheiros, Companheiras e Domadoras.

A situação atual tem provocado incertezas e dúvidas quanto à conveniência do relaxamento das atividades no atual estágio do combate à pandemia, pois isso depende de determinação e perseverança. São dúvidas e incertezas quanto ao início da volta ao novo normal.

Não podemos tapar o sol com a peneira. Nosso quadro associativo, hoje, penso e posso estar enganado, não é composto por uma maioria que membros que possua folgada estrutura financeira. O Lions de outrora, dos anos dourados, era constituído, em sua maioria, por um grupo de pessoas com apreciáveis recursos financeiros. Hoje a situação é outra; o Lions empobreceu. Hoje, na totalidade, somos constituídos por notáveis Companheiros que não possuem recursos em grandes disponibilidades, inclusive eu.

O Lions, então, como um todo, e seus associados, provavelmente estão sendo igualmente atingidos pela atual pandemia.Se o vírus permanecer entre nós por muito tempo penso que, infelizmente, poderemos ter um comprometimento em nossa estrutura administrativa, inclusive em nosso quadro associativo, pois muitos, mesmo amando e se dedicando ao leonismo, mas diante da situação, poderão querer dar preferência ao bem-estar e necessidades das suas famílias. É aos que pensam assim que dirijo meu dramático apelo: por favor, se esforcem para resistir. Elevem seus pensamentos para nossos ideais do serviço desinteressado. Muitos precisam de nós!

Precisamos começar, agora, a pensar em um novo modelo de gestão para estarmos à frente de um novo tempo!

           

PDG ANTONIO DOMINCOS ANDRIANI, Coordenador Geral do Distrito

 

 

RECONHECIMENTO AO IPDG GUSTAVO JOSÉ GIL DE ALMEIDA:

           

Há poucas horas terminou a gestão do IPDG Gustavo José Gil de Almeida à frente da Governadoria do Distrito LC-6 durante o ano leonístico de 2019/2020.

Apesar do final do seu ano conturbado pela pandemia da Covid-19 em nosso país, ele conseguiu, com o incondicional apoio da sua CaL Maria e equipe, levar nosso barco para um porto seguro. Parabenizamos o IPDG Gustavo pela sua estoica atuação. Poucos são aqueles que, como ele, podem levantar a cabeça e dizer: cumpri missa missão!

E você, IPDG Gustavo, cumpriu sua missão galhardamente, dando tudo de si para a grandeza do nosso Distrito LC-6. Continuamos contando com você!

 

 

1.ª REUNIÃO DO COMITÊ DO GABINETE DISTRITAL DE 2020/2021:

 

Será realizada em Ribeirão Preto, no dia 26 de julho de 2020, domingo, a partir das 09:30 horas. Infelizmente, diante dos impactos causados pela Covid-19, a reunião não será de forma presencial e ocorrerá através de vídeo conferência.

A programação do evento e outros detalhes para a necessária conexão estão sendo fornecidos através da Convocação que o Secretário do Distrito está divulgando aos interessados e expedindo no dia de hoje.

Face ao quadro em que nos encontrados, o Governador Caliento conta com a compreensão e participação de todos, para que possamos continuar mantendo nossas atividades e renovando nossos laços de amizade e companheirismo.

 

 

NOMEAÇÃO DA EQUIPE DA GOVERNADORIA PARA 2020/2021:

 

Estamos anexando a Resolução n.º 01-2020/2021, de 01 de julho de 2020, editada pelo Governador do Distrito, que institui a organização distrital para o ano leonístico 2020/2021, define a sede administrativa, a área geográfica, os órgãos e os dirigentes titulares que atuarão na gestão dos interesses do Distrito LC-6.

Recomendamos que a Resolução tenha ampla divulgação entre os Companheiros Leão, Companheiras Leão e Domadoras do Clube, para que haja uma conectividade saudável entre todos os envolvidos e interessados.

 

 

CRIAÇÃO DO CONSELHO DE ÉTICA:

           

O DG Caliento, através da Resolução n.º 02-2020/2021, de 01 de julho de 2020, está criando o Conselho de Ética do Distrito LC-6 para exercer suas atividades durante o presente ano leonístico.

Referido Conselho passará a exercer suas funções a partir do dia 27 de julho de 2020, ou seja, no primeiro dia útil seguinte após sua aprovação pelo Comitê do Gabinete Distrital, cuja reunião está marcada para 26/07/2020, e de conformidade com o que estabelece o § 6.º do artigo 15 do nosso Estatuto.

Segue anexa a Resolução aqui mencionada, para conhecimento e divulgação.

 

DIRETORIA 2020/2021 DO CONSELHO DE EX-GOVERNADORES:

           

Durante a 4.ª reunião do Conselho de Ex-Governadores do Distrito LC-6, realizada no dia 03 de maio de 2020, às 10:00 horas, através de vídeo conferência a partir da cidade de Orlândia (em virtude da pandemia do Covid-19), o PDG Lauro Hyppolito foi eleito presidente do Colegiado para o ano leonístico 2020/2021.

Conforme disposições estatutárias (artigo 20, § 3.º do Estatuto do Distrito LC-6), o PDG Lauro nomeou sua Diretoria para o presente ano leonístico, que ficou assim constituída:

Presidente:

PDG Lauro Hyppolito   

Vice-Presidente:

PDG Gustavo José Gil de Almeida

Secretário: PDG Antonio Domingos Andriani
Tesoureiro PDG Alcides Viotto
Diretor Social: PDG José Gomes Duba das Chagas

 

 

 

 

O Estatuto do Distrito LC-6 normatiza as funções do Conselho, estabelecendo, entre outros, os seguintes objetivos e atribuições:

- O Conselho é um órgão consultivo e opinativo do Governador do Distrito, constituído por todos os Ex-Governadores do Distrito LC-6 ou de outros Distritos brasileiros que permanecem no leonísmo ou que, por motivos de mudança definitiva de residência, venham a pertencer a algum dos Lions Clubes do Distrito, e terá por finalidade dirimir dúvidas quanto à aplicação dos objetivos leonisticos, da infringência ao Código de Ética e outros assuntos a critério ou solicitados pelo Governador do Distrito.

- O Conselho poderá, também, em caráter de excepcionalidade, ou por determinação do Governador do Distrito, ser considerado órgão deliberativo para tratativa de temas específicos.

- O Conselho reunir-se-á de três em três meses, ou extraordinariamente sempre que convocado pelo seu Presidente ou pelo Governador do Distrito, ou por um terço dos seus membros, devendo obrigatoriamente em todas as reuniões ter Ordem do Dia específica, e suas atas divulgadas na forma que for estabelecida.

- O Conselho terá um Presidente, um Vice-Presidente, um Secretário, um Tesoureiro e um Diretor Social.

- O Presidente do Conselho será eleito em escrutínio secreto, ou por aclamação quando for candidato único, entre todos os membros presentes em sua quarta reunião ordinária do ano leonístico, que será realizada anteriormente à quarta reunião do Comitê do Gabinete Distrital do LC-6, e não poderá ser reeleito para o exercício imediatamente seguinte. A posse dar-se-á na mesma reunião em que foi realizada a eleição.

- A nomeação do Vice-Presidente, do Secretário, do Tesoureiro e do Diretor Social será de livre escolha do Presidente do Conselho e poderão, em caráter de excepcionalidade, ser escolhidos aqueles que já tenham participado da Diretoria na gestão anterior.

- O Conselho terá um Regimento Interno próprio.

Em uma das nossas próximas cartas divulgaremos, para conhecimento, o Regimento Interno do Conselho de Ex-Governadores do Distrito LC-6.

           

RESULTADO DAS ELEIÇÕES DA 21.ª CONVENÇÃO DISTRITAL:

 

Durante a 21.ª Convenção do Distrito LC-6, realizada na cidade de Icém, no dia 09 de maio de 2020, houve a eleição para os cargos de Governador do Distrito, 1.º Vice-Governador, 2.º Vice-Governador, além da aprovação do novo Estatuto do Distrito LC-6.

Total de Clubes que participaram do evento: 51

Total de Delegados inscritos: 151

Resultados apurados:

SIM NÃO BRANCOS NULOS

Governador:

CL Antonio Paulo Caliento 146 1 3 1
1.º Vice-Governador: CL Glauber Gomes da Silva 141 8 1 1
2.º Vice-Governador: CL Roberto Luiz de Freitas 137 11 3 0
Novo Estatuto    132 12 6 1


Os eleitos para o ano leonístico 2020/2021 tomaram posse no dia de hoje e o Estatuto entrou em vigor nesta data.

           

PRÓXIMAS CONVENÇÕES INTERNACIONAIS:

 

 104.ª Montreal (Canadá) De 25 a 29 de junho de 2021
 105.ª Delhi (ìndia) De 01 a 05 de julho de 2022
 106.ª Boston (Estados Unidos) De 07 a 11 de julho de 2023
 107.ª Melbourne (Australia) De 21 e 25 de junho de 2024
 108.º Cidade do México (México) De 04 a 08 de julho de 2025

A Diretoria Internacional, em reunião realizada no último mês de abril, já definiu que a 109.ª Convenção Internacional de 2016 será realizada em Washington, DC, Estados Unidos. A data será divulgada oportunamente.

 

 

FOLAC DE 2021 CANCELADO:

 

Diante da situação que estamos vivendo, e possíveis consequências futura de saúde, econômica e financeira dos países da Área III, onde está situado nosso Distrito LC-6, o FOLAC de 2021 foi cancelado.

Estava previsto para a cidade de Bucaramanga, na Colômbia.

O evento da Colômbia foi transferido para janeiro de 2022, no mesmo local.

O FOLAC de Assunção, no Paraguai, foi confirmado para janeiro de 2023.

 

 

HOMENAGEM AOS GOVERNADORES ELEITOS:

 

Durante reunião da Diretoria da Associação Internacional, realizada em 18 de junho último, foi apresentada uma “Proposição” para que os Governadores 2020/2021, que estão tomando posse no dia de hoje, sejam homenageados na Convenção Internacional de Montreal em 2021. Houve aceitação por parte da Diretoria, que ficou de verificar a viabilidade, estudando a forma de captar fundos financeiros para concretização da proposta.

Seria um reconhecimento aos Governadores de Distrito que não tomaram posse numa Convenção Internacional, uma vez que a Convenção de Singapura, que seria realizada este ano, foi cancelada.

Vamos aguardar para ver o que acontece!

 

 

PDG DUBA ELEITO 1.º VICE-PRESIDENTE DO DMLC:

           

Foi realizada no último domingo, dia 28 de junho, a eleição para a Diretoria 2020/2021 e alteração do Estatuto do Distrito Múltiplo LC, ao qual nosso LC-6 está vinculado.

A eleição foi virtual, em virtude da pandemia ocasionada pela Covid-19. Votaram 866 Delegados dos 9 Distritos que compõem o DMLC.

Conforme é do conhecimento da nossa família leonistica, o estimado PDG José Gomes Duba das Chagas foi candidato ao cargo de 1.º Vice-Presidente daquele Colegiado, obtendo expressivos 95,84% dos votos válidos.

O resultado final apontou a seguinte composição para o DMLC 2020/2021:

 

    SIM BRANCO NÃO

%

 SIM

Presidente PDG Eduardo Jacob (LC-3) 838 22 06 96,76
1.º Vice PDG José Gomes Duba das Chagas (LC-6) 830 24 12 95,84
2.º Vice PDG Sérgio Yukishigue Chiyoda (LC-8) 833 17 1 96,18
Alteração do Estatuto do DMLC 767 20 79 90,66

 

                                                                                                                      

Cumprimentamos os eleitos, especialmente nosso PDG Duba, pela vitória, augurando-lhes votos de profícua gestão na direção do DMLC 2020/2021. No próximo ano, com certeza, nosso PDG Duba será guindado ao cargo de Presidente do nosso Distrito Múltiplo, para orgulho e júbilo de todos nós

 

MARCAÇÃO DAS VISITAS DO CASAL GOVERNADOR AOS CLUBES:

 

Apesar da situação que estamos vivenciando com a pandemia da Covid-19, não podemos deixar de procurar manter nossas atividades. Já abrimos a agenda para marcação das visitas do casal Governador dos Clubes do Distrito.

Solicitamos que cada Presidente agende essa visita em consenso com os membros do Clube. Depois, informe duas datas para esta Coordenadoria: uma preferencial e outra alternativa. Confirmaremos a data.

O Lions Clube de Mirassol saiu na frente e já marcou a visita: será no dia 19 de setembro de 2020. Ainda no mês de setembro temos agendado para o dia 26, sábado, em São Joaquim da Barra, o “ 30.º Encontro das Domadoras e Companheiras Leão”.

Exceto em sua participação nas reuniões do Comitê do Gabinete Distrital, Convenção Distrital, Conselho de Governadores do Distrito Múltiplo LC e outras programadas pelos órgãos superiores, o Governador Caliento, preferencialmente, não marcará visita aos Clubes do Distrito aos domingos.

 

CRITÉRIOS PARA ESCOLHA DO CANDIDADO A VICE-GOVERNADOR:

 

A escolha do candidato ao cargo de Vice-Governador do Distrito LC-6, anos atrás, e que hoje, com as regras da adotadas por Lions Internacional, passou a ser para os cargos de 1.º Vice-Governador, 2.º Vice-Governador e 3.º Vice-Governador, sempre causava polêmicas e contratempos entre os Clubes do Distrito, causando cizânias que comprometiam a concórdia e o bom companheirismo que deve existir na família leonística. Aconteceram casos em que vários Companheiros foram apresentados para concorrer ao cargo de Vice-Governador, num mesmo ano leonístico, e apresentados por Clubes de Regiões diferentes.

O Conselho de Ex-Governadores do Distrito LC-6 (que possui PDGs pertencentes a Clubes das diversas Regiões), sempre atento ao seu dever de promover o alto espírito de amizade e lealdade que deve haver entre nós, e evitar que o assunto atingisse proporções que nada contribuíam para a harmonia que deve existir em nossa família, entrou no circuito, alguns anos atrás, para resolver a disputa e conseguiu uma solução salomônica.

Houve, então, um acorde de cavalheiros entre os membros do Conselho, segundo o qual, e a partir da situação existente à época, deveria haver um rodízio entre as Regiões do Distrito para apresentar candidatos ao então cargo de 1.º Vice-Governador (era o único existente na ocasião; hoje a situação está diferente), a fim de permitir que o assunto fosse conduzido de forma a evitar disputas e traumas prejudiciais.

Referido acordo foi aprovado, estabelecendo que o rodizio para apresentar candidatos, sequencialmente, seria entre as Regiões B, A, E, C e D. O acordo constou da ata da reunião do Conselho que o definiu.

Com a implantação e manutenção desse rodízio, que prevalece até hoje, o Conselho de Ex-Governadores do Distrito LC-6 conseguiu a necessária harmonia de convivência em toda nossa unidade leonistica.

Neste ano leonístico, já com a inclusão do cargo de 2.º Vice-Governador no rodízio, a composição ficou assim definida: Governador (da Região D), 1.º Vice-Governador (da Região A) e 2.º Vice-Governador (da Região E).

Com a criação do cargo de 3.º Vice-Governador do Distrito, previsto em nosso Estatuto que entrou em vigor no dia 01 de julho de 2020, as eleições nas Convenções Distritais a partir do próximo ano leonístico irão contemplar os seguintes cargos:

22.ª CD – Abril de 2021 – AL 2021/2022: 

Governador (Região A)

1.º Vice-Governador (Região E)

2.º Vice-Governador (Região C)

3.º Vice-Governador (Região D)

23.ª CD - Abril de 2022 - AL 2022/2023:   

Governador (Região E)

 1.º Vice-Governador (Região C)

 2.º Vice-Governador (Região D)

3.º Vice-Governador (Região B)

24.ª CD - Abril de 2023 - AL 2023/2024:   

Governador (Região C)

1.º Vice-Governador (Região D)

2.º Vice-Governador (Região B)

3.º Vice-Governador (Região A)

25.ª CD - Abril de 2024 - AL 2024/2025:   

Governador (Região D)

1.º Vice-Governador (Região B)

2.º Vice-Governador (Região A)

3.º Vice-Governador (Região E)

26.ª CD - Abril de 2025 - AL 2025/2026:   

Governador (Região B)

1.º Vice-Governador (Região A)

2.º Vice-Governador (Região E)

3.º Vice-Governador (Região C)

 

E assim sucessivamente. Sempre que uma Região não apresentar candidato, ou houver desistência, a vaga será preenchida pela Região que vier na ordem de precedência (neste caso, o esquema acima será modificado).

Uma ressalva: a eleição para o cargo de 3.º Vice-Governador somente ocorrerá após o DMLC estar organizado para receber o Companheiro e estar aparelhado para lhe prestar o treinamento necessário, conforme estabelece o § 2.º do artigo 70 do Estatuto do Distrito LC-6, que está entrando em vigor no dia de hoje.   O Governador do Distrito tudo fará junto ao Presidente do DMLC para que o Múltiplo se prepara para essas incumbências.

 

DECRETAÇÃO DE LUTO OFICIAL NO DISTRITO:

           

Existe uma resolução vigente no Distrito LC-6, de autoria deste Coordenador e aprovada em Convenção Distrital, que autoriza o Governador do Distrito decretar luto oficial no Distrito sempre que ocorrer o falecimento de um Companheiro Leão, Companheira Leão ou Domadora.

O luto é um sentimento profundo de tristeza, dor e pesar pelo falecimento de alguém. É caracterizado por um período de consternação e saudade pela perda de um ente querido.

Pela nossa unidade e irmanação leonística, temos o dever se refletir sobre a morte de alguém que, em vida, teve atuação significativa dentro de cada Clube e do nosso movimento.

Diante do fato, vamos, a partir deste ano leonístico, restabelecer a prática do Governador Caliento decretar luto oficial de três dias no Distrito LC-6 sempre que ocorrer o falecimento de algum CL, CaL, DM ou Leo.

Para que isso seja viabilizado a contendo, e não perca a oportunidade, vamos precisar da ação direta e imediata da Diretoria de cada Clube. Sempre que ocorrer um fato dessa natureza, e se possível no mesmo dia do falecimento, os Clubes devem comunicar o fato para esta Coordenadoria, por telefone ou e.mail, para que possamos editar a resolução de luto oficial que será firmada pelo Governador Caliento.   Mesmo num momento de tristeza e dor, esperamos contar com a atenção dos diligentes dirigentes dos nossos Lions Clubes.

           

REPETIR E NÃO REPETIR, EIS A QUESTÃO:

           

Tornou-se protocolar, no final de cada reunião leonística, o dirigente da solenidade solicitar que algum Companheiro Leão ou Companheira Leão faça a leitura da “Oração pelo Brasil” ou da Oração Final”. Ambas têm texto altamente significativo e exalta os ideais do nosso serviço desinteressado.

Existe, porém, um fato que vem deslustrando o protocolo leonístico. A “Oração pelo Brasil” deve ser repetida pelos presentes. A “Oração Final” não deve ser repetida pelos presentes. Dessa forma, quando alguém for convidado para proferir a “Oração pelo Brasil”, deve se dirigir aos presentes e dizer: “por favor, repitam comigo”, e ler a mensagem pausadamente para que todos possam acompanhar e repetir seus enunciados. Infelizmente ainda existem alguns membros da nossa família leonística, inclusive altos dirigentes que, ao ler a “Oração Final”, pedem que os presentes repitam seus enunciados. Vamos corrigir enquanto é tempo!

 

VALOR DO DOLAR LEONÍSTICO PARA O MÊS DE JULHO DE 2020:

 

Lions Internacional não havia divulgado, até às 10:40 horas deste dia 01 de julho, o valor do dólar leonistico para o mês de julho. Os interessados na informação poderão abrir o link https://www.lionsclubs.org/pt/resources-for-members/resource-center/exchange-rates,

clicar em taxas de câmbio e clicar no mês desejado.

 

A “INVOCAÇÃO A DEUS” OFICIAL:

 

Invocar a Deus é um monólogo de fé, que inspira cada um e conduz a todos para os mais elevados pensamentos e ideais. Existem centenas, milhares de belíssimos textos que servem para esse momento de inspiração e reflexão. Todos são válidos e importantíssimos!

No leonismo, porém, existe uma “INVOCAÇÃO A DEUS” oficial. É uma prece que, no início das reuniões, os membros do Clube fazem pedindo amparo para os trabalhos que vão encetar. O autor dessa Invocação foi o CL Pedro Afonso Mibielli de Carvalho, Governador 1960/61 do então Distrito L-Centro-2 e igualmente Presidente do CNG do mesmo ano leonístico. Seu texto foi aprovado por resolução do CNG durante a 8.ª Convenção de Lions Clubes do Brasil, realizada em Porto Alegre/RS, em maio de 1963. A melhoria do texto da redação foi proposta pelo CL Mário Simões Mendes, do LC de Campinas/SP, e aprovada como recomendação pelo CNG 1981/1982, durante a 29.ª Convenção de Lions Clube do Brasil, realizada em Balneário Camboriú/SC, em maio de 1982. Sua redação oficial é a seguinte:

“SENHOR, nós Vos agradecemos o estar aqui reunidos, para nos conhecermos melhor e, assim, poder servir melhor os nossos semelhantes.

Dai-nos a humildade, a sabedoria e a força necessárias para cumprir nossos deveres com entusiasmo e tenacidade.

Dai-nos a bondade e a tolerância, para respeitar a opinião dos demais e alimentar a aspiração de todos de servir a humanidade.

Protegei nossa grande família leonística, a qual trabalha, hoje e sempre, pelo culto da amizade, do amor ao próximo e do serviço desinteressado.

Velai, SENHOR, pelos destinos do Brasil e bendizei nosso trabalho.

Assim seja!”

Em muitas publicações leonísticas que circulam pelo Brasil, como revistas e boletins de Clubes, nominatas de Clubes e Governadorias, entre outras, está havendo uma deturpação do texto oficial da “Invocação a Deus”, com alterações desvinculadas do texto original, inclusive com a repetição da expressão SENHOR em todos os parágrafos. O que é louvável, mas não é correto, pois difere do documento original.

É preciso começar a pensar com seriedade sobre os textos dos documentos oficiais do leonismo. Assim, como colaboração, estamos sugerindo que providências sejam tomadas por quem de direito para que haja uma correta divulgação do texto oficial da “Invocação a Deus” do leonismo brasileiro.

 

A IMPORTÂNCIA DA INSTRUÇÃO LEONÍSTICA:

 

A instrução leonística é a forma de se manter Companheiros Leão, Companheiras Leão e Domadoras do Clube, independentemente do tempo de afiliação de cada um, atentos e conscientes a respeito da filosofia do movimento leonístico, das leis que o regem, da sua organização e, acima de tudo, da importância do nosso envolvimento com o legado que nos foi deixado por Melvin Jones e seus seguidores.

Uma das formas de manter viva essa chama de ideais é incentivar e incrementar a realização de instrução leonística, no seu sentido mais amplo e irrestrito, durante todas as assembleias realizadas.

O Clube, evidentemente, para realização dessa atividade fundamental, deverá ter ou montar um esquema que melhor convier ou se adaptar às suas realidades.

Importante e essencial é que, em cada assembleia, seja prevista a realização de uma instrução leonística, com indicação antecipada do Companheiro, Companheira ou Domadora que irá realizá-la. O tema pode ser livre, mas sempre ligado ao nosso movimento ou com o qual tenha relacionamento.

Considerando que, eventualmente, algum CL, CaL ou DM possa precisar de tempo para preparar ou mesmo realizar alguma pesquisa, e para evitar que ninguém alegue aquele famoso ter sido “pego de surpresa” para se esquivar da atribuição, a Diretoria do Clube poderá organizar uma escala daqueles que serão responsáveis pelas palestras das instruções leonisticas a serem realizadas nas assembleias futuras, divulgando referida escala com alguma antecedência.

Estamos fazendo este registro tão somente para realçar a importância dessa atividade fundamental para aprimoramento do nosso movimento, e com a participação de todos

 

AVALIANDO SEU “QI” EM LEONISMO:

Você já fez algum teste de QI no leonismo?   QI é a abreviatura de “Quociente de Inteligência”. É um teste desenvolvido para analisar as capacidades cognitivas de uma pessoa. E para quem pensa que é algo recente, os chineses já realizavam exames semelhantes há milhares de anos atrás, desde o ano de 606. No entanto, um teste de QI não significa que uma pessoa seja mais inteligente do que a outra. Na verdade, analisa as habilidades de uma pessoa, e não significa nem um pouco que uma é melhor que a outra.

As questões abaixo são canalizadas para aqueles que ingressaram no movimento leonístico em época não muito distante. Isso não impede, porém, que igualmente possa merecer a atenção daqueles mais antigos, já que pode servir para solidificar ainda mais seus conhecimentos com a causa que tanto nos identifica.

Se você nunca fez um teste de QI no leonismo, agora é a sua vez! Vamos procurar enviar umas 4 ou 5 questões em cada carta mensal.

Assinale a resposta que julgar correta e, depois, pesquise para verificar qual o seu QI em leonismo. As respostas estão no final desta carta. Vamos participar? O leonismo merece um pouco do nosso tempo!

    1. O primeiro presidente da Associação Internacional de Lions Clubes, depois reformulação foi
      a) Paul Harris;
      b) Melvin Jones;
      c) William Woods.

    2. Por que foi escolhido o nome Lions para nossa organização?

    3. A primeira Convenção da Associação Internacional de Lions Clubes, em sua nova fase, foi realizada na cidade de ____________, Texas, Estados Unidos.

    4. O nosso Presidente Internacional é designado pela Diretoria da Associação Internacional:
      a) verdadeiro;
      b) falso.

    5. Os ideais básicos do leonismo não estão relacionados com a convicção política e religiosa, e tampouco com a nacionalidade de uma pessoa: a) verdadeiro;
      b) falso.

 

ALGUNS “PITÁCOS” LEONISTICOS:

  1. A sede da Associação Internacional de Lions Clubes está instalada em Oak Brook, Illinois, Estados Unidos, para onde foi transferida em 01 de junho de 1971. O orador oficial da inauguração da sede própria internacional foi o saudoso PIP João Fernando Sobral, de São Paulo, Capital.

  2. Até fevereiro de 1921 os negócios da Associação eram tratados no próprio escritório da seguradora de Melvin Jones. Naquele mês foi transferida para um imóvel alugado na South Michigan Avenue n.º 322, em Chicago. Ali permaneceu até 1955, quando Lions Internacional adquiriu sua primeira sede própria, localizada na North Michigan Avenue n.º 209, também em Chicago. Em 01 de junho de 1971 foi transferida definitivamente para Oak Brook.

  3. O Código de Ética do Leão foi adotado em 21 de agosto de 1918, no encerramento da II Convenção Internacional, realizada em St. Louis, Missouri, Estados Unidos. Os Objetivos do Lions Clube, que a partir de setembro de 2007 passaram a ser denominados Propósitos, foram adotados em 11 de julho de 1919, no encerramento da III Convenção Internacional, realizada em Chicago, Illinois, Estados Unidos, O emblema do Lions foi adotado em 16 de julho de 1920, durante o encerramento da IV Convenção Internacional, realizada em Denver, Colorado, Estados Unidos, e é uma criação de Maurice Blink.

  4. O slogan ou moto é o acróstico (expressão concisa) da palavra LIONS, que no Brasil significa “Liberdade, Igualdade, Ordem, Nacionalismo e Serviço”. Nos Estados Unidos significa “Liberty, Inteligence, Our Nation’s Safety”. A redação brasileira foi foi alterada e aprovada pela Convenção Nacional realizada em Belo Horizonte, Minas Gerais, em maio de 1988, quando este Coordenador Geral, orgulhosamente, fazia parte do Colegiado nacional. O slogan do leonismo foi aprovado durante a realização da III Convenção Internacional.



NOVO ESTATUTO DO DISTRITO LC-6:

 

Estamos anexando a esta carta o novo Estatuto do Distrito LC-6, que entra em vigor a partir do dia de hoje.

Esse nosso documento maior teve seu texto alterado e atualizado pelo Conselho de Ex-Governadores do Distrito LC-6, com as alterações ocorridas no movimento leonístico nos últimos dez anos (observem, por exemplo, que agora já temos a figura do 3.º Vice-Governador do Distrito), foi analisado pela competente Comissão Técnica de Estatutos e Regulamentos e aprovado pelos Delegados credenciados pelos Clubes durante a 21. Convenção Distrital do LC-6, realizada na cidade de Icém no dia 09 de maio de 2020.

Seria aconselhável que os Presidentes de Clubes, como proposta de instrução leonística, colocassem para análise trechos do novo Estatuto durante a realização das suas reuniões ordinárias, possibilitando aos seus associados discussões sobre as diretrizes do documento.

 

 

CALENDÁRIO LEONÍSTICO DO MÊS DE JULHO:


01 – Início do ano leonístico

04 – Dia da aprovação do ingresso das mulheres como associadas (1987)

23 – Fundação do primeiro Clube de Lions em São Paulo (1952)

Comemora-se em julho, ainda, o “Mês dos Presidentes de Clubes” e a “Posse das Diretorias dos Lions Clubes”.

Os Clubes devem incluir no seu calendário leonístico, também, no mês que couber, o “Dia da Fundação”, o “Dia da Carta Constitutiva” e o “Dia do Recebimento da Carta Constitutiva”

 

CALENDÁRIO CÍVICO DO MÊS DE JULHO:


02 – Dia do Bombeiro

09 – Dia da Revolução Constitucionalista (1932)

11 - Dia do nascimento de Carlos Gomes (1836)

18 – Dia em que D. Pedro II foi coroado Imperador do Brasil (1841)

20 – Dia do nascimento de Alberto Santos Dumont (1873)

20 – Dia do Amigo

25 – Dia do Motorista

29 – Dia do nascimento da Princesa Isabel (1846)


INSTRUÇÃO LEONÍSTICA COMENTADA: “COMO PREPARAR, ORGANIZAR E DIRIGIR UMA ASSEMBLÉIA ORDINÁRIA DE LIONS CLUBE”:

    
A assembleia ordinária de um Lions Clube também deve primar pela observância do protocolo leonístico. Este, se observado, servirá não apenas para aprimorar a prática leonística como, igualmente, para fazer com que a reunião transcorra de forma ágil e num clima agradável e de elevada grau de companheirismo.

Fornecemos a seguir, com o intuito exclusivo de procurar colaborar, um roteiro daquilo que, em nosso modesto entendimento, deve ser o desenvolvimento de uma assembleia ordinária do Clube:

Ato n.º 1: No horário estabelecido o Presidente ou a Presidente bate o sino.

Comentário: Os membros do Clube devem fazer o possível e comparecer no local da reunião com alguns minutos de antecedência. Horário foi feito para ser cumprido. É preciso acabar com o desagradável costume de se marcar uma reunião para as 20:00 horas e ela comece pelo menos meia hora depois. Deve-se, acima de tudo, respeitar aqueles que sempre chegam no horário. No horário determinado pela convocação, o Presidente ou a Presidente deve bater o sino e iniciar os trabalhos. Aqueles que eventualmente chegarem após o início da reunião devem se acomodar em silêncio, evitando, inclusive, qualquer tipo de cumprimento para não atrapalhar o andamento dos trabalhos.


Ato n.º 2:
O Presidente ou a Presidente abre os trabalhos: “Invocando a Deus, e pela grandeza do Brasil, declaro aberta esta assembleia ordinária do nosso Clube.”

Comentário: Depois da abertura protocolar, será sempre elegante o Presidente ou a Presidente solicitar um minuto de silêncio pela paz mundial e pelo registro de algum acontecimento que, eventualmente, tenha envolvido algum associado ou seus familiares e que mereça a solidariedade do Clube.


Ato n.º 3:
O Presidente ou a Presidente bate o sino e solicita que os presentes permaneçam em pé (e não de pé – pois quem está sem pé infelizmente é deficiente físico), e convida algum Companheiro, Companheira ou Domadora para que proceda a Invocação a Deus.

Comentário: O indicado ou indicada para a missão não deve repetir a expressão “Invocação a Deus”. Esta já foi solicitada pelo Presidente ou pela Presidente. Está existindo, em nosso meio uma diversidade muito grande de invocações. No leonismo, porém, deve ser proferida aquela usual e que foi adotada oficialmente no leonismo brasileiro, aprovada durante a 29.ª Convenção Nacional de Lions Clubes do Brasil, realizada em maio de 1982 na cidade de Balneário Camboriú/SC. A Invocação oficial está sendo transcrita nesta carta mensal. Trata-se de um monólogo de fé, que nos inspira e conduz aos mais elevados ideais do leonismo. Durante a leitura da Invocação, os presentes devem se manter com postura firme e respeitoso silencio, e, ao final, repetirem “Assim seja!”.


Ato n.º 4:
O Presidente ou a Presidente bate o sino, solicita que os presentes permaneçam em pé, e convida todos para entoarem a primeira estrofe e coro do Hino à Bandeira.

Comentário: Durante a entoação da primeira estrofe e coro do hino, na forma oficial da letra de Olavo Bilac e música de Francisco Braga, os presentes devem cantar com moderação, com os braços estendidos junto ao corpo (alguns preferem colocar a mão direita posta à altura do coração, o que também é regulamentar), e dentro da maior mobilização possível. Nota-se, muitas vezes, a falta de respeito de alguns participantes quando da entoação do hino: uns olham para o teto, outros para o chão, alguns para os lados, e tem aqueles que chegam a conversar ou, até mesmo, coçar esta ou aquela parte do corpo. O posicionamento de cada um deve ser firme e respeitoso, sempre olhando diretamente para o Pavilhão Nacional.


Ato n.º 5:
O Presidente ou a Presidente bate o sino e solicita que todos ocupem seus lugares.

Comentário: Cerca de um minuto é mais que suficiente para que todos se acomodem e se coloquem em posição para participar da assembleia.


Ato n.º 6: O Presidente ou a Presidente bate o sino e solicita ao CL Secretário ou CaL Secretária para proceder a leitura da ata da reunião anterior e das correspondências recebidas entre a última e à presente assembleia.

Comentário: Depois da leitura da ata pelo Secretário ou Secretária, o Presidente ou a Presidente indaga dos participantes se existe alguma correção ao acréscimo a ser feito no documento. Se houver, solicita que o Secretário ou a Secretária registre. Depois, o Presidente ou a Presidente submete à aprovação da assembleia o texto da ata, inclusive com as retificações ou acréscimo que houver. Se aprovado, o Presidente ou a Presidente solicita ao Secretário ou Secretária que registre a aprovação, indicando se foi por unanimidade ou por maioria. Na sequência, o Secretário ou Secretária informa sobre as correspondências recebidas no período, registrando em ata uma síntese das mesmas. Deve-se recordar, sempre, que a ata representa a memória do Clube e a sua história e, portanto, tudo deve ser registrado. O Secretario ou a Secretária informa, também, sobre o quórum registrado na assembleia.


Ato n.º 7:
O Presidente ou a Presidente bate o sino e solicita que o CL Tesoureiro ou a CaL Tesoureira faça as comunicações sobre as finanças do Clube e leitura do balancete mensal, se houver, comparando receitas e despesas.

Comentário: O Tesoureiro ou a Tesoureira comenta a situação financeira do Clube. Sempre é bom lembrar que o Tesoureiro ou a Tesoureira não é o “cobrador do Clube”. Deve ser procurado e não procurar os interessados para que cumpram suas obrigações junto à tesouraria. Todas as movimentações ou pagamentos efetuados pelo Tesoureiro ou pela Tesoureira devem ser reportados ao Secretário ou à Secretária, através de fotocópias, para que conste na ata dos trabalhos e sejam anexadas ao Informe Mensal de Atividades do Clube.


Ato n.º 8:
O Presidente ou a Presidente bate o sino e passa a palavra ao Diretor Social para que este reporte os fatos relacionados com a sua pasta.

Comentário: O Diretor Social deve anunciar os aniversariantes e datas comemorativas do período, anunciar as programações do Clube e prestar contas dos eventos realizados no período anterior. Sempre é bom lembrar que os eventos do Clube são programados pela sua Diretoria, competindo à assembleia aprova-los ou não. Havendo presença de convidados ou visitantes na assembleia, compete ao Diretor Social fazer a saudação em nome do Clube


Ato n.º 9:
O Presidente ou a Presidente bate o fino e passa a palavra para o Diretor de Associados a fim de que ele comente as atividades da sua área.

Comentário: É importante a atuação do Diretor de Associados na estabilidade do quadro social do Clube. Ele deve incentivar Companheiros e Companheiras para viabilizar a apresentação de novos associados. Deve orientar os padrinhos para que deem acompanhamento leonístico aos novos associados, integrando-os nas atividades do Clube e acompanhando o desenvolvimento de cada um. Se, durante a assembleia, estiver presente algum candidato a associado já aprovado, o Diretor de Associados deve comandar uma auto apresentação dos presentes, que deve ser simples e objetiva.


Ato n.º 10:
O Presidente ou a Presidente bate o sino e concede a palavra aos demais Diretores do Clube (Diretor de LCIF, Diretor de GLT, Diretor de GMT, Diretor de GST e Diretor de Comunicação e Marketing), para que os mesmos, desejando, usem a palavra para comentar eventuais registros em suas pastas.

Comentário: É importante que os Diretores informem aos membros da assembleia sobre os fatos que estejam ocorrendo em suas pastas. Os associados precisam e devem conhecer o que acontece nos bastidores do Clube, do Distrito e da Associação Internacional e se mantenham informados, inclusive para opinarem e dar sugestões.


Ato n.º 11:
O Presidente ou a Presidente bate o sino e convida o Companheiro, a Companheira ou a Domadora previamente convocada para proceder a instrução leonística.

Comentário: A instrução leonística é a forma de se manter os Associados do Clube, independentemente do tempo de afiliação de cada um, atentos e conscientes a respeito da filosofia do movimento leonístico, da leis que o regem, da sua organização e, acima de tudo, da importância do nosso envolvimento com o legado que nos foi deixado pelos fundadores. E uma das formas de manter viva essa chama de ideais é incentivar e incrementar a realização de instrução leonística durante as assembleias. O autor da instrução leonística deve, preferencialmente, traze-la por escrito, para que, ao final, uma cópia seja entregue ao Secretário ou à Secretária a fim de constar da ata a ser encaminhada à Governadoria juntamente com o Informe Mensal de Atividades. O Presidente ou a Presidente, em cada assembleia, deverá convidar algum dos seus membros para proferir a instrução leonística da assembleia seguinte.


Ato n.º 12:
O Presidente ou a Presidente bate o sino e declara jaula aberta.

Comentário: A jaula aberta é a parte prática da assembleia. Nesta ocasião, o Presidente ou a Presidente comenta sobre os assuntos que ficaram em pendência e quais as soluções encontradas ou providências tomadas; propõe, com base em sugestões apresentadas, atividades que poderão ser realizadas; indica medidas que o Clube poderá adotar junto às autoridades para solução de determinados problemas existentes na comunidade, entre outros. Todos os assuntos sugeridos ou medidas a serem tomadas devem ser aprovadas pela assembleia. Durante a jaula aberta, o Presidente ou a Presidente deverá comandar a participação dos membros presentes à assembleia, solicitando que as participações sejam feitas uma a uma, individualmente, a fim de evitar choques de comentários ou discussões que possam tumultuar os trabalhos. E essa atuação do Presidente ou da Presidente é de relevante importância, pois depende deles cuidar da forma e condução dos assuntos que estiverem sendo discutidos, evitando que a reunião se torne excessivamente burocrática, prolixa e cansativa. O Presidente ou a Presidente deve se esmerar em descomplicar a assembleia e torna-la mais eficiente e objetiva, ou seja, mais agradável. Querer mudar o protocolo ou inovar sem medir as consequências é deixar de lado os procedimentos que garantem a grandeza do leonismo.


Ato n.º 13:
O Presidente ou a Presidente bate o sino e solicita que algum Companheiro ou Companheira faça a “Oração pelo Brasil”;

Comentário: É uma conclamação cívica de amor ao estudo e ao trabalho e da grandeza da nossa Pátria, que deve ser repetida com fervor pelos participantes da assembleia.


Ato n.º 14:
O Presidente ou a Presidente bate o sino, agradece a participação da sua Diretoria e dos demais participantes nos trabalhos da assembleia, marca a data e horário da próxima reunião, solicita uma salva de palmas ao Pavilhão Nacional e dá por encerrado os trabalhos.

Comentário: O agradecimento é uma forma elegante do Presidente ou da Presidente encerrar a assembleia. Deve agradecer todos aqueles que tiveram funções durante a reunião, quem fez a Invocação a Deus, o Secretário, o Tesoureiro, o Diretor Social, o Diretor de Associados, os demais Diretores que participaram, quem fez a instrução leonística, quem fez a Oração pelo Brasil e todos aqueles que tiveram participação ativa durante a jaula aberta. A confirmação da data da próxima assembleia também é indispensável. Para os que estiveram ausente, o Presidente ou a Presidente recomenda ao Secretário ou à Secretária para que os comuniquem pessoalmente.

 

PRECISAMOS DA SUA OPINIÃO:

 

Esta carta mensal, que é uma proposta inovadora para estabelecer um contato direto com os Clubes dos Distritos, não é exclusiva desta Coordenadoria Geral do Distrito. Muito pelo contrário! Ela é uma página aberta para nosso relacionamento!

Precisamos e gostaríamos de receber comentários sobre a mesma, com sugestões para seu aprimoramento, novas inclusões ou exclusões de temas, e até mesmo críticas construtivas a respeito da sua validade ou não.

Contamos e aguardamos a participação de todos para esse “feedback”, principalmente dos nossos estimados e estimadas Presidentes de Clubes do Distrito LC-6.

 

           

RESPOSTAS DA AVALIAÇÃO DO SEU “QI” EM LEONISMO:

 

  1. Dr. William P. Woods, cirurgião de Evansville, Indiana, Estados Unidos, e que representava a entidade Royal Order of Lions.

  2. Os preparativos finais para fundação da nova fase da Associação foram realizados no dia 07 de junho de 1917, no Hotel La Salle, de Chicago. Entre os 8 Clubes presentes existia o Royal Order of Lions, e este foi escolhido para a nossa organização. E o nome de Leão foi escolhido porque sua figura ímpar e importante consta na literatura e monumentos da maioria dos povos do mundo, simbolizando o valor, a força, a fidelidade e a ação.

  3. Dallas

  4.    Falso.  Ele é eleito pelos Delegados credenciados na Convenção Internacional.

  5. Verdadeiro

 

 Até a próxima e um fraterno abraço leonístico do

 

                                                                       PDG MJ ANTONIO DOMINGOS ANDRIANI

                                                                 Coordenador Geral 2020/2021 do Distrito LC-6

2ª RCG AL 20/21 

2ª RCG AL 20/21
3
3
2
2
1
1
2
2
0
0
6
6
4
4
5
5

Usuários Online 

Temos 28 visitantes e Nenhum membro online

Login 

Bem Vindo ao Distrito LC-6!

Distrito LC-6

Visitantes

3678060
Hoje
Ontem
Esta Semana
Última Semana
Este Mês
Último Mês
Total
3835
4225
13345
3560189
85877
109796
3678060

Seu IP: 3.210.201.170
20-10-2020 20:53

Curtir No FaceBook 

Scroll to top